Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Astrologia

A Alma Gémea

Todos nós, no mais íntimo do nosso ser, alimentamos a esperança de encontrar a nossa alma gémea, a pessoa que nos completa de forma perfeita, que nos aceita como somos e nos ama incondicionalmente.

alma gemea.jpg

Muitas pessoas relatam que, ao conhecerem a pessoa que amam, sentiram como se já conhecessem aquela pessoa, como se já tivessem vivido com ela um amor noutro tempo, noutra vida.

Quem acredita na Reencarnação defende que ao longo de sucessivas encarnações a alma vem à Terra com o propósito de realizar a sua aprendizagem, que a faz evoluir espiritualmente até voltar à Luz Suprema, de onde foi criada. Ao longo das várias vidas que vivemos vamo-nos cruzando com outras almas que reencontramos em mais do que uma encarnação – esta teoria explica porque razão algumas pessoas se sentem tão imediatamente familiarizadas com pessoas que acabaram de conhecer, como se já as conhecessem antes. E explica, também, porque razão outras pessoas sentem que têm um "karma amoroso" com alguém, como se tivessem de resolver nesta vida questões que tiveram início há muitos séculos atrás.

O conceito de Alma Gémea prende-se com a teoria da Reencarnação. O filósofo grego Platão colocou a hipótese de, num tempo primordial, sermos todos seres perfeitos, com uma metade masculina e outra feminina e uma só alma. Os homens achavam-se superiores por serem um todo tão harmonioso, e por isso os deuses castigaram-nos, dividindo-os ao meio. E reza a lenda que, desde então, todos nós vivemos à procura da pessoa que, no início dos tempos, era a outra metade de nós.

Como reconhecer a minha Alma Gémea?

O encontro com uma alma gémea é muito mais forte e muito mais intenso do que qualquer outro amor ou paixão que já viveu. Acima de tudo, o que caracteriza o encontro com uma alma gémea é a sua intensidade e, principalmente, a sua certeza.

Quando encontramos a nossa alma gémea, sabemos que "é ela a tal". Não conseguimos explicar porquê, nem encontrar uma justificação lógica, mas sabemos que aquela pessoa faz parte de nós, que estamos ligados a ela, e que a nossa vida nunca mais será a mesma depois de a encontrarmos.

Características de uma relação entre Almas Gémeas:

Este relacionamento traz os maiores desafios que a nossa vida amorosa alguma vez nos apresentou – porque com a alma gémea aprendemos, justamente, o amor puro e incondicional.

Facilidade de aceitação - os defeitos do outro deixam de ter importância, porque os aceitamos como parte dele e os amamos também, naturalmente, sem esforço.

É bastante comum que se encontrem em momentos-chave das suas vidas, e que o encontro esteja associado a uma estranha coincidência.

Encontrar a Alma Gémea é como chegar a casa. É encontrar alguém com quem nos sentimos inexplicavelmente seguros, bem, completos.
É insuportável estar separado dessa pessoa: estar afastado dessa pessoa dói, mais do que qualquer outra dor antes experimentada.

Tudo é sentido por ambas as partes. Quando apenas uma das pessoas sente esta intensidade, não podemos afirmar que se trate de Almas Gémeas. Num encontro de Almas Gémeas ambos sentem a impossibilidade de se afastarem,de forma inexplicável são atraídos um para o outro.

Nada voltará a ser como antes. Este encontro marca a vida de ambos de uma forma absoluta e irreversível, havendo um ponto de viragem.

Fazer as pazes é sempre mais importante do que o conflito, e não há zanga que se sobreponha à necessidade de estarem juntas.

Têm uma familiaridade imediata e enorme. É como se não houvesse nada a esconder àquela pessoa, a sensação de conforto sobrepõe-se a tudo o resto, havendo um imediato sentimento de paz e bem-estar, de pertença.

E se eu não encontrar a minha Alma Gémea?

O encontro de Almas Gémeas é incomparavelmente intenso e poderoso, e por essa razão só acontece quando ambas as almas estão preparadas para ele.

Mesmo que, nesta vida, não encontre a sua Alma Gémea, procure encontrar a alma certa para si – aquela que é a sua companheira para o momento da sua evolução espiritual que está a viver, a que vai ajudá-la a chegar ao próximo
nível.

Veja grátis: Horóscopo diário !

 

maria helena.jpg

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png 

O milagre das ervas

Ervas.jpg

 

Sabia que as ervas possuem propriedades energéticas que influenciam a nossa vida e nos dão proteção para afastar qualquer tipo de mal, a atrair e manter o amor verdadeiro na nossa vida, a ter paz e união familiar e, até, a atrair o dinheiro, o trabalho e a fortuna?


Cada planta possui poderes esotéricos distintos, que fazem com que cada uma seja mais adequada para determinado fim.
As ervas mágicas podem ser queimadas, sendo o seu fumo usado para purificar o ambiente onde se encontram, ou podem, também, ser acrescentadas à água do banho, sendo usadas como "banhos de limpeza espiritual", que atuam sobre o nosso campo energético, ativando as energias para o fim a que se destinam.

 

A arruda afasta a inveja, o mau olhado, e protege contra todo o tipo de mal. Diz-se que na Roma Antiga as mulheres costumavam andar pela rua com um ramo de arruda na mão, para se defenderem contra as doenças contagiosas e, sobretudo, para afastar todos os males como mau-olhado e bruxaria.


O jasmim é a erva do amor, da pureza, da verdade. Ele tem o poder de atrair os sentimentos mais nobres e verdadeiros. O perfume do jasmim torna-se mais forte durante a noite, assim como o amor que chega de mansinho e se insinua no coração, tomando-o por completo. Símbolo do sentimento em relação a quem se ama, o jasmim eleva a sua energia pessoal e ajuda a atrair e a manter o amor.


O alecrim atrai a fortuna, a riqueza e a prosperidade, assim como o sucesso profissional. O seu nome, em árabe, significa "alegria". Assim como o "alecrim dourado nasce no monte sem ser semeado", também o dinheiro será atraído para a sua vida, fazendo com que nunca lhe falte nem a si nem aos seus.

 

O rosmaninho tem um forte poder calmante e de proteção, apaziguando as zangas e acalmando os ânimos. Os magos antigos associavam esta erva à fidelidade, fazendo com que o casal e a família se mantenham unidos.

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

Feng Shui por Maria Helena - Alcance o sucesso e ganhe mais nos negócios!

Sabia que, apenas há trinta anos atrás, os conhecimentos de Feng Shui eram apenas transmitidos oralmente, a pessoas que os mestres escolhiam? Hoje em dia o Feng Shui é utilizado pelos detentores das grandes empresas e das marcas comerciais mais conhecidas, assim como personalidades famosas do mundo do espetáculo e da política, pois a sua eficácia é comprovada através da energia positiva que põe a circular e que se manifesta num aumento de lucros e de popularidade para essas mesmas empresas ou figuras públicas.


O Feng Shui tem, pois, uma aplicação prática a nível da vida económica, que não só não deve ser desprezada, como pode e deve ser utilizada por si, seja qual for a sua área de trabalho. Afinal de contas, é ou não a partir dele que vem a sua base de subsistência? Quer tenha negócios ou não, o Feng Shui irá ajudá-lo a aumentar os seus rendimentos e a tirar melhor partido das suas capacidades a nível profissional e pessoal. Se tem uma empresa ou pessoas a trabalhar para si, existem técnicas muito eficazes para conjugar as energias de modo a conseguir bom Feng Shui e assim aumentar os seus lucros.

 

1º degrau para o sucesso

Deve ter em conta que o Feng Shui não oferece receitas milagrosas, nem que se trata de uma forma de decoração como qualquer outra. O que importa aprender é, antes de mais, que o principal objetivo do Feng Shui é melhorar a circulação de energia no ambiente que o rodeia, e que para que isso aconteça é fundamental que haja equilíbrio e harmonia. Quer seja dono de uma grande empresa quer trabalhe num café de bairro, o Feng Shui pode e deve ser utilizado para tirar o melhor partido possível do local onde se encontra e para o ajudar, a si que me está a ler neste momento, a ter uma vida mais próspera e maior bem-estar.

 

2º degrau para o sucesso

Um dos princípios básicos do Feng Shui é a disposição dos móveis numa divisão ou num edifício. Não se trata de meras técnicas de decoração, saiba que a importância da disposição dos móveis se relaciona com o facto de que estes devem permitir à energia fluir da forma mais positiva possível, não criando obstáculos nem entraves à sua passagem. Por vezes, basta modificar o local onde se colocou aquele armário para notar um aumento do número de clientes que entram uma loja. E sabe porquê? Porque, sem se dar conta, esse armário podia estar situado num espaço que impedisse a entrada de bom Feng Shui ou, em termos palpáveis, que não atraísse os clientes para a sua loja. Os Chineses dedicaram-se ao estudo minucioso das leis que regem a circulação de energia no Universo, e por essa razão não é de estranhar que um dirigente de uma empresa se recuse a revelar a sua data de nascimento, pois acredita que ao fazê-lo está mais vulnerável, na medida em que esta data especial esconde os segredos de acesso à sua personalidade, e a partir do momento em que a revela a outra pessoa passa a ser passível de ser controlado por ela.  

 

3º degrau para o sucesso

De acordo com esta sábia filosofia, o segredo para o sucesso é estar em harmonia com o Céu e a Terra. Sabe como? Para estar em harmonia com o Céu, deve agir no momento certo, e aprender a determiná-lo. Por outro lado, estar em harmonia com a terra significa agir sobre tudo aquilo que o rodeia, e é nesse sentido que o Feng Shui o pode ajudar de forma prática e direcionada. Mas para além de si e daquilo que o rodeia, é também importante estar rodeado de pessoas que possam ajudá-lo e trazer bom Feng Shui aos seus projetos. Nesse sentido, vou ensiná-lo a identificar a energia pessoal das pessoas que trabalham diretamente consigo ou daquelas com quem pode fazer uma parceria de sucesso.

 

4º degrau para o sucesso

Antes de mais, aprenda a proteger-se! Da mesma forma como o horóscopo Chinês tem para cada signo um animal distinto, existe para o Feng Shui uma analogia direta entre a proteção pessoal e quatro animais que, segundo os Chineses, representam simbolicamente, pelas suas características específicas, os elementos que o devem rodear nos momentos mais importantes. Assim, quer seja numa reunião de trabalho como num almoço de negócios, ou ainda num evento familiar importante, deve ter sempre atrás de si a “tartaruga negra”, isto é, uma parede, um móvel sólido ou um objeto que proteja a sua retaguarda. Se por um lado deve ter proteção sólida como a carapaça de uma tartaruga nas suas costas, por outro lado é importante que à sua frente haja espaço aberto para a livre expressão de ideias ou, aquilo que os chineses associam à “Fénix vermelha”.

 

5º degrau para o sucesso

Para que a inspiração e a capacidade de visão possa fluir harmoniosamente, não devem existir móveis ou objetos posicionados em frente ao local onde trabalha ou onde se encontra. À sua esquerda deve estar o “dragão verde”, isto é, um móvel alto ou uma parede, que representa a estabilidade e a energia sólida de apoio, da Madeira. É aqui que os seus projetos assentam e é importante ter esta proteção do seu lado esquerdo.

Do lado direito, pelo contrário, deve estar alerta, pois é aí que se encontra o “tigre branco”, isto é, as potenciais ameaças. Por essa razão, os móveis que se encontrem à sua direita devem ser sempre mais baixos do que você, e que não ofusquem o seu campo de visão.

 

Mais dicas preciosas para chegar longe!

Sabia que, se estiver sentado de frente para uma parede, a sua criatividade estará bloqueada e sentirá muito mais dificuldades em ter ideias? Por outro lado, evite sentar-se de costas para uma porta ou uma janela, pois aumentará a sua insegurança.

 

2º  A Acupuntura e a medicina Chinesa baseiam-se na circulação da energia Chi através do corpo, que estudaram de forma a compreender os circuitos específicos que esta energia segue no corpo humano, permitindo assim identificar os pontos a partir dos quais esta pode ser ativada.

 

Sabia que na China, no tempo dos imperadores, quem se atrevesse a fazer uma consulta de Feng Shui era condenado à morte? Isto acontecia porque os grandes líderes procuravam ter para si estes preciosos ensinamentos, e consideravam que o seu poder seria ameaçado se outras pessoas tomassem conhecimento deles.

 

O famoso símbolo do Tao, o círculo preto e branco, deve ser corretamente representado tendo a parte branca à esquerda e a negra à direita, pois assim simboliza a nossa vida: partimos do ponto branco sobre o fundo negro, que simboliza o nosso nascimento e deve estar em baixo, para a nossa plenitude, o ponto preto sobre o fundo branco, que deve estar em cima.

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

 

 

Hidromancia - Adivinhação através da água

hidromancia maria helena adivinhacao.jpg

A água, um dos elementos mais preciosos da Natureza e vital ao corpo humano, pode ser usada como oráculo. A adivinhação através da água é tão antiga quanto os deuses que nela habitam...

A Hidromancia ou adivinhação através da água terá tido início há muitos séculos, tudo começou com a adoração do deus grego dos mares - Nereu, um deus marinho primitivo, representado como um personagem idoso, o Velho do Mar. Nereu tinha o dom da profecia e tal como acontecia com outras divindades, podia mudar de aparência.

No início do século XVII, o jesuíta M. A. Del Rio descreveu vários métodos de Hidromancia:

 

O anel mágico

Neste método era usado um anel preso a um fio que era colocado num recipiente de vidro com água. Depois abanava-se esse recipiente e as previsões eram feitas em função do número de vezes que o anel batia no vidro e da intensidade e localização dessa batidas.

 

Sistema dos três seixos

Para fazer este método, enchia-se um alguidar com água, depois atirava-se três seixos para dentro do alguidar. Eram feitas observações sobre o futuro em função dos círculos descritos na água antes de as três pedras chegarem ao fundo.

 

Ondulação e correntes

O terceiro método descrito fala da agitação da água do mar ou dos rios. O hábito de ler o futuro na ondulação e nas correntes prevalecia no início do milénio entre os cristãos orientais, que observavam os movimentos da água durante os batismos.

 

As fontes dos desejos

Este método refere as cores e as figuras que apareciam na água e teve a sua origem nas fontes mágicas às quais milhares de pessoas se deslocavam para fazer os seus pedidos. Ao atirarem moedas para  o fundo da fonte, ficavam a saber se o pedido seria atendido ou não. A interpretação fazia-se observando o lado para o qual a moeda se deslocava depois de cair na água e até chegar ao fundo: indo para o lado esquerdo a resposta era "não"; indo para o lado direito havia grandes probabilidades de o pedido ser atendido; se a moeda caísse a direito para o fundo, o desejo concretizava-se em pouco tempo.

 

As fontes mais famosas foram destruídas por céticos que consideravam as práticas divinatórias bruxaria que devia ser combatida e erradicada da face da terra. Contudo, o hábito manteve-se ao longo dos séculos e ainda hoje se crê nas virtudes de determinadas fontes, muitas delas situadas na Sicília.

 

Relatos históricos

No século II a. C. Pausanius, nos seus escritos históricos da Grécia Antiga, descreveu uma fonte junto à qual as pessoas recebiam os oráculos das deusas. Para consultar o oráculo, as pessoas atiravam  pequenos pães para dentro de água. Se os pães se desfizessem em pedaços, isso significava que estavam a ser aceites pelas deusas e que estas iam trazer sucesso e sorte; se os pães fosse ao fundo sem se desfazer, estavam a ser rejeitados pelas deusas e isso significava que os pedidos não seriam ouvidos.

 

J.J. Bosiard, antiquário, recolheu histórias sobre adivinhação com água. Na antiga Alemanha havia o costume de deitar os recém-nascidos ao rio Reno. O povo acreditava que se a criança fosse ilegítima iria afogar-se; mas se fosse legítima, começaria a nadar e iria salvar-se.

 

A História relata um outro método de adivinhação através da água, que consistia em dizer palavras misteriosas para dentro de um copo com água quente. Colocado no chão, o copo faria com que a água entrasse espontaneamente em ebulição. Despejando depois a água sobre terra ou areia, os desenhos formados daria pistas sobre o futuro da pessoa.

 

Outro método de adivinhação consistia em deitar para uma tigela com água uma gota de óleo ou azeite. Essa gota teria o miraculoso efeito de fazer surgir imagens tornando-as visíveis e percetíveis. Essas imagens eram depois interpretadas.

 

Clemente de Alexandria, escritor e teólogo grego, descreve também um outro método no qual mulheres observavam os remoinhos dos cursos dos rios e das ribeiras para fazer prognósticos sobre política e vida social dos seus países ou localidades. Factos idênticos são alvo de referência em livros biográficos sobre Santo Agostinho.

 

Houve em tempos em Itália um costume que consistia no seguinte: quando os juízes tinham mais de um suspeito e não sabiam que decisão tomar, escreviam o nome de cada um deles em esponjas que atiravam à água. Apenas uma das esponjas afundaria - a que tinha o nome do verdadeiro culpado!

 

A Lua mais favorável

A melhor fase da Lua para praticar a Hidromancia é Lua Cheia ou Lua Nova, sempre à noite. Usando um cálice de água pura e colocando-o numa janela baixa onde existam reflexos de luz, pode fazer-se previsões analisando as cores e as formas que surgem na água. Se acender uma vela branca do lado esquerdo do copo, os efeitos podem ser surpreendentes.

 

O povo cigano prevê o futuro despejando nessa água algumas gotas de "líquido de feitiços ciganos", obtendo respostas muito concretas sobre infidelidades, vigarices, mentiras ou fraudes. Assim conseguem proteger-se contra situações de risco financeiro ou amoroso.

 

Abençoar a água

A água ganha boas energias se for colocada sob a luz da Lua Cheia. Para reforçar os efeitos e melhor captar a energia da lua, coloque dentro do recipiente dois ou três cristais de quartzo e faça a seguinte oração:


Mãe Lua, com as tuas poderosas energias curativas,

abençoa esta água e retém nela o teu poder,

para que possa ser usada como meio de adivinhação e de cura.

Faz com que cada uma das suas miraculosas gotas abençoe a terra.

 

Deixe a água exposta aos raios da lua durante nove minutos. Leve o recipiente para o seu quarto e medite, passando as mãos sobre a água. Assim vai concentrar e projetar as energias da água. Use uma parte dessa água para misturar na água do banho juntamente com uma pedra alumbre para desenvolver os seus dons mediúnicos.

 

Para limpar a sua mente, molhe a nuca com algumas gotas da água; nas alturas em que sentir dores de cabeça, estiver a viver um dilema ou se se sentir muito triste e deprimida, faça o mesmo procedimento.

 

A energia da água abençoada pela energia da Lua há muito é usada e quem já experimentou esta prática, garante resultados.

 

Rituais de hidromancia

 

Ritual do espelho e do vapor de água

O vapor de água também pode ser usado para fazer previsões. Pendure um espelho na parede à altura do seu coração. Também pode colocar o espelho em cima de uma mesa. Encha um pote com água a ferver e coloque-o junte ao espelho. Retire o pote e veja os traços que ficaram desenhados no espelho. Observe com atenção o espelho à medida que o vapor  se condensa e escorrega. Essas gotas podem formar letras, nomes, números ou imagens que deve registar até que o espelho fique limpo. Esses dados dão-lhe pistas sobre o futuro.


Ritual da contemplação da água

Encha um recipiente de cerâmica azul com água. Vá para um quarto e feche as persianas para o ambiente ficar mais escuro, não totalmente às escuras. Sente-se com as costas viradas para a luz, concentre-se e faça a sua pergunta. Verta sobre a água algumas gotas de corante ou tinta azul e observe a água. Começará a ver símbolos ou figuras. Anote tudo o que observar: letras, formas, imagens, etc. Quando deixar de as visualizar, faça a sua interpretação. Se desejar, acenda uma ou várias velas, de modo a que a luz se reflita na superfície da água.

 

Para fazer este método, também pode levar este recipiente para o exterior e, captando os reflexos da lua, interpretar as formas que surgem na água.

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png 

O que fazer quando um amuleto se parte

Os amuletos são objetos muito especiais, que pelo seu simbolismo e pela energia que possuem têm a capacidade de proteger as pessoas que os usam ou os locais onde se encontram.

Funcionam como uma espécie de "escudo" protetor: as energias negativas, a inveja, o mau olhado e tudo o que nos seja prejudicial são absorvidos pelo amuleto, em vez de nos afetarem a nós.

olho turco amuletos proteçao quando se partem.jpg

Por essa razão, quando existem muitas energias negativas à nossa volta, quando nos encontramos numa fase especialmente má das nossas vidas em que tudo parece correr mal, ou quando somos vítimas de grandes invejas, é normal que o amuleto se parta. Porquê?

Porque já cumpriu a sua missão! Tudo o que nos rodeia é energia, e quando a sobrecarga de energia é muito grande é normal que os amuletos se partam.

Quando isso acontece, deve deitá-lo fora, de preferência num local que fique mais afastado de sua casa.

Como as energias estão em constante movimento e a nossa vida não pára, infelizmente não nos livramos das energias negativas de uma vez por todas, e por essa razão é necessário voltarmos a substituir o amuleto que se partiu: ele "limpou-nos" neste período da nossa vida, e por isso cumpriu a sua missão, mas com o passar do tempo podemos voltar a estar carregados de energias negativas, e por isso é aconselhável voltar a repor a proteção.

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

MARQUE A SUA CONSULTA DE TAROT AQUI: mariahelena@mariahelena.pt

Basta escrever: Consulta de Tarot

 

maria helena.jpg

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png 

Banho Contra a Inveja

ervas.jpg

Banho Contra a Inveja

Ingredientes

3 l de água

1 punhado de ervas abre-caminhos

1 punhado de erva guiné

1 punhado de alecrim

7 pedras de sal grosso

 

Ferva a água e fora do lume adicione as ervas, o sal e deixe abafado. Aguarde cerca de 15 minutos e tome o seu banho habitual. Quando terminar, verta sobre si esta mistura, do pescoço para baixo enquanto reza uma oração. Não passe o corpo por água no final para permitir que as ervas atuem. Junte as folhas que caíram na banheira e deite-as num jardim. Repita este banho sempre que tenha estado na presença da pessoa que sabe que a inveja.

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

Teimancia: Conheça o futuro nas folhas de chá - Para fazer em casa

teimancia.jpg

 

 Sabia que pode saber o que a vida lhe reserva através das folhas de chá?

Esta técnica chama-se teimancia, um método de adivinhação que teve origem na China e que posteriormente foi aperfeiçoada e praticada um pouco por todo o mundo.

Como sabe, existem várias formas de conhecer o futuro. A leitura feita através das folhas de chá é uma delas. Esta técnica antiga, que teve origem na Cinha e foi aperfeiçoada ao longo dos séculos, consiste em identificar figuras formadas pelas folhas de chá nas paredes internas de uma chávena depois de se tomar o chá. A interpretação baseia-se num código, que não deve ser estrito, porque a intuição é essencial neste domínio. Como acontece com qualquer oráculo, lembre-se que a respostas às suas dúvidas estão sempre dentro de si!

 

Preparar o ambiente

Para consultar este oráculo, é aconselhável estar num lugar calmo e silencioso, pois a concentração é essencial e para isso deve desligar-se do barulho ao redor. Depois é só seguir os passos que aqui indicamos:

1- Comece por afastar possíveis energias desarmoniosas, purificando o ambiente: queime um pau de incensos, coloque junto de si um copo com água e sal e um cristal de quartzo transparente.

2- Prepare um chá de ervas à sua escolha e, ao servi-lo, não coe demasiado a bebida, pois os resíduos das ervas ajudam a formar figuras mais nítidas.

3- Utilize uma chávena com a boca mais larga do que o fundo, de preferência de cor branca ou clara, de forma a criar um maior contraste com a cor das plantas e dos resíduos.

 

Ritual passo a passo

Coloque a água ao lume e, quando ferver, despeje-a sobre as folhas de chá colocadas num bule (use uma colher de chá de folhas para cada chávena de água). Deixe o chá em infusão durante três a cinco minutos.

1.Coe o chá para dentro de uma chávena clara, simples, de preferência branca e que tenha um pires. Deixe algumas folhas de chá circularem pela chávena. Se não tiver folhas suficientes na chávena, agite o bule algumas vezes antes de servir o chá.

2. Em seguida, tome o chá mas reserve uma pequena quantidade de líquido no fundo da chávena.

3. Segure a chávena na mão oposta à que escreve. Feche os olhos e agite a chávena no sentido do relógio três vezes. Tente agitar as folhas em direção ao rebordo da chávena. Enquanto agita, faça mentalmente a pergunta que deseja ver respondida.

4. Depois, vire a chávena de cabeça para baixo e coloque-a no pires, para que o líquido que resta fique nele. Aguarde sete segundos e volte a colocar a chávena na posição normal, com a asa voltada para si.

5. Respire fundo, relaxe e olhe para as formas que as folhas tomaram. Verifique se reconhece as formas que se formaram e consulte então os significados atribuídos às formas mais comuns.

 

Dica para interpretar as formas

Ao analisar os padrões e desenhos formados na chávena, deverá sempre procurar relacioná-los com a sua vida ou com a situação em causa. Quanto mais nítido aparecer um símbolo, maior é a sua importância no que diz respeito à questão colocada. Não condicione o seu pensamento, deixe a imaginação e a sua intuição fluírem, mantendo-se atenta às associações e às ideias que lhe possam ocorrer espontaneamente.

 

Análise cuidadosa dos três níveis da chávena

  1. Os padrões que ficam no rebordo da chávena aplicam-se ao futuro imediato, ao que irá acontecer dentro de dias. Quanto mais perto a imagem estiver do cimo da chávena, mais perto algo está para acontecer.
  2. A área da chávena que se encontra entre o rebordo e a base refere-se ao futuro próximo, que vai de entre uma a três semanas.
  3. A quantidade de chá que permanece no fundo da chávena corresponde à secção base, e as imagens que aí se encontram dizem respeito ao futuro distante, ou à conclusão final da sua pergunta.

Lista de símbolos

    Abelha - Encontro com amigos. 
    Abóbora - Relacionamento amoroso.
    Adaga - Ameaça de inimigos.
    Agulha - Respeito por outros.
    Âncora - Viagem.
    Anel - Casamento.
    Aranha - Sorte, dinheiro.
    Arco-íris - Sorte.
    Arma - Perigo, guerra, catástrofe.
    Árvore - Sucesso.
    Asas - Novidades.
    Asno - Necessidade de paciência.
    Balança - Justiça, sucesso com a lei.
    Balão - Problemas indo embora.
    Banana
 - Viagem á negócios.
    Bandeira - Perigo.
    Barco - Visita de um amigo.
    Bastão: Um ataque;
    Bengala - Necessidade de apoio.
    Boi - Discussões com amigos.
    Borboleta - Felicidade.
    Cachimbo - Novas ideias.
    Cachoeira - Fartura.
    Cadeira - Hóspede inesperado.
    Cão - Este é um agouro, o pior, o agouro da morte.
    Caranguejo - Inimigo á espreita.

    Ceifeira - Boa colheita ou prenúncio de morte.
    Chifre - Fartura.
    Círculo - Amor. (Como aliança, o círculo é um amor que roda sem nunca acabar.)
    Coelho - Sucesso.
    Corda - Assuntos delicados.
    Crânio: Perigo em seu caminho;
    Cruz: Significa que você vai ter sofrimento e provações;
    Dragão - Mudanças.
    Esqueleto - Doença.
    Estrela - Sorte.
    Falcão: Você terá um inimigo mortal;
    Flecha - Más notícias.
    Galho de árvore - Nova amizade.
    Ganso - Um convite.
    Gato - Traição.
    Guarda-chuva - Aborrecimentos.
    Janela - Ajuda de um amigo.
    Lamparina - Ganhos financeiros.
    Leão - Amigos prestativos.
    Livro - Atenção.
    Lua - Amor.
    Mão - Amizade.
    Moeda - Pagamentos de dívidas.
    Morcego - Deceção.
    Ninho - Abrigo.
     - Perigo adiante.
    Nuvens - Dúvida.
    Olho - Tenha cuidado.
    Ovo - Fertilidade, filhos.
    Papagaio - Transtorno.
    Peixe - Noticias de longe.
    Pendulo - Indecisão.
    Rato - Perda de bens.
    Sapato - Mudança de carreira.
    Semente - Saúde.
    Sereia - Tentação.
    Serpente - Falsidade.
    Sinos - Boas ovas.
    Sol - Felicidade constante.
    Tambor - Fofoca.
    Tartaruga - Críticas.
    Teia - Intriga complicações.
    Triângulo - Acontecimento inesperado.
    Vaso - Um amigo precisa de ajuda.
    Violão - Romance em vista.
    Violino - Solidão.
    Xicara - Grande sucesso.

Veja grátis: Horóscopo diário !

 

MARQUE A SUA CONSULTA DE TAROT AQUI: mariahelena@mariahelena.pt

Basta escrever: Consulta de Tarot

 

maria helena.jpg

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

Regressão...vidas passadas

regressao.jpg

 

Uma viagem em marcha-atrás

 

E se pudéssemos voltar atrás no tempo? Se pudéssemos viajar, como num filme, e reviver a nossa infância, a adolescência, resgatar memórias de episódios perdidos no tempo? E se fôssemos ainda mais longe, e conseguíssemos reencontrar os registos de vidas que vivemos noutros séculos, noutros lugares, muito antes desta que agora temos? A Regressão, uma terapia que com a abertura e a divulgação crescente de temas que antes eram hermeticamente guardados entre círculos restritos está cada vez mais na moda, oferece a  possibilidade de ir à raiz de medos, bloqueios e comportamentos, permitindo conhecer a causa e, dessa forma, erradicar o problema.

 

De acordo com a teoria da Reencarnação, a alma encarna sucessivas vezes com vista à sua evolução e aprendizagem. No entanto, no decurso de cada uma delas as acções criam efeitos nem sempre fáceis de gerir ou integrar de forma saudável e positiva, criando o Karma. Um trauma vivido com intensidade pode, por exemplo, repercutir-se em vidas seguintes, criando uma fobia inexplicável ou uma atracção misteriosa por determinadas pessoas ou situações. A terapia de Regressão a vidas passadas permite, através da hipnose, aceder a gavetas escondidas na mente, onde se encontram os registos de tudo aquilo que a alma viveu, vida após vida, e que a consciência silencia quando encarnamos.

Tendo por base a ideia que muitas das situações que vivemos são consequências de acções passadas, se formos em marcha-atrás até ao tempo onde essas situações se originarem podemos compreendê-las e, fazendo-o, podemos interiorizar os seus ensinamentos e libertar-nos finalmente delas.

Uma pessoa que tenha fobia a tambores pode, por exemplo, ter tido noutra vida uma experiência traumática a eles associada, como ter visto um membro de família ser executado ao som dos mesmos. Uma pessoa que, estranhamente, se sente atraída por pessoas de etnia cigana pode, noutra vida, ter sigo um cigano, ou ter vivido um relacionamento intenso com  um, sem ter tido a possibilidade de viver em pleno esse amor ou de realizar a totalidade dessa experiência enquanto pessoa desse povo.

A Regressão a vidas passadas é uma terapia que averigua a origem de medos, fobias, comportamentos e situações com vista ao seu tratamento. É feita por um terapeuta especializado, sendo muitas vezes um Psicólogo que se especializou na Hipnoterapia e no estudo de vidas passadas. Este terapeuta começa por estudar a vida da pessoa que faz a consulta, traçando um quadro geral que possa direccionar a Regressão para os aspetos que são mais urgentes e que mais necessitam de ser tratados.

 

E se eu não tiver problemas?

Uma pessoa não precisa de se queixar de um bloqueio ou "problema"para ir a uma  ou mais consultas de Regressão. Ao permitir uma viagem ao passado, ela ajuda-nos a compreender melhor quem somos, quem é a nossa alma, e a conhecer melhor toda a nossa dimensão espiritual. Qualquer pessoa adulta pode fazer uma consulta de Regressão.

 

Como funciona a consulta de Regressão?

Após a análise geral da personalidade da pessoa e das situações mais relevantes da sua vida, o terapeuta procede a uma hipnose, em que o estado de consciência é induzido de forma a que a racionalidade "adormeça" o suficiente para que possam aflorar os conhecimentos que estão escondidos na parte inconsciente do nosso cérebro.

Esta hipnose é sempre feita de forma gradual e com o consentimento prévio do paciente. Numa primeira sessão é normal que o transe não seja muito profundo, variando consoante a consciência do paciente o permita. Embora haja pessoas que têm maior facilidade de "entrega" e relaxamento, deixando-se induzir mais facilmente, a maioria das pessoas tem alguma dificuldade em relaxar por completo numa primeira sessão, mantendo assim um estado ligeiro de transe. À medida que se avança na terapia, com a prática, a mente tem cada vez maior facilidade em aceder a memórias, sentindo com maior intensidade e sendo capaz de identificar formas, lugares, pessoas, cheiros, sons e sabores.

Mesmo que apenas por curiosidade, a Regressão é uma viagem curiosa, feita ao interior de nós mesmos. Durante a Hipnose, o terapeuta induz o paciente a um estado de relaxamento, direccionando-o para situações do passado e pedindo que o paciente lhe relate aquilo que vê enquanto está nesse estado alterado de consciência. O terapeuta pode optar por gravar aquilo que é dito pelo paciente, para que mais tarde possam trabalhar esse registo em conjunto e encontrar as pistas que solucionam as questões que o levaram à consulta. Nunca nada é feito contra o paciente, nem sem o seu consentimento, pois a mente é prodigiosa, e o nosso consciente, ainda que um tanto adormecido, jamais revela aquilo que não quer revelar, ou que o paciente ainda não está preparado para saber.

Com um tempo de duração limitado previamente pelo terapeuta, consoante o grau de profundidade da sessão de Regressão, o paciente é, finalmente, induzido a regressar gradualmente ao estado de consciência, sendo que o terapeuta o induz a recordar tudo aquilo que reviveu, viu ou sentiu durante o transe, ao acordar. Assim, quando finalmente o paciente regressa ao estado normal de consciência, consegue recordar tudo aquilo que experienciou e, ao discuti-lo e analisá-lo com o terapeuta, consegue compreender muitas situações que vive hoje em dia e que têm sido recorrentes na sua vida.

 

A Regressão pode curar?

A Regressão a vidas passadas é especialmente útil e benéfica para ultrapassar perdas afectivas, físicas ou não, pois permite compreender o porquê de elas terem acontecido. Permite, também, compreender a origem de vícios, libertando-se deles, assim como de fobias, medos inexplicáveis e obsessões. É terapêutica no tratamento de sintomas físicos sem causa aparente, ajudando a ultrapassar situações traumáticas e a vencer distúrbios de comportamento, alimentares ou outros, assim como padrões emocionais destrutivos e relacionamentos nocivos.

Muitas vezes a viagem leva-nos a lugares diferentes daqueles onde supúnhamos ir, porque a nossa mente direcciona-nos sempre para aquilo que é mais premente resolver, aquilo que neste momento da nossa vida mais precisa de atenção.

 

E não será fruto da minha imaginação?

Os mais cépticos têm dificuldade em aceitar que aquilo que uma pessoa revive durante uma Regressão possa ter um fundo de verdade. A experiência da Regressão é tão única e individual como a mente de cada um. Mesmo que fosse um produto da imaginação, porque razão a sua mente criaria aquela imagem em particular, e não outra? De onde nasceu esse registo? A mente recorda aquilo que já viu ou viveu, e qualquer imagem que surja nela foi anteriormente lá posta… assim, a origem das memórias a que acedemos numa Regressão será sempre tão misteriosa como a complexa teia de fios que compõe a mente humana. Atreve-se a fazer essa viagem ao mais profundo de si?

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa! Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

 

logo dra.png