Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Astrologia

O significado de sonhar com a morte

O significado dos sonhos pode variar consoante a pessoa que sonha e a situação que está a viver naquele momento.

morte.jpg

Porquê que sonhamos?

Sonhamos para o cérebro se libertar da pressão, para processar a informação, é necessário para o nosso bem-estar e equilíbrio.

 

Os sonhos contêm presságios – os gregos e os romanos já os interpretavam como mensagens dos deuses

- alguns sonhos têm um forte impacto emocional

- relacionam-se com traumas e factos que não conseguimos aceitar

- revelam os nossos maiores medos (ou aquilo que mais desejamos)

 

Os sonhos também curam – trazem informações à nossa mente para as aceitarmos

 

Apesar de ter de se analisar a situação que está a viver, de um modo geral sonhar com a morte anuncia uma mudança radical na sua vida pode anunciar um casamento, felicidade se sonhar que está a morrer, alguém irá fazer-lhe uma promessa que não vai cumprir. 

Se sonhar com a morte de alguém, pode receber dinheiro inesperado.

Se sonhar com um amigo a morrer: conseguirá vencer os inimigos.

Se sonhar com familiares a morrerem: receberá uma herança. 

Se sonhar que deseja a própria morte: a sua saúde não está fortalecida.

 

Veja grátis: Horóscopo diário !

 

maria helena.jpg

Receba uma resposta grátis ao seu dilema! Basta clicar aqui e enviar-me um e-mail em branco! 

 

Mais informações para:

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png 

Melhorar a relação com os outros

friendship-hands.jpg

 

Sabia que para termos uma melhor relação com os outros é essencial termos, em primeiro lugar, uma boa relação connosco próprios?

 

Há quanto tempo não se olha ao espelho e pensa: "Eu sou maravilhosa! Eu gosto muito de mim!" Aprenda a ser a sua melhor amiga, aceite-se como é. Aprecie as suas qualidades e perdoe-se a si própria por tudo aquilo que não fez como gostava ou em que não foi tão bem sucedida. Os erros ensinam-nos a fazer as coisas da maneira certa, só erra quem está a aprender.

 

Aprenda, também, a dizer "não". As pessoas que dizem sempre "sim" a tudo acabam por se sacrificar e por negar a si próprias os seus direitos. Dizer "não" é um direito seu. Sempre que for confrontada com uma situação, pense "isto é realmente importante? Faz-me bem? É uma prioridade?"

 

Aceite os conselhos e as críticas dos outros, mas lembre-se que o autor da sua vida é apenas você. Aprenda com o que lhe dizem, mas não deixe que lhe digam como deve viver!

 

Para melhorar a relação com os outros, seja honesta e sincera, tanto consigo própria como com as outras pessoas. Liberte-se de mágoas e ressentimentos. Quando não dizemos o que pensamos, uma mágoa pequena pode tornar-se num rancor que danifica os sentimentos belos. Lembre-se que gostar de alguém é aceitar a pessoa como ela é, sem querer mudá-la. Esteja disponível para fazer novas amizades, para aprender coisas novas, para conhecer outros lugares e fazer outros passatempos.

 

Cuide das suas amizades, da relação com os familiares e com o seu par. Tal como uma flor que precisa de ser regada, as relações com as outras pessoas cultivam-se com o tempo e com a atenção que lhes dedicamos. Um telefone, um e-mail, uma carta… são pequenas atenções que podem fazer uma enorme diferença.