Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Astrologia

Halloween - a noite das bruxas

 

A noite de 31 de Outubro veste-se de preto e cor-de-laranja, enche-se de imagens de abóboras, teias de aranha, morcegos, máscaras e disfarces assustadores... Apesar de não ser um costume português, o Halloween tem vindo a marcar uma presença cada vez mais forte na nossa cultura. Conheça a história e o simbolismo por detrás desta celebração em que, à noite... todos os gatos são pretos!

Habituámo-nos a ver, nos filmes americanos, crianças mascaradas de bruxa, vampiro, múmia ou fantasma que batem de porta em porta na noite de 31 de Outubro, gritando a célebre frase "Trick or treat!" ("doçura ou travessura", em português). Pedem doces, sob promessa de não pregarem partidas aos moradores dessa casa. Este costume, que se popularizou graças à cultura Americana, tem maior expressão nos Estados Unidos da América, no Canadá, e nas ilhas britânicas, mas tem vindo a difundir-se pelo Mundo, e em Portugal temo-nos habituado, nos últimos anos, a ver as lojas decoradas com abóboras e morcegos e a haver cada vez mais eventos e festas que celebram esta noite especial. Em muitas escolas, esta festa carregada do tom preto, também não passa em branco. 

A palavra Halloween, cujo primeiro registo data de cerca de 1745, deriva da contração do termo "Hallo-Hellu", escocês, que designa a "véspera do Dia de Todos os Santos". Mas a sua origem remonta a um período muito mais recuado na História, misturando-se nela a cultura pagã e a tradição Católica. Halloween, em inglês, é a abreviatura de "All hallow's eve" – a noite de todos os santos.

A festa Celta

Os povos Celtas, que habitavam as Ilhas britânicas entre 600 a.C e 800 a.C, tinham uma importante comemoração assinalada no início de Novembro – o Samhain – que significa "fim do verão", e que era precedido por festejos onde se prestava homenagem aos mortos e à divindade que por eles velava. Esta festa era muito importante porque marcava o início do novo ano celta – e antes de dar as boas-vindas ao futuro importava honrar a memória do passado. Os festejos duravam cerca de uma semana, tendo como ponto alto a "festa dos mortos", na qual os sacerdotes druidas agiam como médiuns entre as pessoas e os seus antepassados, acreditando-se que os espíritos dos mortos visitavam os seus entes queridos e as suas antigas casas nessa noite. Era costume, então, enfeitar as casas para receber condignamente estes visitantes tão importantes.

 

A Cristianização

Quando, no século 46 a.C., as ilhas britânicas foram invadidas pelos Romanos, as celebrações pagãs foram "abafadas" pelas festividades religiosas católicas que, no processo de evangelização, fizeram coincidir as datas destas últimas com as das primeiras, para que a elas se sobrepusessem.

Assim, a festa Católica em honra de Todos os Santos, que era inicialmente celebrada a 13 de Maio, foi transferida para o dia 1 de Novembro. No ano 840, o papa Gregório IV ordenou que esta festa fosse celebrada universalmente, passando a ser feita uma vigília pelas almas que já partiram na noite da véspera. Daí surgiu a expressão "All Hallows's Eve"- a noite de todos os santos.

Celebrações pelo Mundo

É devido a esta carga histórica relacionada com a Igreja que na Europa o Dia das Bruxas não tem a mesma expressão do que nos Estados Unidos, que receberam a comemoração em 1840, através de imigrantes irlandeses que chegaram ao país na esperança de uma vida melhor. Os romanos ainda adoptaram algumas destas práticas celtas, mas abandonaram-nas no primeiro século depois de Jesus Cristo. 

Em Espanha, tal como em Portugal, o dia de comemoração desta festa é a 1 de Novembro, altura em que as famílias vão aos cemitérios relembrar quem já partiu, limpar as campas e os túmulos dos seus mortos.

Na Irlanda, país de origem desta celebração, nas zonas rurais acendem-se ainda fogueiras, como os seus antepassados faziam, e as crianças batem à porta dos vizinhos, com vestes assustadoras, enquanto dizem: “doce ou travessura!” Procura-se, desta forma, afugentar os maus espíritos, para que não tomem conta da alma dos vivos. 

No México, o Dia dos Mortos é uma importante celebração, com "festividades" que se estendem por vários dias, em que se fazem festas com música e refeições faustosas, porque se acredita que os mortos vêm de novo à Terra para conviverem com os seus entes queridos. Esta festa tem raízes nas tradições aztecas.

 

Lendas e mistérios 

Esta festa está tradicionalmente relacionada com a morte, e originalmente o Halloween não tinha nenhuma relação com bruxas, abóboras ou gatos pretos, como hoje em dia é tão divulgado. O tão conhecido: “Doce ou Travessura!” é oriundo de uma tradição europeia do século IX, em que os cristãos, no dia 2 de Novembro, iam de terra em terra pedir “soul cakes”, ou seja, bolos pelas almas que já teriam partido. Por cada bolo recebido, as pessoas deviam rezar uma oração por um dos seus familiares já falecidos.

As bruxas surgiram nestas comemorações, porque antigamente acreditava-se que se reuniam duas vezes por ano, nas mudanças das estações do ano, a 30 de Abril e a 31 de Outubro. 

Já a famosa abóbora, tão usada nas decorações de Halloween, nasceu do folclore irlandês. Reza a história que um irlandês chamado Jack foi intercetado pelo Diabo no dia 31 de Outubro, devido ao seu comportamento, e que este o queria levar para o Inferno. No entanto, esperto, este homem conseguiu ludibriar o Diabo por duas vezes. Quando morreu, precisamente um ano depois, Jack quis entrar no Céu, mas não conseguiu, e teve então que tentar a sua sorte no Inferno, mas o Diabo também não permitiu a sua entrada. Jack vagueou então como uma alma penada durante alguns dias, até que o Diabo, com pena do homem, lhe ofereceu uma brasa do Inferno para que ele pudesse encontrar o seu caminho. Jack colocou, então, esta brasa dentro de um nabo para que perdurasse acesa por mais tempo. Os americanos trocaram o nabo pela abóbora, usando-a nas suas decorações com uma vela lá dentro, de forma a iluminar o caminho de todas as almas penadas que vagueassem pela Terra na noite de 31 de Outubro.

 

Símbolos místicos do Halloween 

Abóbora – Significa sabedoria e fertilidade.

Aranha – A teia de aranha simboliza os vários caminhos de cada destino.

Caldeirão – Nele depositam-se moedas e mensagens para efectuar pedidos especiais aos espíritos.

Morcego – Simboliza a clareza de pensamento, pois consegue ver no escuro e assim capta todas as energias.

Vassoura – ao contrário dos que muitos pensam, a vassoura não é apenas o transporte das bruxas, mas simboliza sim o poder feminino que pode ajudar a limpar a energia negativa que nos rodeia.

Vela – Simboliza a luz que deve iluminar os espíritos que procuram o seu caminho.

 

Previsões astrológicas para novembro 2023 signo a signo

 

sem-ttulo (5).jpg

Carneiro

Saturno deixa de estar retrógrado no dia 4 e, como está a afetar especialmente a sua Casa XII, que diz respeito a motivações ocultas, ao inconsciente, a bloqueios e mágoas do passado, poderá agora sentir um alívio em relação a questões que exerciam uma certa pressão sobre si, deixando o seu coração mais pesado. Conseguirá libertar-se de fardos que carregava e de responsabilidades que o impediam de avançar como gostaria. Vénus entra em Balança no dia 8, inaugurando um período que favorece a sua vida amorosa. Conseguirá encontrar forma de satisfazer as suas necessidades e, ao mesmo tempo, conciliar os seus interesses com os do seu par. Terá agora boas perspetivas de evolução num relacionamento, quer ele seja recente, quer tenha vários anos de existência. Mercúrio em Sagitário agita a sua mente a partir do dia 10, deixando-o inspirado para defender as suas ideias e trazendo-lhe boas perspetivas nos negócios. A Lua Nova em Escorpião, no dia 13, incidirá especialmente sobre a sua vida sexual, deixando-o particularmente sedutor. No final do mês, a entrada do Sol e de Marte em Sagitário renovará a sua autoconfiança e sua garra, deixando-o muito dinâmico.

Touro

Saturno fica direto no dia 4 e incide sobre a sua vida social. Encontra-se em Peixes e vai ajudá-lo a apurar as suas amizades, estabelecendo uma conexão mais profunda com os amigos que escolher manter ao seu lado. Vénus entra no signo Balança no dia 8 e irá ajudá-lo a conseguir que aqueles que trabalham consigo o compreendam melhor, o que irá melhorar as relações no seu dia-a-dia. No dia 13, a Lua Nova em Escorpião irá ajudá-lo a perspetivar uma nova fase a nível amoroso, dando forma a sentimentos que vieram à superfície, talvez de forma caótica ou difícil de compreender, na Lua Cheia no seu signo, que ocorreu no final de outubro. Poderá, agora, fazer-se luz em relação a algo que não estava a conseguir definir e que terá um profundo impacto numa relação amorosa ou, se não tem par, na maneira como encara a sua vida sentimental. No dia 24, a entrada de Marte em Sagitário irá dar força a este processo de mudança interior.

Gémeos

Saturno deixa de estar retrógrado logo no dia 1 e iniciará um processo de amadurecimento e consolidação na sua carreira. Conseguirá estar mais concentrado nas suas metas e investir de uma forma mais rentável na conquista daquilo que ambiciona. Vénus entra em Balança no dia 8, o que favorece as relações amorosas e a comunicação com aqueles que lhe são próximos. Terá maior facilidade em abrir o coração e expor o que sente, de uma forma diplomática e sem ferir suscetibilidades. A relação com os filhos estará também favorecida. Mercúrio ativa a sua Casa VII a partir do dia 10, o que põe em destaque a comunicação em casal. Será um mês marcado por conversas importantes, decisivas e positivas. No dia 13, a Lua Nova em Escorpião pode ajudá-lo ganhar uma nova perspetiva em relação a uma questão de saúde que precisa de ser resolvida. A entrada do Sol em Sagitário, no dia 22, seguido por Marte, no dia 24, promete paixão e romance. A 27, a Lua Cheia ocorre no seu signo, trazendo emoções fortes, carisma e ação.

Caranguejo

Saturno, que se encontra em Touro e afeta diretamente a sua vida social, deixa de estar retrógrado, o que alivia alguma tensão que pode ter sentido a este nível. Vénus em Balança, a partir do dia 8, e Mercúrio em Sagitário, a partir do dia 10, deixam-no mais inseguro a nível afetivo e, por esse motivo, refreará os seus impulsos e evitará expor-se, preferindo aquilo que representa a sua área de conforto. No dia 13, porém, a Lua Nova em Escorpião pode deixá-lo particularmente inspirado a nível amoroso, e os dias que rodeiam esta data podem ser bastante românticos. O Sol entra no signo Sagitário a 22, seguindo-se-lhe Marte, a 24, o que aumenta a tensão interior e pode dar origem a conflitos no final do mês. A Lua Cheia em Gémeos, no dia 27, pode obrigá-lo a resolver uma questão que tem preferido ignorar.

Leão

Saturno fica direto no dia 4, ajudando-o a compreender melhor aquilo que sente e o que se passa dentro de si. Poderá sentir um amadurecimento interior, que se traduz pela forma como é capaz de compreender melhor aquilo de que precisa. A sua filosofia de vida pode mudar, fazendo com que adote outro tipo de atitudes perante as situações com que se confronta. Vénus entra no signo Balança no dia 8, o que é favorável para as relações com os amigos e para melhorar a sua capacidade de negociação, deixando-o mais diplomático e, também, mais convincente. Mercúrio está em Sagitário a partir do dia 10 e essa influência agiliza a sua mente, deixando-o particularmente dinâmico. No dia 13, a Lua Nova em Escorpião pode trazer mudanças na dinâmica familiar. O Sol entra no signo Sagitário a 22, seguindo-se-lhe Marte, a 24, aumentando a sua energia e pondo em evidência a sua garra e coragem.

Virgem

Saturno deixa de estar retrógrado no dia 4 e incide diretamente sobre a sua vida amorosa, o que faz com que possa, nos próximos meses, dar passos importantes no sentido de avançar para um compromisso mais sólido. Vénus em Balança, a partir do dia 8, ajuda-o a dinamizar a sua vida financeira e pode trazer-lhe bons resultados a este nível. No dia 13, a Lua Nova em Escorpião favorece as relações com irmãos e com os amigos chegados. Pode receber uma notícia importante através deles. O final do mês pode apresentar-lhe alguns focos de tensão na esfera familiar, especialmente depois da entrada de Marte em Sagitário, a 24. A Lua Cheia em Gémeos, no dia 27, pode obrigá-lo a gerir melhor as suas emoções a nível profissional, pois poderá enfrentar conflitos no trabalho.

Balança

Este mês promete romantismo e harmonia afetiva, já que Vénus, o seu planeta regente, entra no seu signo no dia 8, trazendo maior harmonia e felicidade para as relações próximas. O seu bom-gosto também estará evidenciado, o que favorece uma mudança de visual e também terá um impacto muito positivo na sua carreira. Mercúrio em Sagitário, a partir do dia 10, favorece o seu poder de comunicação e os contactos com os irmãos e amigos chegados. A partir do dia 22, o Sol também está neste signo, bem como Marte, depois de dia 24, o que faz com que termine o mês numa roda-viva e sem ter mãos a medir para tantas solicitações sociais.

Escorpião

O Sol atravessa o seu signo e isso dá-lhe inspiração e ânimo, fazendo com que se sinta motivado para ir atrás das suas metas e com que esteja particularmente dinâmico. Saturno deixa de estar retrógrado no dia 4, o que lhe traz maior leveza a nível afetivo, libertando-o de sentimentos de culpa ou de restrições que o condicionavam. Mercúrio em Sagitário, a partir do dia 10, ativa a sua capacidade de negociação e ajuda-o a obter melhores resultados em vendas, o que será acentuado pela entrada de Marte também em Sagitário, no dia 24. Seja qual for a sua área de trabalho, conseguirá destacar-se no final do mês, evidenciando a sua proatividade. A Lua Nova no seu signo, no dia 13, oferece-lhe uma importante oportunidade de renovação, permitindo-lhe impor algumas mudanças no seu dia-a-dia e na maneira como lida com as situações e com os demais.

Sagitário

Vénus entra em Balança no dia 8, adoçando o seu coração neste mês em que o Sol se aproxima do seu signo, onde passará a estar a partir do dia 22. Tenderá a formar boas alianças com as pessoas que lhe estão próximas, desenvolvendo relações que serão muito proveitosas tanto a nível pessoal como no plano profissional. Mercúrio entra no seu signo no dia 10, o que ativa a sua mente, deixando-o especialmente dinâmico e cheio de ideias novas, que deseja pôr em prática. Marte também entra no seu signo este mês, a 24, o que acentuará a sua chama interior, deixando-o mais aguerrido e destemido. O seu charme estará muito acentuado, o que tanto lhe pode trazer encontros românticos ardentes como boas conquistas no plano dos negócios. A Lua Nova em Escorpião, a 13, pode ajudá-lo a libertar-se de mágoas que ainda carrega e que já não fazem sentido na sua vida presente. O mês termina sob a influência da Lua Cheia em Gémeos, a 27, que promete paixão e romance, embora também possa deixá-lo com as emoções à flor da pele, sendo fácil ir das lágrimas ao riso em minutos.

Capricórnio

Saturno deixa de estar retrógrado no dia 2 e, estando em Peixes, favorece a sua forma de comunicar com aqueles que lhe são mais próximos. Se esteve mais retraído na expressão de ideias, conseguirá agora encontrar a forma mais adequada de as exprimir. Vénus em Balança a partir do dia 8 pode pôr em destaque as relações profissionais, que irão exigir maior atenção da sua parte. Mercúrio entra no signo Sagitário a 10 e pode fazer com que o seu mundo interior se torne especialmente intenso. Poderá ter mais recordações, memórias e lembranças de tempos passados, as quais despertam em si sentimentos que estavam ocultos ou que prefere esconder. Poderá haver mais conversas secretas e partilha de confidências. A Lua Nova em Escorpião, no dia 13, pode trazer pessoas novas ao seu encontro ou dinamizar a sua vida social, intensificando o contacto com os seus amigos. No final do mês, a Lua Cheia em Gémeos, a 27, obriga-o a dar mais atenção à sua saúde, pois pode trazer-lhe um contratempo a este nível.

Aquário

Saturno deixa de estar retrógrado no dia 4, o que favorece a sua vida financeira. A partir daqui pode sentir um alívio em relação a situações que o obrigavam a ter uma maior contenção. Vénus em Balança, a partir do dia 8, faz com que se sinta mais curioso em relação ao que o rodeia e mais predisposto para estabelecer contacto com pessoas novas, o que irá favorecer a sua vida social especialmente a partir do dia 10, quando Mercúrio transitar para Sagitário. A Lua Nova em Escorpião, no dia 13, pode dar-lhe uma visão mais clara em relação a aspetos que precisam de ser mudados na sua carreira, ou pode confrontá-lo com situações que não conseguirá contrariar. No dia 22 o Sol entra em Sagitário, deixando-o ainda mais expansivo e voltado para a relação com os amigos. Poderá conhecer novas pessoas nesta fase, que será bastante dinâmica e que pode ajudar a alargar os seus horizontes. Marte também passa a estar em Sagitário, a partir do dia 24, acentuando o seu charme e carisma sexual.

Peixes

No dia 4 Saturno deixa de estar retrógrado e, como está no seu signo, o efeito deste trânsito pode afetá-lo especialmente. Sentir-se-á mais liberto a partir desta data, como se uma pressão que estava a ser exercida sobre si finalmente saísse de cima dos seus ombros, e poderá, também, notar que as situações começam a fluir de uma forma muito mais harmoniosa. Mercúrio entra em Sagitário no dia 10, pondo em destaque a sua vida profissional, mas potenciando a existência de problemas a este nível. Esteja atento ao que o rodeia para não se sentir posto de lado. No dia 13, a Lua Nova em Escorpião vai ajudá-lo a tomar decisões importantes relacionadas com as suas metas, e elas podem, até, ter um impacto no rumo que está a seguir, fazendo com que assuma um novo curso. A entrada do Sol em Sagitário, no dia 22, seguindo-se-lhe Marte, a 24, pode causar alguns atritos e focos de tensão na esfera profissional. No dia 27, a Lua Cheia em Gémeos chama a sua atenção para a vida familiar.

Cristais que melhoram a saúde

 

Saiba que, através das suas propriedades energéticas, os cristais são muito benéficos quando utilizados na prevenção de problemas de saúde e como complemento ao tratamento médico. Ao melhorarem a energia que nos rodeia, o nosso campo energético, eles atraem as vibrações de que precisamos para nos restabelecermos. De acordo com a sua cor e consistência, atuam sobre determinado órgão ou aspeto físico, o que faz com que haja indicações terapêuticas específicas para cada cristal.

Para usufruir dos benefícios terapêuticos dos cristais deve, em primeiro lugar e depois de ter escolhido e adquirido o(s) seu(s) cristal/is, limpá-lo(s) e energizá-lo(s) convenientemente.

                       

Pode, depois, usá-los de várias maneiras. Uma delas consiste em deitar-se, relaxadamente, de costas, colocando o cristal sobre a área afetada, diretamente na pele. Deverá permanecer assim durante pelo menos uma hora.

Outra técnica consiste em colocar o cristal, já depois de limpo, dentro de um copo com água mineral, deixando-o assim ficar durante toda a noite. Na manhã seguinte deve retirar cuidadosamente o cristal e beber essa água, que assim ficou energizada.

Pode também, simplesmente, trazer o cristal sempre consigo, num bolso ou na mala, como um amuleto de proteção. Quanto mais perto estiver da pele, tanto melhor pois mais facilmente atuará sobre a sua energia.

É preciso salientar que o cristal por si só não pode processar nenhum tipo de cura, pelo que o acompanhamento médico em questões de saúde é sempre indispensável.

Conheça os benefícios de cada cristal na sua saúde:

Ágata

Pedra semipreciosa de cor cristalina que como pedra de cura é utilizada como purificadora sanguínea. Conhecida igualmente por tratar problemas de epilepsia, estados febris, cólicas menstruais e problemas do aparelho digestivo.

 

Água-Marinha

Como pedra de cura atua no tratamento dos problemas de ansiedade, dores de ouvidos e de cabeça, casos de insónia, laringites, doenças do fígado e sistema vascular.

 

Ametista

Como pedra de cura a sua ação dirige-se a problemas de alergias em geral, tumores cerebrais, diabetes, distúrbios do foro alimentar, doença de Parkinson, sinusite, problemas urinários e doenças venéreas.

 

Aventurina

Este cristal atua no sistema nervoso central e alivia problemas dermatológicos.

 

Calcedónia

Como pedra de cura são-lhe atribuídas capacidades no tratamento de artrite, asma, constipações, estados depressivos e de cansaço extremo, infeções generalizadas, problemas de circulação, problemas do foro respiratório.

 

Coral

Poderoso estimulante sexual, atua em casos de infertilidade. A sua ação abrange ainda quem sofre de asma, infeções urinárias, aumenta o aporte de cálcio a nível ósseo, fraqueza muscular, tosse e estados depressivos.

 

Citrino

Ajuda nos problemas do aparelho digestivo podendo mesmo ser utilizado como energizante da água que bebe. Para tal, bastará colocar um cristal citrino dentro da sua garrafa de água.

 

Crisoprásio

Reduz as dores de cabeça e também ajuda em problemas sexuais. Desintoxica o nosso sistema físico. Excelente para acalmar as crianças que acordam à noite e não conseguem reconhecer as coisas à sua volta. Ajuda na estimulação e eliminação de toxinas no nosso corpo.

 

Diamante

O diamante, devido à sua natureza brilhante, há muito tem sido considerado uma pedra de proteção, poder de cura e purificação. Evita pesadelos, combate disfunções sexuais, aumenta a resistência orgânica. O diamante em matéria de sexualidade é purificador, libertador e restaurador.

 

Esmeralda

Os seus raios verdes podem ser benéficos no tratamento de sintomas malignos. Ajuda na convalescença de doenças infeciosas e trata a coluna vertebral, os pulmões e o coração. Alivia a sinusite, regenera os músculos e melhora a visão. Atua ainda na desintoxicação do fígado, alivia reumatismo e diabetes. Há quem diga que utilizada à volta do pescoço num colar, previne a epilepsia.

 

Granada

Conhecida por atuar em problemas de anemia, depressão, casos de impotência, problemas menstruais e nevralgias.

 

Fluorite

Possui um grande poder de cura. Acumula e absorve os nutrientes vitais. Fortalece os dentes, os ossos e os vasos sanguíneos. Ajuda na concentração quando meditando. Permite que a mente se mantenha em perfeito equilíbrio.

 

Hematita

Hematita traz força, vitalidade e dinamismo para a sua vida. Estimula a absorção de ferro e a formação de glóbulos vermelhos no sangue. Aumenta o fornecimento de oxigénio pelo corpo e estabiliza a nossa saúde.

 

Jade

Auxilia nos problemas relacionados com a visão e funciona como um equilibrador emocional.

 

Malaquite

Eficaz no tratamento de problemas da bexiga, cólicas, doenças hepáticas, problemas menstruais, espasmos musculares e problemas nervosos.

 

Obsidiana

Auxilia os intestinos e o estômago. Inspira objetividade, sabedoria e amor. Dissolve choques, medos, bloqueios e traumas. Ajuda em obsessões e purifica a negatividade que fica na atmosfera. Dissolve dores em geral, tensões e bloqueios de energia pelo corpo. Ativa a circulação, mesmo em casos extremos e também ajuda em problemas de mãos e pés frios.

 

Olho de Tigre

Ótimo para situações de stresse e mudanças de humor. Ajuda a aliviar dores no geral. Diminui o fluxo de energia no corpo e principalmente ajuda pessoas que estão sempre ativas e hipertensas.

 

Opala

Transmite vontade de viver. Alivia a doença de Parkinson, as infeções e as febres e fortalece a memória. É ainda purificadora do sangue e dos rins. Regula a insulina, facilita o parto e alivia o síndroma pré menstrual (utilizar as cores escuras).

 

Ónix

Fortalece a coluna vertebral e elimina o stresse. Alinha o corpo físico por inteiro com altas frequências de energia.

 

Pedra da Lua

Estimula o funcionamento das glândulas e o equilíbrio interno dos órgãos. Aumenta a fertilidade da mulher, ajuda em problemas de menstruação e durante a menopausa.

 

Pedra do Sol

Contém propriedades que ajudam a levantar a moral, pelo que  tem efeito antidepressivo. Estimula o poder de cura, o sistema nervoso e faz com que todos os órgãos de nosso corpo trabalhem em harmonia.

 

Quartzo Rosa

Extremamente calmante, atenua os estados depressivos, as insónias e atitudes de agressividade.

 

Rubi

O rubi tem reputação de ser eficaz no tratamento da anemia, problemas cancerígenos, depressão, exaustão, cansaço, infertilidade, leucemia, esterilidade e problemas cardíacos, renais e hepáticos.

 

Safira

Tem eficácia no tratamento da doença de Alzheimer, queimaduras, doenças nervosas e degenerativas, febres, hemorroidas, infeções, inflamações, insónia, esclerose múltipla, sangramento nasal, dor de garganta e úlceras.

 

Topázio

Como pedra de cura, o topázio tem reputação de eficácia no tratamento de males como depressão, doenças dos ossos, insónia, disfunções sexuais, estados de choque e stresse.

 

Turmalina

Como pedra de cura, tem reputação de eficácia no tratamento da obstipação, cansaço, febre, gripe, pedras vesiculares, pressão alta, indigestão, infeções, inflamações, dores musculares, inchaços e dores de dentes.

 

Turquesa

A turquesa absorve sentimentos negativos e possui uma forte vibração curativa. Ela muda de cor para avisar o seu usuário de problemas de saúde iminentes e tem reputação de eficácia no tratamento de males como asma, queimaduras, doenças pulmonares, febres, pressão alta, inflamações, enxaquecas, inchaços, tensão e traumas.

 

Zircão

Promove a visão e ajuda a combater a insónia. Efeito positivo nas dores de cabeça e enxaquecas.

O melhor e o pior de cada signo

 

Defeitos, todos temos! E se é bem verdade que cada um de nós é um ser único e incomparável, existem certos traços comuns - uns para o melhor, outro para o menos bom - que são comuns à maioria dos nativos de cada signo. Aprender a usar os nossos dons para suprir as nossas falhas é um dos maiores e mais aliciantes desafios da vida. Ora confira!

Signos:

O seu melhor:

O seu pior:

Carneiro

- É a alma de qualquer festa;

- É o primeiro a abraçar desafios;

- Contagia todos com o seu entusiasmo;

- Não tem medo de correr riscos para proteger alguém.

- Ferve em (muito) pouca água;

- Quando está aborrecido torna-se mal-humorado;

- Perde o interesse rapidamente;

- Diz as coisas sem pensar, falta-lhe tacto.

Touro

- É um amigo para toda a vida.

- Não exige muito para estar bem.

- No trabalho não reclama por fazer as tarefas chatas.

- É fiel "até que a morte os separe".

- É preguiçoso e leva horas para sair do sofá;

- Gosta de comer, comer, comer...

- E por isso reclama se a comida não é bem feita, se está fria, se demora muito a ser servida...

- É ciumento e possessivo à exaustão.

Gémeos

- É uma companhia alegre e muito divertida;

- Tem sempre tema de conversa e piadas para contar;

- Não leva a mal se alguém se atrasa ou não cumpre uma promessa;

- Está sempre pronto para uma saída.

- Dá o dito pelo não dito facilmente;

- Esquece-se das horas e das coisas combinadas;

- Contradiz-se muitas vezes;

- Fala tanto, que às vezes fala mais do que deve.

Caranguejo

- É a pessoa mais carinhosa e meiguinha à face da Terra;

- Tem sempre um ombro amigo e um abraço para quem precisa;

- É muito criativo, e torna-se por isso uma companhia divertida;

- É atencioso e gosta de mimar os outros.

- É muito carente e não consegue estar sozinho;

- Torna-se muito dramático quando as coisas não lhe correm de feição;

- É muito ciumento e por isso torna-se controlador;

- Chora por tudo e por nada...

Leão

- É protetor, e ao lado dele sentimo-nos sempre seguros;

- Arrojado, lança-se à aventura sem hesitar;

- Anima qualquer sítio onde se encontra;

- Muito generoso com quem ama. 

- É egocêntrico e tem necessidade de ser sempre o centro das atenções;

- Vaidoso, fica de mau humor quando o ignoram;

- Gosta que tudo seja sempre feito à sua maneira, tornando-se um tanto ditador;

- Não deixa muito espaço para que outros possam brilhar.

Virgem

- Cuida de todos os que ama com muito zelo e cuidado;

- É incansável e deita mãos a tudo o que precisa de ser feito;

- Não reclama se for preciso fazer horas extra ou dividir tarefas;

- É exímio a encontrar falhas e em trabalhos que exijam atenção ao pormenor.

- É tão arrumadinho que se torna chato;

- Tem a mania das limpezas;

- Aponta facilmente os defeitos dos outros;

- É tímido e por isso pode ser apagado na esfera social.

Balança

- Tem sempre uma palavra simpática a dizer;

- É uma companhia elegante, que nunca deixa ninguém ficar mal;

- Procura ser justo e imparcial em todas as situações;

- Tem o dom da diplomacia e sabe usar sempre as palavras certas.

- Hesita tanto sempre que tem de tomar uma decisão que leva a paciência dos outros ao limite;

- Não gosta de assumir responsabilidades, esquivando-se delas;

- Sai airosamente de cena quando as coisas correm mal;

- Tem dificuldade em cumprir horários, principalmente se antes tiver de se arranjar para sair.

Escorpião

- É dono de uma coragem a toda a prova;

- É muito protetor com os seus, sendo capaz de dar a vida por eles;

- Não tem medo das tarefas aparentemente impossíveis, corre riscos sem pestanejar;

- É um amante muito intenso e inesquecível.

- Não suporta ser traído, tornando-se vingativo;

- Nunca diz aquilo que realmente lhe vai na alma, sendo um mistério impossível de decifrar;

- Não gosta que o controlem, mas é muito controlador;

- Ciumento, é muito territorial com quem ama.

Sagitário

- Tem uma alegria contagiante, espalha vivacidade onde se encontra;

- Não discrimina ninguém, luta pela igualdade;

- A vida ao lado dele é sempre uma aventura;

- Tem uma mente filosófica, capaz de compreender o que os outros não dizem.

- Tem a mania que tem sempre razão;

- Acha que a sua maneira de fazer as coisas é sempre a mais correta;

- É vaidoso e gosta de se gabar;

- Aventureiro, tem dificuldade em ser fiel.

Capricórnio

- Muito sério, nunca abandona um compromisso;

- No trabalho não se importa de ser sempre o primeiro a chegar e o último a sair;

- Nunca abandona um amigo, mesmo em tempos de dificuldade;

- Não se poupa a esforços para dar uma vida melhor aos que ama.

- É tão rígido que se torna intransigente;

- Conservador, falta-lhe amplitude de horizontes;

- Tem dificuldade em soltar-se e descontrair, mostrando-se como realmente é;

- Muito perfeccionista, observa os outros ao pormenor e repara no que vestem ou nas marcas que usam.

Aquário

- Está sempre pronto a ajudar e a ouvir os outros;

- Vive sem cobrar nada a ninguém;

- Flexível e adaptável, é o primeiro a abraçar novos métodos;

- Muito inteligente, encontra as soluções com rapidez.

- Tem dificuldade em comprometer-se;

- Tende a revoltar-se contra regras impostas, não as seguindo;

- Filosófico, perde-se nos seus devaneios sem concretizar nada do que apregoa;

- Pode ser esquivo nos relacionamentos.

Peixes

- Sensível, consegue detetar de imediato se alguém precisa de apoio, e oferece logo a sua ajuda;

- É um excelente ouvinte;

- Intuitivo, encontra as respostas de uma forma que não consegue explicar;

- Muito sonhador, traz beleza e criatividade ao Mundo dos que o rodeiam.

- Vive perdido nos seus sonhos, tendo dificuldade em cumprir horários e faltando ao que promete;

- Enreda-se nas suas histórias e tem dificuldade em assumir os seus erros;

- Esquiva-se a assumir responsabilidades;

 

 

7 cristais que protegem a sua energia

Para proteger a sua energia contra pessoas ou situações negativas, que o deixam desvitalizado, cansado, com dores de cabeça, náuseas ou até a sentir-se doente, basta ter alguns cuidados e fortalecer o seu campo energético.

 

A energia própria de cada cristal atua sobre a nossa energia pessoal, reforçando-a consoante as áreas de ação específicas de cada cristal. É muito simples utilizá-los:

- Limpe-os todos os meses, antes da Lua Cheia;

- Recarregue-os na primeira noite de Lua Cheia, para estarem com a sua energia sempre elevada;

- Disponha-os num lugar de destaque da casa, como por exemplo na sala, ou no lugar onde restabelece a sua própria energia, como é o caso do quarto;

- Nos dias em que se sente mais cansado, ou em que sabe que vai estar com pessoas que geralmente "sugam" a sua energia, leve um, dois, ou três cristais consigo no bolso. Agarre-os com firmeza na mão nos momentos em que sentir necessidade de recuperar energias.

- Pode também ter alguns destes cristais no carro, no porta-luvas ou em qualquer lugar onde não estejam visíveis - dessa forma estará sempre protegido em viagem, e protegerá também o seu próprio carro.

 

Os 7 cristais que melhor protegem a sua energia são:

1 - Turmalina negra

Este é considerado um dos melhores cristais de proteção energética. Ele funciona como um escudo e ainda limpa a sua energia. Repele todo o tipo de energia de baixa vibração, fazendo com que se afaste de si.

 

2 - Ametista

Este cristal tem uma profunda ligação com o plano espiritual e, pela sua cor violeta, transmuta (isto é, transforma) as energias, purificando o seu campo energético e ajudando-o a manter-se sempre em paz e equilíbrio. Ele é também muito benéfico para proteção contra pessoas que tentam manipular-nos ou influenciar-nos negativamente.

 

3 - Labradorite

Este cristal também tem uma forte ligação ao mundo espiritual e por isso é uma preciosa ajuda contra espíritos que tentem interferir connosco de forma negativa. Ajuda, ainda, a própria pessoa a libertar-se de karmas, bloqueios, medos e mágoas que acumulou, de forma consciente ou inconsciente.

 

4 - Quartzo Fumê

Este cristal ajuda a ter uma energia mais forte e a libertar-se de quaisquer hábitos que prejudiquem o seu equilíbrio e bem-estar, sendo favorável para ajudar na libertação de vícios, por exemplo. Por outro lado, ele é muito eficaz para proteger-nos contra inimigos, que deixam de conseguir sentir a presença da nossa energia e, dessa forma, prejudicar-nos.

 

5 - Obsidiana

Este cristal faz uma profunda limpeza energética no campo áurico de quem a utiliza, criando uma espécie de "bolha de proteção" que afasta a energia negativa, repelindo-a.

 

6 - Ónix

É semelhante à obsidiana, sendo ligeiramente mais escuro e menos brilhante, e atua de forma diferente, pois em vez de repelir as energias negativas absorve-as, neutralizando-as. É ideal para utilizar quando não sabemos de onde vem a negatividade que nos afeta.

 

7 - Olho de Tigre

Este cristal ajuda a ter mais força e solidez, o que faz com que seja mais difícil deixarmo-nos afetar por influências negativas, visto que a nossa própria energia se encontra mais forte.

Porque é que as plantas murcham de repente quando há visitas em casa?

Porque é que as plantas murcham de repente quando há visitas em casa?

Por vezes, depois de ter visitas em casa, uma planta murcha subitamente. Saiba porque razão isso pode acontecer!

Para ser saudável, uma planta precisa de água, luz solar direta ou indireta, consoante as espécies, oxigénio e cuidado com a terra, de forma a que seja fértil. Contudo, por vezes sucede que, depois de receber visitas em casa - que até podem ser familiares ou pessoas próximas - um vaso murcha de repente, como se toda a sua energia fosse subitamente sugada. E, na realidade, é isso que sucede.

Como qualquer ser vivo, as plantas são feitas de energia. Aliás, tudo aquilo que nos rodeia é feito de energia, mas os seres vivos possuem uma energia dinâmica, suscetível às trocas energéticas com o exterior e com tudo aquilo com que interage. Quando recebemos visitas em casa, mesmo que sejam pessoas boas e que gostam de nós, o nível energético em casa aumenta drasticamente, principalmente se forem muitas pessoas, com crianças, ou pessoas que possuem uma energia mais forte, mais intensa. Por esse motivo, os níveis energéticos da casa são alterados e pode haver uma sobrecarga energética, sem que tenha de haver energias negativas como invejas e mau olhado. O fato de haver maior intensidade energética faz com que os seres mais sensíveis - como as plantas, os peixes de aquário, os animais pequenos - possam ser afetados e, se forem frágeis, possam sucumbir. 

Cada planta, cada animal, cada ser vivo possui o seu próprio campo energético, que a circunda e que interage com o campo energético de cada pessoa. Por esse motivo, é fácil compreender porque razão as plantas (e, uma vez mais, os animais) parecem "dar-se melhor" com umas pessoas do que com outras. As pessoas que "têm jeito com as plantas" são aquelas cuja energia mais naturalmente se harmoniza com a delas, sabendo quase institntivamente aquilo de que precisam e de que forma devem cuidar delas. 

As casas, os locais de trabalho e todos os espaços têm também a energia das pessoas que neles habitam ou passam muito tempo. Quando há a visita de "pessoas estranhas", elas trazem a sua própria energia, que muitas vezes se manifesta em desequilíbrios energéticos.

Por esse motivo, deve sempre fazer uma limpeza em sua casa depois de receber visitas, clique aqui para saber como a deve fazer.

Por outro lado, mesmo que não receba visitas em casa, o facto de estar mais cansado, stressado ou andar em baixo também altera a sua energia e pode fazer com que as plantas murchem. É normal e frequente as pessoas queixarem-se que, quando atravessam uma fase mais negativa da sua vida, "até as plantas murcham" em casa, os peixes morrem, os animais adoecem... tudo é energia! Lembre-se que a energia que leva para a sua casa, ou que outras pessoas levam, vai ficar lá a não ser que a areje bem e que faça limpezas energéticas com regularidade.

Uma forma muito simples e prática de limpar a sua casa consiste em ter sempre à mão um spray de limpeza espiritual, veja aqui como o pode fazer.

As plantas possuem uma energia muito pura e limpa porque, ao contrário dos seres humanos, não possuem ego e por isso não sentem raiva, inveja, medo ou qualquer outro sentimento negativo. Pelo contrário, a sua energia é sempre positiva. Quando se encontram perante um foco de energia negativa, como é o caso de uma pessoa que está irritada, cansada, deprimida, desanimada, elas cedem a sua energia positiva, absorvendo a energia negativa da pessoa. Assim, elas murcham, porque a transferência de energia foi muito rápida e muito forte, mas a pessoa provavelmente sentir-se-á mais "limpa", sem perceber porquê. 

 

Para evitar que isto aconteça, se vai receber muitas visitas em casa, ou se vai receber alguém que sabe que está a atravessar uma fase difícil na sua vida, procure retirar o vaso e colocá-lo num espaço aberto, como uma varanda ou marquise, ou noutra divisão da sua casa. 

Um ritual de beleza que acalma o espírito

Um ritual de beleza que acalma o espírito

Naqueles períodos em que se sente de cabeça quente, em que os acontecimentos à sua volta o deixam sem tempo para respirar e tudo parece criar-lhe tensão e contrariedades, experimente fazer este ritual, geralmente associado a uma rotina de beleza, com uma consciência espiritual mais forte - verá como a sua mente fica mais leve e rejuvenescida por dentro e por fora.

Vai precisar de:

- incenso, ervas para queimar, sálvia ou pau santo

- das rodelas de pepino, acabadas de cortar

- um copo com água

- uma vela (de preferência amarela)

- um cristal Aventurina, ou Citrino (se não tiver, pode usar qualquer outro da sua preferência)

 

Preparação:

- Comece por acender o incenso ou por queimar as ervas escolhidas, a Sálvia ou o pau santo. Espalhe o fumo à sua volta e em redor do espaço onde se encontra, dizendo em voz alta afirmações positivas tais como: "Limpo-me neste momento com luz e energia de amor. Estou a limpar o meu coração e liberto-me de tudo o que já não preciso. Liberto o peso dos meus ombros e sinto-me leve e livre. Liberto qualquer energia que esteja a bloquear-me. Deixo-me guiar pelo Divino em mim."

- Depois, purifique com o fumo também a vela, as rodelas de pepino, o copo de água.

Enquanto o faz, diga: "Agradeço pela minha casa, por este espaço sagrado, e por todos os elementos que tenho aqui comigo. Sinto-me abençoada por ter abundância em tudo aquilo de que preciso. O Universo dá-me tudo aquilo de que preciso. Crio espaço na minha vida para que os meus caminhos se abram sempre no tempo certo.

- De seguida, acenda a vela. Sente-se numa posição confortável, de modo a que possa reclinar a cabeça. Coloque uma rodela de pepino em cada olho (fechado!) e segure o cristal com a sua mão direita. 

- Inspire e expire profundamente dez vezes. Enquanto o faz, sinta a frescura do pepino a acalmar e a relaxar a sua fronte.

- Leve as duas mãos ao centro do peito, segurando o cristal. Inspire e expire mais dez vezes, enquanto diz em voz alta: "Sinto-me em paz. A Natureza refresca-me e alimenta todo o meu ser. Sou apoiado pelo Universo. Sinto-me calmo e em paz. Estou em harmonia com tudo o que me rodeia. Sinto-me leve. Sinto-me motivado para receber os desafios que a vida me traz." (Poderá alterar o texto conforme sentir que é mais adequado para si, desde que mantenha a ideia principal).

 

- Voltea inspirar profundamente e expire qualquer raiva, frustração ou energia pesada que ainda estava dentro de si.

- Volte a inspirar e expirar profundamente dez vezes, evitando qualquer pensamento. Concentre-se somente na sua respiração e na frescura que sente, vinda do pepino.

- Quando sentir que está limpo e purificado, retire as rodelas de pepino e deite-as no copo com água. Imagine que a raiva, a frustração e as emoções negativas que sentia e que estavam a pesar-lhe foram agarradas às rodelas de pepino, estando agora dentro da água.

- Apague a vela. Saia de casa e atire fora a água com as rodelas de pepino, deitando tudo num jardim. 

- Pode trazer o cristal sempre consigo ou guardá-lo debaixo da sua almofada.

Como fazer banhos de ervas

Como fazer banhos de ervas

Todos temos ao redor do nosso corpo físico um campo electromagnético, mais conhecido como aura. Quando passamos por situações complicadas que geram energias desequilibradas, elas agregam-se à nossa aura, podendo provocar doenças, mal-estar, etc.. Os banhos de ervas ajudam a limpar a aura fazendo com que ela volte a funcionar normalmente, harmonizando e equilibrando as energias.

 

Os banhos de ervas servem principalmente para limpar as energias negativas, afastar influências negativas, reequilibrar. Cada planta tem características próprias que interagem com as nossas energias provocando as mudanças necessárias para o equilíbrio do corpo. As ervas podem limpar, energizar, melhorar a auto-estima, relaxar, etc.

Os banhos de ervas secas devem ser preparados por infusão, ou seja, essas ervas devem ser colocadas num recipiente com água a ferver que será tapado e permanecerá assim pelo menos por 15 minutos.

As ervas secas não devem ser fervidas pois precisam de ser ativadas antes de serem utilizadas. A ativação de ervas secas faz-se esmagando-as e friccionando-as um pouquinho entre as mãos.

Os banhos de ervas frescas devem ser preparados por maceração, ou seja, as ervas frescas devem ser colocadas num recipiente com água e maceradas durante alguns minutos.

Se utilizar caules, raízes mais grossas e talos duros deve fervê-los durante um período médio de 30 minutos. Os banhos de ervas devem ser tomados depois do banho higiénico, podem ser coados e devem ser preparados sempre com um número ímpar de ervas. Para potencializar o poder energético dos banhos pode utilizar águas naturais como água da chuva, do rio ou do mar.

 

TIPOS DE BANHOS 

Banho de Descarga: Serve para limpar a pessoa de cargas energéticas negativas. Há dois tipos de banho de descarga: o primeiro é o banho de sal grosso - que lava toda a aura, desmagnetizando a pessoa. Não deve ser deitado na cabeça e após este banho deve tomar imediatamente um banho de ervas para equilibrar as energias.

O outro tipo de banho de descarga é o banho de ervas, que tem um efeito mais duradouro, pois algumas ervas são naturalmente descarregadoras e retiram as más energias da aura. Para preparar este tipo de banho deve utilizar ervas quentes como arruda, erva-da-guiné, aroeira, etc. Depois de um banho de descarga deve tomar um banho para energizar, equilibrar, acalmar, restaurar as energias.

Banho de Energização: Reativa os centros energéticos e refaz o teor positivo da aura. Deve utilizar ervas mornas como pétalas de rosas brancas ou amarelas, alecrim, alfazema, levante, entre muitas.

 

ERVAS QUE PODEM SER UTILIZADAS NOS BANHOS

Alecrim

Para prosperidade, abertura de caminhos. Afasta a tristeza.

Aroeira

Usada para descarga e para remover toda a negatividade. Usar do pescoço para baixo.

Arruda

Desagrega fluidos negativos, destrói as larvas astrais, destrói a acumulação energética proveniente da repetição de pensamentos negativos emitidos pela pessoa que toma o banho. Limpa a aura.

Absinto

Usada em banhos de limpeza e descarga, é desagregadora de fluidos negativos. 

Guiné

Facilita a comunicação com os bons espíritos, desagrega formas de pensamento de baixa vibração, transmite boas energias, elimina o cansaço e a indisposição e combate as obsessões de natureza sexual.

Alfazema

Equilibra as nossas energias, traz paz e harmonia e ajuda na limpeza e purificação do ambiente.

Espada de São Jorge

Usada para proteção.

Anis estrelado

Usada para chamar dinheiro, melhorar a auto-estima e abrir os caminhos amorosos. Usada também para potenciar boas amizades, paz e triunfo quando usada na forma defumada em conjunto com outros ingredientes.

Folhas de Eucalipto

Usadas para limpar energias e para fortificar o espírito.

Ervas para ter prosperidade

Canela, cravo, erva-doce, camomila, anis estrelado e louro. 

Sálvia

Usada em muitas culturas como uma maneira de eliminar a energia negativa, pode ser usado em rituais de limpeza para aliviar a eficácia de uma maldição.

Zimbro

O Zimbro é uma erva que tem sido usada durante séculos por xamãs e curandeiros para limpar e purificar.

Benzedura com arruda

A arruda é uma das plantas mais conhecidas e reconhecidas como tendo o poder de neutralizar a inveja e os maus sentimentos e pensamentos que sejam dirigidos à nossa pessoa. Conheça esta benzedura que utiliza um raminho de arruda.

Vai precisar de:

- 1 copo com água

- 1 raminho de arruda acabado de cortar

          

Preparação:

- Molhe o ramo de arruda dentro do copo com água.

- De seguida benza a pessoa com o ramo, enquanto diz:

Mal do ar, mal do mar,
mal do fogo, mal da lua,
mal das estrelas,
mal do ponto do meio dia,
mal do ponto da meia noite.

Se estiveres com quebranto,
mau olhado, feitiçaria e bruxaria,
que em nome de Deus e da Virgem Maria,
seja levado para as ondas do mar sagrado,
onde não canta o galo nem a galinha
nem chora a criancinha 

nem há nenhum cristão batizado.

 

Rezar um Pai Nosso e uma Avé Maria.

- Depois de benzer a pessoa, coloque o raminho de arruda dentro do copo.

- Se o raminho for ao fundo, a pessoa tinha quebranto. Nesse caso, dirija-se com ela à porta de entrada. A pessoa que foi benzida deve atirar o raminho de arruda por trás do ombro direito, estando voltada de costas para a porta de entrada.  

Caraterísticas e compatibilidades amorosas da mulher do signo Balança

 

A mulher do signo Balança é carinhosa e sensível. Trata todos os que a rodeiam com gentileza e gosta que se dirijam a ela com a mesma distinção e classe. Sendo sensata e equilibrada, demonstra ter sentido prático na forma como gere a sua vida quotidiana. Por vezes pode ser demasiado racional, pois tem tendência para analisar as situações, e até os seus próprios sentimentos, de forma equilibrada e objetiva, o que às vezes a faz confrontar-se com dilemas emocionais. Evita tomar decisões drásticas, e quando se encontra numa situação de escolha, pondera longamente os prós e os contras de qualquer uma das opções que pode tomar. 

A mulher deste signo esforça-se por criar uma atmosfera harmoniosa à sua volta e tenta agradar a toda a gente, sendo sempre diplomática e procurando ser justa em todas as situações. Evita as discussões e não tolera a agressividade nem a falta de educação.

A nível profissional, procura uma ocupação que lhe permita expressar o bom gosto e apurado sentido estético que a caracterizam.

Para conquistar o seu coração, seja atencioso e mostre que a aprecia. Ela é sedutora, mas gosta que conquistem a sua atenção com sensualidade e sensibilidade. Sendo requintada, o luxo e os gestos românticos tocam o seu coração. O homem que deseje agradar a uma mulher de Balança deve ser carinhoso e tratá-la como uma rainha. É naturalmente vaidosa e gosta de ser mimada, e como tal não resiste a uma jóia ou a um perfume de boa marca.

Virtudes: A sua elegância faz com que se destaque onde quer que se encontre. É a mais bem-vestida, a mais simpática e radiosa, a mais dedicada e atenta. Procura que o ambiente à sua volta seja sempre harmonioso, e usa os seus dotes diplomáticos para conseguir chegar a consensos aparentemente impossíveis. 

Defeitos: A dificuldade que tem em tomar decisões faz com que os outros por vezes percam a paciência com ela. Detesta ter de tomar partidos e procura sempre delegar as responsabilidades para os ombros dos outros, com medo de fazer uma escolha injusta ou errada.

O que a torna sexy: é feminina, graciosa e sensual.  Tem um bom gosto notável, que faz com que saiba naturalmente como embelezar tudo o que a rodeia. Muito vaidosa, cuida atentamente da sua imagem e sabe sempre como deve vestir-se para seduzir.

 

Compatibilidade Amorosa – A Mulher Balança e o Homem…

Carneiro

O fogo ardente que este nativo traz à vida da mulher Balança derrete facilmente o coração dela, que admira a sua valentia e heroísmo. O porte elegante e charmoso que esta nativa possui, por seu lado, faz com que ela seja irresistível para ele, pois Carneiro aprecia mulheres femininas, graciosas e elegantes. Esta paixão tem muito por onde arder.

 

Touro

Embora sejam ambos regidos pelo planeta Vénus, têm necessidades emocionais muito diferentes. Mesmo que se aproximem, pelo facto de ambos serem apreciadores dos prazeres da vida, de moda, de música e de dança, no dia-a-dia o ciúme quase doentio de Touro afasta a nativa de Balança, que precisa de um romance mais leve e descontraído.

 

Gémeos

As conversas entre estes dois nativos prolongam-se pela noite fora, e o seu romance parece um conto-de-fadas que ambos gostam de viver. Têm naturezas muito semelhantes e, ao mesmo tempo, algumas diferenças que tornam a relação estimulante. A originalidade deste nativo diverte a mulher Balança, que por sua vez o ajuda a ser mais estável, sem reprimir o espírito livre dele.

 

Caranguejo

Embora o romantismo e a sensibilidade deste nativo causem uma impressão positiva sobre a mulher Balança, mal a insegurança dele venha ao de cima – com consequentes cenas de ciúme e sentimentos de posse – as divergências falarão mais alto. Terão ambos de aprender a ceder, e muito, para perpetuarem esta relação, pois embora ambos precisem de harmonia têm maneiras muito diferentes de a alcançar.

 

Leão

Ela gosta do brilho dele, do charme com que a seduz e da sua capacidade natural de lhe proporcionar um romance envolvente. Ele, por seu lado, acha-a irresistível e sedutora, sentindo um enorme desejo de a proteger. Sexualmente é uma relação muito compensadora, são capazes de se perderem em carícias e banhos de espuma perfumada durante horas a fio, enquanto saboreiam flûtes de champanhe.

 

Virgem

Não é fácil encontrarem o equilíbrio pois movem-se a ritmos diferentes. Ela é nervosa e ansiosa, ele é indeciso e vacilante. Se ela tomar a iniciativa isso pode afugentá-lo, mas se não o fizer também é pouco provável que vão além da amizade. Além do mais, sendo ambos lógicos e objectivos, podem encarar a relação de forma demasiado fria, faltando-lhes paixão e calor.

 

Balança

É fácil para estes dois nativos iniciarem um romance, porque ambos vivem em busca do amor e da alma-gémea. Neste caso, as semelhanças que existem entre eles tanto podem uni-los como afastá-los, porque ambos têm tendência para questionar a relação e aquilo que sentem um pelo outro, fazendo-os hesitar ou, por outro lado, caindo facilmente na idealização do romance.

 

Escorpião

A mulher Balança pode sentir-se amedrontada pela impetuosidade do nativo de Escorpião, que se diverte a conquistá-la e a pôr à prova os limites dela. Ela procura sempre manter o equilíbrio, ele gosta de ir além de todas as fronteiras e de pôr à prova as suas próprias emoções e as da companheira. Se forem capazes de encontrar um meio-termo podem viver uma paixão que, mesmo fugaz, será ardente.

 

Sagitário

Esta relação tem muito por onde evoluir, pois o aventureiro Sagitário traz vivacidade e paixão ao dia-a-dia desta nativa, que por sua vez se mostra uma companhia à altura de todos os desafios que ele lhe apresenta. Ambos são sociáveis e extrovertidos, gostam de sair e de conviver com outras pessoas, o que os torna uma dupla imbatível em qualquer festa.

 

Capricórnio

Estes nativos são pessoas diferentes e por isso têm alguma dificuldade de entendimento, até porque os seus conceitos de amor são radicalmente diferentes. Ela é idealista e precisa de romance diário, ele é prático e pode ser demasiado frio na expressão das suas emoções. É importante que, desde o início, se habituem a dialogar abertamente acerca do que sentem.

 

Aquário

Esta relação pode começar por ser uma amizade na qual é difícil definir as fronteiras que a separam do amor. De facto, estes dois nativos de signos de Ar são adeptos da liberdade, e como tal esta relação pode ser, durante anos, uma amizade amorosa, sem sentimentos de posse nem imposições de parte a parte. Ambos desfrutam verdadeiramente da companhia um do outro.

 

Peixes

Ainda que partilhem a mesma sensibilidade e romantismo, uma relação entre os nativos destes dois signos não é fácil, pois têm naturezas emocionais muito díspares e, em comum, a mesma tendência para a evasão e a dispersão. Os sentimentos desenvolvem-se de forma confusa, fazendo com que ambos se sintam perdidos. É essencial que sejam mais objectivos.

 

Pág. 1/3