Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Astrologia

A energia especial do dia 22-02-2022

2022 tem, segundo a Numerologia, uma vibração muito especial, uma vez que repete três vezes o algarismo 2. Em fevereiro, o mês número 2, há três datas em que esta energia está ainda mais enfatizada: o dia 2, o dia 20 e, particularmente, o dia 22, que se considera como o ponto máximo desta energia. É provável que haja alguns acontecimentos surpreendentes na sua vida nesta data! 

twin-flame-energy.jpg

O número 22 está associado aos Anjos e quando surge repetido é tido como uma importante mensagem Divina. Sendo um Número Mestre, representa a elevação espiritual e significa que estamos numa fase de expansão e crescimento na nossa viagem enquanto almas na Terra.

Associado à dualidade, já que representa duplamente o número 2, ele é também o número das almas gémeas. Há uma forte tendência para encontros ou reencontros marcantes nas datas em que este número está em destaque, como é o caso do dia 22-02-2022. 

O número 2 representa a união de esforços, a cooperação, a união, a dualidade, a duplicidade. É o número das parcerias e, também, do amor. Em 2022 temos esta energia em destaque, já que o número 2 se repete. O mês de fevereiro, que também contém a energia do 2, oferece(u)-nos três datas em que ela é elevada a um expoente mais elevado, considerando-se que, de certa forma, se abre uma janela de ooportunidade energética, um período que nos ajuda a expandir a nossa consciência para lá daquilo que já conhecemos e que nos permite progredir. Essas datas são o dia 2, o dia 20 e, numa representação ainda mais elevada desta energia, o dia 22.

Esta data é especialmente significativa do ponto de vista das relações, pois tudo o que implica o número 2 é posto em destaque e a vida de casal ou as parcerias de trabalho, ou nos negócios, são ajudadas por esta energia de dualidade. Como a data completa 22-02-2022 tem um efeito espelho (o número lê-se da mesma forma de trás para a frente) há ainda um reforço deste simbolismo associado às almas gémeas, almas que já foram parte do nosso ser em tempos primordiais, de acordo com o mito de Platão, e que nos trazem os maiores desafios e também as maiores lições, as experiências mais complexas e, muitas vezes, mais dolorosas.

A soma dos algarismos que compõem a data 12-02-2022 perfaz 12, o número que, no Tarot, corresponde à carta o Dependurado, a qual alerta para dificuldades e obstáculos difíceis de transpor. É provável que se encontre perante situações que exigem da sua parte paciência, ponderação e resiliência, sabendo aguardar pela fase mais oportuna para agir. Algumas provas surgem na nossa vida não só para testar a nossa capacidade de resistência como, também, para nos ensinar a apurar as nossas capacidades para que nos tornemos mais fortes. A data 22-02-2022 pode trazer, como tal, acontecimentos que põem em causa a nossa tranquilidade e que vêm desestabilizar a nossa segurança emocional mas, da superação dessas provas, podem surgir situações que nos põem alinhados com aquilo que é verdadeiramente o nosso propósito e com o que nos traz maior satisfação interior e realização pessoal. Reduzindo o 12 a um só algarismo (como faz a Numerologia sem ligação ao Tarot) obtemos o número 3, que está associado à aprendizagem, à comunicação e à partilha de conhecimento, indicando que esta data contém um forte potencial para a nossa evolução interior.

Tenha maior atenção ao que se passa à sua volta e à dinâmica relacional com as pessoas mais próximas nesta data, especialmente numa relação amorosa ou numa parceria profissional. Pode haver mudanças abruptas, que alteram a forma de relacionamento ou que trazem informações importantes para o desenrolar das situações.

Aproveite esta data para:

- fazer os seus pedidos ao Universo no que diz respeito a atrair um amor ou a reconciliar-se com alguém especial;

- fazer rituais relacionados com o amor;

- dedicar mais atenção à sua vida amorosa, dinamizando um relacionamento já existente;

- melhorar a sua relação consigo mesmo e fortalecer a sua auto-estima;

- entrar em contacto com a sua criança e compreender as suas necessidades não satisfeitas, que ainda afetam a sua vida presente.

 

Para além de estar diretamente relacionado com as almas gémeas e a dualidade, o número 22 é também considerado um Número Mestre, por representar um patamar mais elevado de evolução espiritual. Por esse motivo, a data 22-02-2022 é também bastante favorável para dinamizar projetos que deseja ver concretizados e para se dedicar a algo que envolve uma grande dose de empenho, esforço e trabalho.

Esta data contém também uma energia que favorece a libertação e desintoxicação, sendo favorável para iniciar uma dieta ou para cortar com vícios - até porque, no dia 23, a Lua entra na fase de Quarto Minguante, que ajuda a cortar da nossa vida aquilo que não contribui para o nosso bem.

Uma limpeza espiritual feita neste período tem um profundo impacto e os seus efeitos tendem a ser bastante duradouros, sentindo-se ao longo dos próximos meses.

 

Uma vez que, no Tarot, o número 2 corresponde à carta a Papisa, esta fornece-nos também pistas fundamentais para superar as provas que podem chegar à nossa vida neste período: é através da intuição, da observação atenta e reservada, do estudo meticuloso dos comportamentos daqueles que nos rodeiam que seremos capazes de tomar as decisões mais acertadas e sábias.

Oração a São Valentim para se reconciliar com o seu ex

 

São Valentim protege os namorados e apaixonados e ajuda os casais desavindos a fazerem as pazes e retomarem o amor que ainda os une.

 

"Ó bom Jesus Cristo, Nosso Senhor,
que vieste ao Mundo para bem das almas dos homens,
e que fizeste tantos milagres para dar saúde ao corpo
e trazer amor aos corações.

Tu, que tudo curas e que tudo libertas,
que afastas os maus espíritos e repeles a crueldade,
olha com piedade para mim, que sofro de amor por estar distante de (dizer o nome).

Peço-vos, por intermédio de São Valentim, o santo dos namorados,
a quem deste o poder de curar os que sofrem de amor,
a reconciliação do meu casamento.

Ámen!"

Lua Cheia em Leão: emoções ao rubro

Dois dias depois do dia de São Valentim chega uma das datas com maior impacto nas nossas vidas amorosas: a Lua Cheia em Leão combina energias com a conjunção de Vénus e de Marte e promete soltar muitas faíscas!

adobestock-285086581-1536x687.jpeg

A Lua Cheia em Leão é, todos os anos, uma das mais fortes a nível energético, não só porque Leão é um signo cheio de magnetismo e com uma energia impossível de ignorar como, também, porque Leão é regido pelo Sol - que, na Lua Cheia em Leão, lhe está sempre oposto, o que gera uma certa tensão energética. Para além dessa intensidade habitual, este ano a Lua Cheia em Leão ocorre em simultâneo com um evento cósmico  pouco frequente e muito significativo: a conjunção de Vénus e de Marte, que se encontram no grau 16 de Capricórnio.

A Lua é o princípio feminino, o Sol o princípio masculino; Vénus representa o feminino, Marte o masculino e, como tal, esta polaridade energética estará duplamente enfatizada, iluminada pela Lua Cheia.

É sabido que no período da Lua Cheia há maior tendência para que nos sintamos inquietos, muitas vezes sem saber porquê, para termos insónias e para que as emoções estejam mais à flor da pele, escapando muitas vezes ao nosso controlo. Neste caso esta propensão pode ser ainda mais evidente, já que a energia dominante nos apresenta uma importante dicotomia: o que eu quero e o que o outro quer, o que eu preciso e o que posso ter neste momento.

Leão é um dos signos mais generosos do Zodíaco mas é também conhecido pelo seu egocentrismo e vaidade; Aquário, sendo o seu signo oposto, pode ser extremamente frio porque é desapegado a nível emocional, mas é aquele que mais se preocupa com "o outro", com o coletivo em que se insere, com as consequências que as suas ações terão na comunidade. É, pois, este equilíbrio entre o ego e o coletivo, que também pode apresentar-nos maiores desafios durante estes dias.

Marte e Vénus não estão muito afastados mas não é habitual formarem uma conjunção, isto é, encontrarem-se exatamente no mesmo grau. Este ano haverá duas conjunções de Vénus e Marte, a primeira no dia 16 de fevereiro e a segunda no dia 3 de março, a qual será ainda mais intensa porque Plutão estará também em conjunção a Marte e a Vénus. Considera-se uma conjunção quando dois ou mais planetas se encontram a menos de 8 graus de distância, o que significa que esta conjunção começou no início de fevereiro e irá prolongar-se por dois meses, aproximadamente. As datas apresentadas são aquelas em que, sendo a conjunção exata, os seus efeitos de fazem sentir com maior impacto. Uma conjunção de Marte e de Vénus traz uma energia renovada - ainda que muito intensa e nem sempre fácil de gerir - para a vida amorosa e também para o setor financeiro. Em fevereiro, quando esta conjunção ocorre no signo Capricórnio, Marte estará em destaque, já que tem maior poder quando está neste signo. 

A Lua Cheia em Leão pode trazer uma oportunidade inesperada - ou há muito esperada - para mudar drasticamente a sua vida amorosa. Um novo amor pode surgir no horizonte, um amor do passado que ficou por resolver pode voltar a estar presente, ou pode haver uma drástica mudança na dinâmica do seu relacionamento.

Aproveite a Lua Cheia em Leão para manifestar - isto é, para exprimir de forma clara ao Universo, afirmando com convicção aquilo que deseja - um novo amor, se o deseja, ou um novo impulso num relacionamento já existente.

Tenha em atenção, ainda assim, que as emoções estarão mesmo muito exaltadas, o que faz com que seja fácil perder o controlo das situações. Tal como uma cafeteira com leite que se encontra ao lume e que atinge o ponto de ebulição, o que facilmente pode fazer com que o leite transborde, os seus sentimentos - e os dos outros - estarão agora exponenciados. Isso significa que pode e deve usar esta energia para atrair o amor que sonha viver, quer esteja só, quer tenha um relacionamento, mas que é preciso ter algum cuidado porque pode haver maiores atritos devido ao facto de as emoções estarem tão exacerbadas.

A Lua Cheia em Leão é boa para:

- fazer rituais para atrair o amor ou reacender a chama da paixão;

- dinamizar um relacionamento, retomando a intensidade e o fulgor;

- avançar com um projeto, especialmente se ele estiver relacionado com a área afetiva ou com a esfera financeira;

- dar um novo impulso a parcerias de negócios;

- apostar numa mudança de visual;

- cortar o cabelo para ele crescer com mais volume.

 

 

 


 

Oração de São Valentim para a união de um casal

São Valentim dedicou a sua vida à celebração do amor, casando casais em segredo, mesmo que essa desobediência ao imperador lhe tivesse custado a sua própria vida. Se a sua relação amorosa atravessa um período difícil ou mesmo uma separação, peça a São Valentim que volte a unir-vos no amor, se isso for o melhor para ambos.

Oração de São Valentim para a união de um casal

São Valentim,
que semeastes a bondade, o amor e a paz na Terra,
sê meu guia espiritual.

Ensinai-me a aceitar os defeitos
e as falhas do meu companheiro
e ajudai-o a reconhecer as minhas virtudes e vocações.
Vós, que compreendeis os que se amam
e desejam ver a união abençoada por Cristo,
sê nosso advogado, nosso protetor
e abençoai o nosso amor, em nome de Jesus.

Ámen.

 

Oração a São Valentim para proteger a relação

São Valentim,
ajuda-nos a não sentir invejas pessoais,
de bens materiais, espirituais e financeiros.

Dai-nos a força e a benevolência da sua alma
e protegei-nos sempre!

São Valentim, também venerado
como o santo protetor dos namorados
em vários países do mundo,
ampara a nossa união amorosa,
para que possamos ser o amparo um do outro
até ao fim dos nossos dias.

Em nome do Pai, do Filho
e do Espírito Santo.

Ámen.

A história do dia de São Valentim, o dia dos namorados

 

O dia 14 de Fevereiro é consagrado a São Valentim, protetor dos casais de namorados, e por esse motivo esta data passou a ser festejada como o Dia dos Namorados, que celebra o amor dos casais. Saiba de onde vem esta celebração, que na verdade começou ainda antes de São Valentim.

O dia de São Valentim... antes de São Valentim!

Quando cristianizou os povos, a Igreja Católica procurou substituir as celebrações pagãs, fazendo coincidir as datas mais importantes com festividades católicas para que as pessoas as aceitassem melhor. Assim, é possível que a escolha da data 14 de Fevereiro para celebração do dia de São Valentim não tenha acontecido por acaso.

É que na Roma Antiga o dia 15 de Fevereiro era consagrado a uma festa importante chamada Lupercália. Esta festa já era festejada ainda antes dos Romanos. Celebrava o fim do ano, porque para os pagãos o ano começava a 21 de Março, com a chegada da Primavera, e era dedicada ao Fauno Luperco, o nome romano atribuído a Pã, o fauno da mitologia grega. Conta a lenda que Pã, o fauno, se havia transformado em loba para amamentar os gémeos Rómulo e Remo (Rómulo viria a ser o fundador de Roma). Esta festa (Lupercália deriva de lupus, que significa "lobo") era inicialmente realizada na gruta de Lupercal, no monte Palatino, porque teria sido aí que Pã se havia transformado em loba.

Esta era uma festa de purificação, na qual eram feitos sacrifícios para oferecer aos deuses. Escolhiam-se sacerdotes, que se reuniam na gruta de Lupercal para sacrificar dois bodes e um cão, usando o sangue dos animais para se ungirem na testa. A lámina era limpa depois com lã embebida em leite. Os sacerdotes vestiam pele dos animais, da qual arrancavam tiras com que chicoteavam as pessoas que se encontravam a assistir à cerimónia, especialmente as mulheres esteréis, para que se tornassem fertéis. Este ritual estava profundamente ligado ao culto do deus Pã, o deus dos bosques, dos campos, dos rebanhos e dos pastores. Pã tinha chifres, orelhas e pernas de bode, porque era filho de Zeus com a sua ama de leite, a cabra Alteia. 

Toda esta celebração visava a purificação da cidade de Roma, afastando os maus espíritos, as doenças e a esterilidade. Era um importante rito de passagem, que celebrava a vida, representando a morte e a ressurreição. Esta festa era muito importante para os Romanos, tendo sido depois proibida pelo Papa Gelásio I. Para que os povos não se revoltassem por perderem esta importante celebração, a Igreja Católica atribuíu o dia 14 de Fevereiro à celebração do Dia de São Valentim, protetor dos apaixonados. Esta festa que antes foi consagrada à celebração da fertilidade e da vida, passou a ser o dia dedicado aos casais que se amam.

 

Porque se escolheu São Valentim como padroeiro dos apaixonados?

Valentim era um bispo romano que, desobedecendo às ordens do imperador Cláudio II, continuava a celebrar casamentos em segredo. Os casamentos haviam sido proibidos para que os homens solteiros se dedicassem por inteiro às guerras que então o império travava. O imperador acabou por descobrir a desobediência de Valentim, que foi por esse motivo preso e condenado à morte. Conta-se que, enquanto esteve na prisão à espera da sua sentença, Valentim recebia bilhetes e flores de jovens que lhe diziam que continuavam a acreditar no amor. Conta-se, também, que Valentim se terá apaixonado pela filha de um carcereiro, e que ela era cega, tendo por milagre recuperado a visão. Valentim escreveu-lhe uma nota de despedida antes de ser executado, tendo assinado como "O teu namorado" ou "O teu Valentim". Foi executado no dia 14 de Fevereiro de 270. E desde então passou a ser tradição, nesta data, que os casais apaixonados trocassem bilhetes apaixonados e presentes simbólicos como flores e bonbons para celebrar o amor que os une.  

 

Curiosidades:

Há várias versões para a origem desta data. Uma delas relata que na Idade Média o dia 14 de Fevereiro era considerado como o primeiro dia de acasalamento dos pássaros, sendo um costume medieval os namorados deixarem mensagens de amor na soleira da porta do seu amado ou amada.

Conta-se, ainda, que em 1840 uma americana chamada Esther Howland vendeu 5000 dolares em cartões no Dia dos Namorados, uma soma muito avultada, especialmente para a época, o que incrementou ainda mais o comércio associado a esta data. Até ao século XX esta data era festejada sobretudo nos países anglo-saxónicos, mas desde então foi-se propagando a vários países espalhados pelo Mundo. 

Oração a São Valentim para encontrar um amor

São Valentim é o protetor dos casais de namorados e ajuda todos aqueles que procuram par a encontrar essa pessoa especial. Mesmo desobedecendo às ordens do Imperador, casava casais em segredo. Foi feito prisioneiro, e diz-se que a filha cega de um dos guardas se apaixonou por ele, tendo recuperado a visão, por milagre. (Saiba mais sobre a história de São Valentim aqui.)

Se não tem tido sorte no amor e gostava de encontrar alguém especial para partilhar a vida dele com a sua, peça a São Valentim que dissolva quaisquer bloqueios que o estejam a impedir de encontrar o verdadeiro amor, e que coloque no seu caminho a sua alma-gémea.

Oração de São Valentim para encontrar um novo amor 

São Valentim, padroeiro do amor,
lança os teus olhos bondosos sobre mim.
Impede que as heranças emocionais dos meus ascendentes
e quaisquer erros que eu tenha cometido no passado
perturbem a minha vida afetiva.

Desejo ser feliz e fazer os outros felizes.

Ajuda-me a entrar em sintonia
com a minha alma gémea,
para que possamos desfrutar do amor,
abençoados pela Providência Divina.

Peço a tua intercessão poderosa,
junto a Deus e Nosso Senhor Jesus Cristo.
Ámen.

Oração a Nossa Senhora de Lourdes para fazer um pedido

 

Peça a Nossa Senhora de Lourdes que realize aquele milagre que mais deseja ver concretizado na sua vida. Saiba mais sobre Nossa Senhora de Lourdes aqui.

(fazer o sinal da Cruz)

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Santíssima Virgem, Mãe de Deus nosso Senhor Jesus Cristo:
a bem-aventurada Bernadete viu a vossa puríssima pessoa, vestida de branco,
com um ramo de rosas e jasmim aos pés,
com uma cinta azul, tendo à mão um rosário,
rodeada de fulgurante luz celeste.

Rogo-vos, Santíssima Virgem,
que subistes ao céu e fostes coroada Rainha do Anjos,
interceder junto ao vosso amado filho,
Nosso Senhor Jesus Cristo, pelo perdão dos meus pecados.

Suplico-vos, mãe de Deus e dos homens, obter para mim,
da misericórdia do vosso Filho,
a graça de... (fazer o pedido).

Sois, Maria Santíssima, a minha alegria, o meu refúgio,
a luz que me guia nos ásperos caminhos da existência.
Sois a nossa Mãe e a vossa bondade é infinita.
Dignai-vos, Maria Santíssima, receber este ato de fé no vosso poder,
na vossa pureza e no vosso amor.

Excelsa Senhora, afastai-nos do pecado,
conservai a nossa fé na vossa bondade
e na justiça de nosso Senhor Jesus Cristo,
vosso Filho e nosso Salvador.
Confiante em que atendereis ao meu pedido, 
entrego-me à vossa protecção.


(fazer o sinal da cruz)

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Rezar três Avé Marias e uma Salvé Rainha.

Ó Maria, concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós.
Ó Maria, concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós.
Ó Maria, concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós.

Ritual antigo de São Valentim que qualquer pessoa pode fazer

 

Este ritual, embora simples e acessível a qualquer pessoa, é muito poderoso: lembre-se que é a intenção e a determinação com que fazemos algo que criam a vibração energética produzida por esse ato. E é essa vibração energética que atrai os resultados que procuramos.

Antes de ser festejado como o dia de São Valentim, o dia 14 de Fevereiro era já uma festividade pagã, associada à fertilidade e ao amor. Aproveite a energia especial deste período para manifestar os seus desejos, especialmente em relação ao amor e aos relacionamentos.

 

Como fazer:

1 - Pegue num papel e numa caneta de tinta preta.

2 - Pense em algo que deseja ver crescer e prosperar na sua vida: um relacionamento, um projeto, a sua saúde, um negócio.

3 - Escreva no papel, completanto a frase: "Planto esta semente de ______________________ para ela crescer e transformar-se em ______________________. Peço ao Universo que me ajude a dar os passos certos e que faça com que tudo seja feito para o bem de todos."

4 - Acenda uma vela e coloque-a ao lado de uma taça com água, à sua frente.

5 - Dobre o papel e mantenha-o junto do seu coração, segurando-o com a mão direita. De olhos fechados, repita mentalmente o seu desejo, tantas vezes quantas sentir necessidade.

6 - Quando sentir que o seu desejo "passou do seu coração para o papel", pegue no papel e cooque-o dentro da taça com água. 

7 - Retire-o com cuidado. Saia de casa e coloque o papel molhado num jardim, enterrando-o perto de uma árvore. "Regue-o" com a água que usou. 

Não se preocupe a pensar na forma como a sua semente irá crescer nem como o seu desejo se vai realizar. Agradeça simplesmente ao Universo e CONFIE.

São Valentim, São Valentim, quem é o namorado ideal para mim?

 

O que é mais importante para si numa relação? O que procura num parceiro? De que mais gosta? Saiba quais são os signos do Zodíaco que têm maiores probabilidades de satisfazer os seus desejos. Confira:

- Se procura um parceiro aventureiro, arrojado, ousado...

Os melhores signos para si são...

           Leão, Carneiro, Sagitário e Escorpião.

 

- Se para si o amor é uma total partilha de ideias, e quer ter alguém com quem fazer novas aprendizagens, ir ao cinema, discutir livros e música...

Será mais feliz com...

               Gémeos, Aquário, Balança, Peixes.

 

- Para si, o fim de semana ideal é passado enroscadinha ao seu amor no sofá, debaixo de uma manta, a ver as vossas séries favoritas...

A sua melhor companhia é...

            Touro, Caranguejo, Capricórnio, Peixes.

 

- Gosta que toda a gente fique a olhar para vocês, com admiração e uma certa inveja, quando chegam a qualquer sítio. 

Formará um casal-sensação com...

              Carneiro, Leão, Balança, Sagitário.

 

- Adora beijinhos, miminhos, abraços, ver o pôr-do-sol de mãos dadas ou passear ao luar...

Formará um ninho de amor com...

               Touro, Caranguejo, Escorpião, Peixes.

 

- Para si o amor (assim como a vida) é simples, natural, espontâneo. Detesta complicações e discussões desnecessárias.

O seu coração ganhará asas com...

                  Carneiro, Gémeos, Sagitário, Aquário.

 

- Deseja construir uma família feliz, ter um lar cheio de filhos, com faustosos almoços de Domingo, um cão, um gato e crianças alegres a brincar no jardim.

A sua cara-metade será...

               Touro, Caranguejo, Virgem, Capricórnio.

 

- Para si são muito importantes as declarações de amor, precisa de ter a seu lado alguém que lhe diga "Amo-te" todos os dias.

Terá melhores probabilidades com...

               Touro, Caranguejo, Leão, Peixes.

 

- Procura um parceiro que a faça sentir-se protegida, uma espécie de herói romântico que salva a sua donzela de apuros.

O seu super-homem será...

                    Carneiro, Leão, Escorpião, Capricórnio.

- O que mais a atrai num homem é a sua inteligência, gosta de ter como companheiro alguém que seja muito interessante e que tenha uma opinião formada sobre todos os assuntos.

O seu par ideal é...

           Gémeos, Virgem, Balança, Aquário.

 

- Para si, "amor sem sexo é amizade". Precisa de ter uma vida sexual rica para ser uma mulher feliz.

Suspirará de prazer nos braços de...

              Touro, Leão, Escorpião, Sagitário.

 

- Sonha casar vestida de branco, adora a ideia de passar férias com outros casais e visitar a sua família e a dele todos os fins de semana.

O seu relacionamento de sonho será com alguém de signo...

      Touro, Caranguejo, Virgem, Capricórnio.

 

- Detesta as convenções, gosta de manter a sua liberdade e independência, quer alguém que não exija demasiado de si e que viva o amor com descontração.

Será melhor sucedida com...

             Gémeos, Balança, Sagitário, Aquário.

 

- Gosta de homens vaidosos, bem-vestidos, sempre elegantes, que sabem cuidar da sua imagem sem perder a sua virilidade.

O seu galã de cinema é...

            Leão, Balança, Sagitário, Capricórnio.

Numerologia Cármica: quais são as lições que precisa de aprender?

 

As letras do seu nome revelam pistas fundamentais sobre a sua personalidade e sobre aquilo de que precisa para se sentir mais realizado. A Numerologia estuda a vibração energética das letras e dos números e ensina a descobrir, também, que lições a sua alma precisa de aprender, que Karmas trouxe para superar e de que forma eles se manifestam na sua vida atual.

8cf32fb0a6b4f0c4d48072f39fc4ce89d21b8f36v2-hq.jpg

A Numerologia interpreta a vibração energética dos números e das letras, que são convertidas em números através da Tabela Pitagórica. A análise da data de nascimento e do nome fornece informações sobre a missão que cada pessoa veio desempenhar, o que mais deseja e aquilo de que precisa para realizar o seu potencial, entre muitos outros detalhes que contribuem para que se conheça melhor e também para que compreenda de forma mais profunda o sentido da sua vida. Saiba que as letras em falta no seu nome revelam as lições que não aprendeu em vidas anteriores e que precisa, agora, de cumprir para poder evoluir.

Através desta análise poderá compreender por que motivo certas situações se repetem na sua vida e também melhor os seus próprios padrões de comportamento.

Como saber que lições tem para aprender?

Em primeiro lugar, escreva o seu nome completo numa folha de papel e, depois, tome nota dos números que correspondem a cada letra, consultando a tabela Pitagórica.

Tabela Pitagórica

1

2

3

4

5

6

7

8

9

ABCDEFGHI
JKLMNOPQR
STUVWXYZ 

Exemplo:

    A n a  M a r g  a r  i  d a  M a t  i  a s  M o n t  e  i  r o

    1 5 1   4 1 9 7 1 9 9 4  1  4 1 2 9 1 1   4 6 5 2 5 9 9 6

Os números em falta neste nome são o 3 e o 8. Eles representam as lições cármicas que a Ana Margarida tem para aprender.

NÚMERO 1 EM FALTA

Se este número está em falta no seu nome, isso significa que em vidas passadas duvidou das suas capacidades e do seu poder de decisão. Sentiu-se muitas vezes inseguro e isso bloqueou a sua capacidade de ação, impedindo-o de manifestar a sua opinião e de se expressar livremente. Tem, nesta vida, de aprender a afirmar-se sem ter receio de ser mal compreendido ou criticado, pois tem o pleno direito a ser exatamente como é.

NÚMERO 2 EM FALTA

Quem tem este número em falta foi, provavelmente, alguém que nas suas vidas passadas agiu de forma egoísta e egocêntrica, sem ter consideração pela opinião e pela vontade dos outros. Teve dificuldade em ceder e procurou agir sempre de acordo com a sua vontade, assumindo uma postura autoritária. Tem, nesta vida, de aprender a ser mais tolerante, compreensivo e cooperante com os outros, e pode enfrentar algumas dificuldades na vida a dois, já que ainda está a aprender a viver em casal.

NÚMERO 3 EM FALTA

A ausência deste número revela que em vidas anteriores enfrentou sérios problemas de comunicação. Pode ter sido mal interpretado ou atacado injustamente pela expressão das suas ideias e opiniões, o que resultou num bloqueio e numa dificuldade de expressão que se manifesta nesta vida. Precisa de aprender a dizer aquilo que pensa e a assumir as suas ideias sem receio. Pode ter problemas relacionados com a comunicação, como a dislexia, ou bloqueios de criatividade. 

NÚMERO 4 EM FALTA

Se tem este número em falta pode ter sido alguém que viveu sem regras e que, noutras encarnações, teve dificuldade em cumprir com aquilo que era esperado de si. Por ter falta de organização, viveu vidas caóticas, possivelmente boémias ou mesmo de miséria, e isso faz com que, hoje em dia, lute constantemente para ter segurança material, já que muitas vezes se confronta com imprevistos que põem em causa aquilo que construiu. Tem como lição a aprender nesta vida saber concentrar-se nas suas tarefas de forma a alcançar as suas metas para que, dessa forma, possa criar bases mais sólidas.

NÚMERO 5 EM FALTA

A ausência deste número indica alguém que foi privado da sua liberdade em vidas anteriores e que, por isso, está agora a aprender a lutar por ela e a reclamar o direito ao seu espaço. Pode ter estado preso ou vivido em cativeiro por algum motivo, tendo sido condicionado por força das circunstâncias e tendo a sua capacidade de ação muito limitada. Nesta vida pode sentir medo de se expressar livremente ou pode ter tendência para se submeter à vontade de terceiros com medo de criar instabilidade na sua vida. Precisa de aprender a ser mais flexível e confiante, encarando as mudanças com otimismo e coragem.

NÚMERO 6 EM FALTA

De natureza apaixonada e intensa, pode ter sido alguém que, em vidas passadas, seguiu o coração ao ponto de magoar terceiros, descartando-se das responsabilidades que tinha a seu cargo. Pode também por outro lado, ter tido uma postura demasiado preocupada com os outros, o que fez com que se sacrificasse por amor, por exemplo. Nesta vida tem como lição aprender a ser mais sensato, racional e prudente, atendendo não só à emoção mas também à voza da razão.

NÚMERO 7 EM FALTA

Se este número está em falta no seu nome, isso revela que nas suas vidas anteriores foi alguém que deteve conhecimentos importantes, mas usou-os em benefício próprio e de forma egoísta. Hoje em dia pode, por isso, ser alguém que tem medo de saber demais, que fica assustado quando tem em seu poder informações que podem ter um forte impacto nos outros e que não gosta de sentir-se responsável por tomar decisões. Precisa de aprender a confiar mais na sua capacidade de discernimento e a utilizar aquilo que sabe em prol dos grupos onde se insere.

NÚMERO 8 EM FALTA

Se este número está em falta no seu nome, pode ter sido alguém que, noutras vidas, alcançou posições de grande poder, mas que foi tirano ou déspota, tendo feito mau uso da autoridade que detinha. Poderá ter, nesta vida, dificuldade em confiar nos outros, sendo uma pessoa por natureza muito desconfiada, que tem constrangimentos em coordenar equipas ou assumir a liderança de um grupo, já que não se sente à vontade num contexto em que seja preciso confiar nos outros e cooperar com eles. São essas, de resto, duas das maiores lições que tem de aprender nesta vida.

NÚMERO 9 EM FALTA

A ausência deste número no seu nome denuncia alguém que se isolou no passado, tendo dificuldade em relacionar-se com os outros e sentindo-se incompreendido por eles, o que, ainda hoje, faz com que muitas vezes se sinta só, não importa quantas pessoas estejam à sua volta. Tem como lição aprender a abrir o coração e a partilhar com aqueles que o rodeiam aquilo que sente, sem ter medo de se mostrar tal como é. 

 

Pág. 1/2