Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Astrologia

Horóscopo Cigano revela personalidade

Saiba o que o Horóscopo Cigano diz sobre a sua personalidade

Horóscopo Cigano.png

Desde sempre o povo cigano é exímio na arte de adivinhar o futuro. Quem já não foi convidado a fazer uma leitura da sina? Agora, apresentamos-lhe o horóscopo especial deste povo que, apesar de ser muito idêntico ao nosso Zodíaco, faz revelações surpreendentes.

 

O horóscopo cigano usa o sistema de datas e utiliza o dia do nosso nascimento para fazer as suas previsões. Possui 12 signos: Taça, Capelas, Punhal, Coroa, Candeias, Roda, Estrela, Sino, Moeda, Adaga, Machado e Ferradura. Os símbolos que caracterizam cada signo são elementos do dia-a-dia dos ciganos, que representam, valorizam e ajudam a preservar as suas tradições. As previsões são feitas por antigos oráculos, que apenas os ciganos conhecem. A seguir, descubra o seu signo no horóscopo cigano e conheça as suas características.

 

21 março a 20 de abril

Punhal 

punhal.jpg

O Punhal representa a luta e o desejo de vencer. Está ligado à honra e à vitória. Era frequente os ciganos usarem o punhal para abrir matas, por isso é apontado como símbolo de superação. Assim, a pessoa que nasce sob esta influência é irrequieta, corajosa e com uma forte confiança em si mesma. Dotada de uma personalidade forte, não suporta ser subestimada, quando isso ocorre torna-se agressiva. No amor, entrega-se de corpo e alma, é super fiel e adora sexo. Não é avarenta, mas sabe controlar bem as economias. Adora tudo o que esteja ligado ao desporto e dá-se bem em cargos de chefia e de liderança.

 

21 de abril a 20 de maio

Coroa 

coroa.jpg

A Coroa está relacionada com o ouro e a nobreza. Simboliza o amor puro, a força, o poder e a elegância. A pessoa que vem ao mundo sob esta influência, é uma guerreira nata, luta pelo que quer na procura da estabilidade financeira, que para si é fundamental. Nasceu para liderar, por isso tem como ambição possuir o seu próprio negócio. No amor, é fiel, sensível e não suporta que brinquem com seus sentimentos. Muito criativa, dá-se bem em profissões ligadas às artes.

 

21 de maio a 20 de junho

Candeias 

candeias.jpg

As candeias representam as luzes e a verdade, a sabedoria e a clareza de ideias. Afinal, as candeias eram utilizadas para iluminar os acampamentos. Também simbolizam a esperteza e a vivacidade. A pessoa sob esta influência é dotada de um forte poder de comunicação, de uma inteligência brilhante e de uma grande esperteza. Gosta muito de estudar e é muito curiosa. É super romântica e quando se apaixona nunca desiste até conquistar. Por isso, quando quer muito algo, consegue.

 

21 de junho a 21 de julho

Roda

roda.jpg

A Roda representa o ir e vir e está ligada à Lua, pela sua forma arredondada. As pessoas regidas por esse signo têm uma forte ligação com as mulheres em geral. A emoção é a palavra que melhor traduz a sua forma de ser e estar na vida. É muito dócil e serena, mas quando se irrita vira tudo do avesso. É um pouco insegura e tem uma certa tendência para a nostalgia. Quando ama, entrega-se de corpo e alma e por vezes não consegue controlar os ciúmes.

 

22 de julho a 2 de agosto

Estrela 

estrela.jpg

Este símbolo cigano possui seis pontas, formando dois triângulos iguais, que indicam a igualdade entre o que está acima e o que está abaixo. Representa o sucesso e a evolução interior. Quem nasce sob esta influência é de natureza otimista e dotada de um bom astral, nasceu para brilhar. Viva a vida intensamente e tem um talento especial para atrair as pessoas. Dá-se muito bem em profissões artísticas, como atriz, dançarina, modelo, cantora, etc.

 

23 de agosto a 22 de setembro

Sino 

sino.jpg

O Sino representa a exatidão e a perfeição. Nos tempos antigos, era usado como relógio, por isso os ciganos associaram-no à pontualidade e à disciplina. Quem nasce sob a influência deste símbolo é bastante organizado e muito ambicioso, superando sempre as suas próprias expectativas. Acredita que a vida é para ser aproveitada ao máximo, porém, com consciência e sem exageros. Dotado de uma grande inteligência, analisa e critica tudo o que está ao seu redor. Dá-se bem em cargos que acarretem responsabilidade.

 

23 de setembro a 22 de outubro

Moeda 

moeda.jpg

A Moeda é associada ao equilíbrio e à justiça, representa a riqueza material e espiritual, indicada pela cara e coroa. Para o povo cigano, cara é o ouro físico, e coroa, o espiritual. Quem nasce sob esta influência é sensível, charmosa, vive de amores e afetos. Precisa estar constantemente apaixonada para ser feliz. Ninguém fica indiferente à sua personalidade, tem o poder de cativas quem se cruza consigo. É muito altruísta, adora ajudar as pessoas e vive para isso. Por essa razão, está sempre rodeada de amigos.

 

23 de outubro a 21 de novembro

Adaga 

adaga.jpg

A Adaga é um objeto entregue ao cigano quando ele deixa a adolescência e chega à vida adulta. Por isso, está também associado à morte, ou seja, às mudanças necessárias que a vida nos oferece para crescermos e evoluirmos. A pessoa que nasce sob esta influência tem um temperamento forte e enigmático, tornando-se irresistível aos olhos dos demais. Possui ainda uma mente analítica, estudando tudo o que está ao seu redor. Ama de maneira sensual e arrebatadora.

 

22 de novembro a 21 de dezembro

Machado 

machado.jpg

O Machado é o destruidor de obstáculos. Simboliza a liberdade, pois ajuda a superar todas as dificuldades que a natureza impõe. A pessoa que nasce sob esta influência tem a liberdade como a palavra de eleição. De espírito aventureiro, não suporta permanece parada num só lugar. Otimista por natureza, até as dores que sente são sinais de alegria, pois indicam que está vivo. Apaixona-se e desinteressa-se facilmente. Dá-se bem com trabalhos sem rotina, nos quais possa estar em constante aprendizagem.

 

22 de dezembro a 20 de janeiro

Ferradura 

ferradura.jpg

A Ferradura representa o esforço, a dedicação e o trabalho. Para o povo cigano, a ferradura é um poderoso talismã, que ajuda a atrair a boa sorte, a fortuna e a afastar o azar. A pessoa que nasce sob esta influência é dotada de um forte bom senso, às vezes torna-se até séria demais. Tem sérias dificuldades em confiar em alguém. Procura amores estáveis e duradouros, dos quais possam nascer filhos. É completamente virado para a família, dedicando-se menos à profissão.

 

21 de janeiro a 19 de fevereiro

Taça 

taça.jpg

A Taça representa a união e a recetividade, pois qualquer líquido cabe nela e adquire a sua forma. Tanto que, no casamento cigano, os noivos tomam vinho numa única taça, que simboliza o valor e a comunhão. A pessoa que nasce sob esta influência sente uma grande preocupação com tudo o que a rodeia. Inteligente, humana, inquieta, tem vários amigos verdadeiros. Vive na procura incessante da felicidade. No amor, valoriza a sinceridade e a fidelidade.

 

20 de fevereiro a 20 de março

Capela 

capela.jpg

A Capela representa o grande Deus. É símbolo de religiosidade e de fé. É o local em que todos entram em contato com o seu Deus interior, desperta a força e o amor. A pessoa que nasce sob esta influência é emotiva, sensível, leal, justa, sonhadora. Tem muita força espiritual e dons para a clarividência. Quando ama, fá-lo cegamente, pois é super romântica e carinhosa. No que toca ao trabalho, gosta de tudo o que se relaciona com a ajuda ao próximo.

 

Veja grátis: Horóscopo diário !

 

maria helena.jpg

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png 

A mulher de cada signo


 

 Os Signos influenciam a nossa personalidade

 

A mulher Carneiro é impulsiva, aventureira e determinada. Gosta de ser ela a conquistar e assume facilmente o papel de líder.

 

A mulher Touro é sensível e gosta de cuidar do lar, mas é também muito ciumenta e possessiva. Conquista-se lentamente.

 

A mulher Gémeos é versátil e divertida e adora novos desafios. Gosta de conversar e conquista-se com estímulos mentais constantes.

 

A mulher Caranguejo é doce, maternal, romântica e muito sensível, mas é também muito carente. Conquista-se com gestos românticos e entrega-se totalmente.

 

A mulher Leão tem carisma, gosta de comandar e destaca-se onde quer que esteja. Conquista-se com dedicação e muitos elogios.

 

A mulher Virgem é modesta, cuidadosa e organizada. Aprecia a simplicidade e conquista-se com provas sinceras de amor.

 

A mulher Balança é elegante e graciosa, harmoniosa e sensível. Conquista-se com gestos românticos e declarações amorosas.

 

A mulher Escorpião é misteriosa, intensa e envolvente. Conquista-se com provas de confiança e tem de ser ela a comandar.

 

A mulher Sagitário é espontânea, divertida e alegre. Gosta de viver como se estivesse sempre em festa e para conquistá-la leve-a a viver inúmeras aventuras.

 

A mulher Capricórnio é rigorosa e leva tudo muito a sério, não se dando a conhecer facilmente. Conquista-se com determinação e paciência.

 

A mulher Aquário é cosmopolita, original e comunicativa. Conquista-se pela amizade e pela lealdade.

 

A mulher Peixes é doce, intuitiva e sensível, e gosta de viver como se estivesse num conto de fadas. Conquista-se com poemas e declarações ao luar.

 

Veja grátis: Horóscopo diário !

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

Confirme qual é o seu signo

Tabela de signos Maria Helena


Carneiro 21/Março 20/Abril

Touro 21/Abril 21/Maio

Gémeos 22/Maio 21/Junho

Caranguejo 22/Junho 22/Julho

Leão 23/Julho 23/Agosto

Virgem 24/Agosto 23/Setembro

Balança 24/Setembro 23/Outubro

Escorpião 24/Outubro 22/Novembro

Sagitário 23/Novembro 21/Dezembro

Capricórnio 22/Dezembro 20/Janeiro

Aquário 21/Janeiro 19/Fevereiro

Peixes 20/Fevereiro 20/Março

 

1.png

 

Veja grátis: Horóscopo diário !

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

Banho de limpeza espiritual Corpo e Mente

 

banhos-magicos4-300x200.jpg

Forte limpeza do corpo e da mente

Ferva dois litros de água com mistura de ervas, acrescente ½ copo de vinagre branco e um punhado de sal grosso.

Desligue o lume, coe o preparado e deixe amornar.

Tome de seguida o seu banho de higiene normal com sabonete de glicerina e depois verta o preparado no seu corpo, do pescoço para baixo. Seque-se ao natural e vista uma roupa branca para ir dormir.

Este banho afasta toda a negatividade da sua vida. Pode repetir este banho uma vez por mês.

 

Veja aqui grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

As leis do Karma: o que fiz eu para merecer isto?

karma.jpg

Destino

"Isto é Karma!" é uma das expressões que todas as pessoas já ouviram, ou já disseram, pelo menos uma vez na vida. Sempre que um acontecimento que nos irrita ou aborrece se repete de forma inesperada ou até imprevisível, temos tendência para delegar responsabilidades num passado remoto, numa espécie de castigo por algo que  não temos memória consciente de ter feito. Mas afinal, o que é o Karma?

Por "karma" (também escrito "Carma") entende-se "acção" ou "causa": a energia que é gerada pelas nossas acções numa vida, repercutindo-se noutras vidas. A palavra Karma deriva do sânscrito e surgiu associada ao Budismo e ao Hinduísmo, sendo mais tarde adoptada pelo Espiritismo. Também a Cabala — filosofia que tem origem no Judaísmo — defende a existência da vida após a morte, acreditando que a alma regressa à Terra tantas vezes quantas forem necessárias para completar o seu Tikkun (termo associado ao Karma), superando sempre as provas que recebe como consequência dos seus actos.

Segundo a Lei do Karma, cada uma das nossas acções gera uma reacção ou um efeito, razão pela qual temos de "pagar" por cada acção negativa que praticamos, ou algo a "receber" por cada acto positivo. Neste último caso, trata-se do Dharma – aquilo que temos a receber pelas boas acções praticadas.

Tanto o Budismo como o Hinduísmo defendem que a alma encarna ao longo de sucessivas vidas, visando sempre a evolução espiritual. Para que esta possa acontecer, a alma tem de superar provas e ultrapassar desafios, para que a sua aprendizagem possa acontecer, fazendo a alma evoluir e crescer até chegar à Luz. Assim, as acções que praticamos numa encarnação têm uma consequência, que geralmente nos confronta numa encarnação futura.

Assumindo como verdadeira a teoria da Reencarnação, existente desde as civilizações e filosofias mais antigas, aquilo que vivemos em cada uma das nossas encarnações terá repercussões nas encarnações seguintes.

Antes de encarnar, a alma "escolhe" aquilo que virá fazer e aprender na encarnação que se lhe apresenta. O livre-arbítrio, contudo, faz com que este "esquema prévio" não determine a vida que vamos viver. Embora sejamos confrontados com os desafios que "escolhemos" antes de encarnar, cabe-nos sempre a nós escolher a forma como os encaramos. É claro que pessoas que vivem uma vida de miséria ou atravessam situações traumáticas se podem facilmente insurgir contra esta ideia "Então mas eu escolhi ser pobre?", "Aquela mulher escolheu ser vítima de violação?", mas para poderem compreender esta dinâmica têm de se distanciar e ver a vida numa perspetiva mais abrangente: se somos almas que sucessivamente encarnam, o nosso propósito e a nossa essência é MUITO maior do que aquilo que hoje vivemos. A pobreza, as injustiças, a dor, são apenas um episódio, que diz respeito ao presente, o momento que conta AGORA, mas a totalidade do nosso ser é muito maior que isso. De acordo com a Lei do Karma e da Reencarnação, a alma escolhe, conscientemente, os desafios que lhe irão proporcionar as maiores oportunidades de crescimento. Assim, uma pessoa que, imaginemos, viveu como um poderoso magnata noutra vida, e que não soube dar valor à riqueza que possuía, desperdiçando-a ou usando-a para subjugar outros, irá reencarnar numa condição de pobreza, para que possa aprender a dar valor ao dinheiro e a respeitar os outros. O Karma não é um castigo – é uma oportunidade de aprendizagem.

 

Padrões Kármicos

Por representarem desafios difíceis, nem sempre superamos, à primeira, um acontecimento kármico. Por essa razão, é frequente depararmo-nos, ao longo da nossa vida, com padrões que se repetem, com acontecimentos que nos marcam e que são muito semelhantes a outros que já vivemos, e que já nos fizeram sofrer anteriormente. Estes acontecimentos irão repetir-se sempre, ao longo da nossa vida e, se não forem aprendidos, de outras encarnações, até aprendermos essa lição.

Assim, para superar o Karma, é necessário em primeiro lugar compreender que lição aquele acontecimento, ou pessoa, nos está a querer ensinar. Depois, é necessário aceitar e perdoar, fazendo de outra maneira desta vez. A aceitação não é resignação, assim como perdoar não é condescender que a outra pessoa tem razão. Ao perdoarmos libertamo-nos, acima de tudo, a nós próprios, e só assim podemos viver sem esse peso nos ombros.

 

Relacionamentos Kármicos

É no terreno dos relacionamentos – amorosos e familiares - que o Karma mais se faz sentir, pois é nas relações que temos com os outros que mais aprendemos e, também, que mais erramos e temos para aprender.

A família é um dos mais importantes elos Kármicos que temos, pois geralmente escolhemos encarnar com outras almas que nos acompanham ao longo de encarnações sucessivas, sendo geralmente aquelas com quem temos mais assuntos para resolver aquelas que, nesta vida, encarnam na pele de nossa mãe, pais, irmãos. Mas as relações familiares nem sempre são kármicas – podem existir almas "novas", que ainda não conhecemos antes. Podem, também, ser "companheiros de alma", almas com quem tivemos boas experiências noutras vidas, que agora encarnam connosco para que possam estar ao nosso lado e facilitar-nos a nossa caminhada sempre que precisarmos de ajuda. De um modo geral, as pessoas que compõem uma família são almas que estão num estádio de evolução espiritual idêntico. Geralmente, existe um propósito comum, que faz com que esse grupo de almas encarne associado. Por estarem vinculadas pelos laços de sangue, é entre estas almas que surgem os mais íntimos conflitos, e são eles que maiores aprendizagens nos proporcionam, já que muitas vezes apresentam as provas mais difíceis de superar. Um amigo ou um parceiro amoroso podem ser erradicados da nossa vida e finalmente esquecidos, mas mesmo que não haja um contacto físico ninguém esquece a mãe, o pai, um irmão – ou a ausência dele. E quer a sua presença quer a sua ausência são, sem dúvida, importantes mestres na nossa evolução espiritual. É muito frequente reencarnarmos tendo com familiares chegados aqueles que, noutra vida, nos fizeram mal, ou a quem nós fizemos mal, para termos a oportunidade de, nesta vida, reparar o mal que foi feito, corrigindo-o. Por essa razão, ao alimentar quezílias familiares e rancores, estamos apenas a agravar o nosso Karma, pois se não resolvermos essas questões agora seremos confrontados com elas mais tarde, até as ultrapassarmos.

 

Dívidas Kármicas

Existem pessoas que surgem na nossa vida de forma aparentemente mágica, pontual, como se viessem cumprir uma missão. De acordo com a teoria da Reencarnação, vêm mesmo. Ao longo das nossas vidas podemos, com as nossas acções, criar dívidas kármicas – quando alguém nos faz um favor, quando faz algo especial em nosso benefício, ficamos em dívida para com essa alma, e mais tarde voltaremos a cruzar-nos com essa pessoa, numa situação em que possamos nós fazer algo por ela, retribuindo-lhe o favor. Do mesmo modo, quando desejamos fazer algo e não o concretizamos, criamos uma Dívida Kármica para connosco, que teremos de "pagar" mais tarde ou mais cedo na nossa evolução. Se quis agradecer algo a alguém e não teve possibilidade de fazê-lo, voltará provavelmente a reencontrar essa alma noutra vida, para que possa cumprir a Dívida Kármica com que ficou para com ela.

 

O merecimento e o perdão

Seja qual for a situação que a sua vida lhe apresenta, ou apresentou, procure vê-la sempre a uma escala maior. Não veja o Karma como algo fatalista a que não pode escapar, pois o nosso livre-arbítrio pode sempre alterar o curso dos acontecimentos que estavam destinados de uma certa maneira. A Lei do Karma serve o propósito da evolução e da aprendizagem, e ela existe para que possamos superar os desafios que nos permitem melhorar. Encare sempre cada situação como parte do todo das suas vidas, procure encontrar a lição que tem para aprender e, ao fazê-lo, aceite o passado, pense que na altura fez o melhor que podia e sabia segundo as circunstâncias, e siga em frente.

karma.jpg 

Veja grátis as previsões diárias, clique aqui!

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa! Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

Os Cristais e o reiki

O Reiki é um método de tratamento que ajuda a tratar diversos tipos de problemas de saúde, sejam eles de ordem física, espiritual ou emocional.

O Reiki é uma forma de tratamento bastante simples, que consiste na colocação das mãos directamente sobre uma pessoa, nomeadamente sobre os chacras que são os pontos do corpo humano onde a energia circula e a partir dos quais é distribuída para o resto do corpo. Este tratamento consiste na canalização das energias e forças vitais, levando ao estado de harmonização natural e profundo.

 

O Reiki assenta em cinco princípios básicos que, quando respeitados, levam o Ser Humano a uma vida mais feliz e harmoniosa. São eles:

 

 

- Só por hoje, não se preocupe;

- Diga a verdade e só a verdade;

- Honre os seus pais e todas as pessoas mais velhas;

- Ganhe a vida honestamente;

- Mostre gratidão para com todas as coisas do Céu e da Terra.

 

 

Os cristais da minha preferência e que utilizo com maior frequência na prática do Reiki são os seguintes:

·       Saúde em geral – Quartzo Transparente ou Quartzo verde

·       Amor – Quartzo Rosa

·       Energia – Pedra do Sol

·       Criatividade – Citrino

·       Comunicação – Água-Marinha

·       Sorte - Ágata

·       Sexo – Unikite

·       Circulação sanguínea – Hematite

·       Negócios – Pirita

·       Estudos, memória – Sodalite

·       Timidez – Calcite

·       Stress – Aventurina

·       Depressão – Ónix

·       Cura de separações dolorosas - Ametista

·       Riqueza - Jade

 

 

Através do Reiki, pode encontrar o equilíbrio e bem-estar para a sua vida. O Reiki pode ser utilizado por si só ou simultaneamente com outro tipo de tratamentos.

 

Podemos associar o Reiki com a Aromaterapia (terapia que usa óleos essenciais extraídos de plantas, que são utilizados em tratamentos, quer seja para a mente, as emoções, o corpo e, até mesmo, para a casa) e a Cromoterapia (terapia que utiliza a cor para alcançar o equilíbrio e a harmonia do corpo, da mente e das emoções). A Cromoterapia baseia-se nas sete cores do espectro solar e cada cor tem uma vibração própria, actuando desde o nível físico até ao espiritual. Através das várias cores, estabiliza-se o equilíbrio do organismo, obtendo-se, portanto, a cura.

 

 

Correspondência entre as cores e os Aromas:

 

Cor

Cheiro

Objectivo

Vermelho

Patchouli

Energia, estímulo e alegria

Bordeaux

Amora Selvagem

Energia espiritual

Azul

Jacinto, Ylang-Ylang

Saúde

Violeta

Morango

Calma, relaxamento

Rosa

Verbena

Amor

Verde

Brisa Marinha

Esperança

Amarelo

Charme

Riqueza

Bege

Baunilha

Sucesso

 

 

O Reiki e as cores referentes a cada chacra:

 

Chacra

Cor

Básico

Vermelho

Esplénico

Laranja

Plexo solar

Amarelo

Cardíaco

Verde

Laríngeo

Azul

Frontal

Índigo

Coronário

Violeta

 

O recurso às técnicas do Reiki, Cristaloterapia ou Cromoterapia não prescinde das indicações do seu médico. Não deixe de tomar qualquer tipo de medicação, nem interrompa qualquer tipo de tratamento que o seu médico lhe tenha aconselhado.

 

   Todos nós somos filhos do Universo e, assim como as flores e as estrelas, temos todo o direito existir e vivermos felizes e em harmonia com tudo o que o rodeia!

 

 

 

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

 

 

Os segredos por detrás dos mitos urbanos

Lendas ou factos reais?

 

Tudo aquilo que não conseguimos explicar fascina-nos. É, por isso, tão fácil acreditar em mitos que nascem, muitas vezes, como simples boatos e que depois de muitas vezes repetidos e contados se tornam uma verdade absoluta. Desvende todos os mistérios por detrás dos mais conhecidos mitos urbanos.

 

O Lobisomem de St. Bonnet

Em França, durante o século XVI, nasceu a lenda da existência de um Lobisomem que comia crianças. Os corpos das vítimas eram encontrados

mutilados, com algumas partes comidas. Durante algum tempo viveu-se sob o terror da imagem de um monstro meio homem meio lobo, mas a verdade acabou por aparecer. Na verdade, este assassinoera apenas um homem, de seu nome Gilles Garnier, que acabou por ser capturado,
juntamente com a sua mulher, a quem o marido acusou também de o ajudar a comer as crianças. Ele foi apanhado em flagrante, enquanto devorava uma das suas vítimas, quando a polícia entrou pela sua casa, depois dos aldeões terem ouvido gritos seguidos de um rugido de lobo. Gilles foi preso e acabou por ser queimado vivo.

 

O Gato Preto

A superstição associada ao mau-agouro do gato preto nasceu apenas na Idade Média, quando a perseguição às bruxas teve o seu auge. Mas a aura mística que envolve este animal começou com os Egípcios que o consideravam um ser abençoado, a encarnação do Deus Bast. A desgraça do gato preto mudou quando começou a haver uma população excessiva destes animais pela rua e a Igreja o começou a associá-lo aos rituais pagãos e às histórias de bruxarias que prosperaram na Idade Média. Se para o paganismo o gato preto significava proteção, para a magia negra ele representava a personificação do Diabo. Os seus olhos luminosos que iluminavam a noite, bem como a sua cor preta, associada às trevas, contribuíram para deixá-lo sempre associado ao mal e ao azar. Depois deste conceito, as histórias de horror associadas a este animal prosperaram a uma enorme velocidade. Havia quem contasse que as bruxas se transformavam em gatos pretos durante a noite e na Alemanha várias testemunhas diziam que uma mulher acusada de bruxaria se transformou neste animal quando estava a ser queimada na fogueira. Mas ao mesmo tempo que surgiam todos estes boatos, apareciam algumas histórias reais associadas ao gato preto. O rei Carlos I de Inglaterra tinha um destes bichos, pelo qual tinha uma grande estima e dizia que ele lhe trazia muita sorte. E a verdade é que o animal do monarca morreu um dia antes deste ter sido preso, acusado de traição. Há superstições favoráveis e desfavoráveis em diferentes países sobre o gato preto, mas em Portugal ele está sempre associado a um mau presságio.

 

Sexta-feira 13

Tal como muitas outras superstições também esta tem as suas raízes no cristianismo. Primeiro pelo facto de supostamente Jesus Cristo ter sido crucificado numa sexta-feira e também por que antes de ser levado para a cruz a última ceia contou com os 12 apóstolos, sendo que o 13º elemento que se sentou nesta mesa foi o próprio Messias. Logo, este número começou a ser associado à má sorte. Mas a superstição da sexta-feira 13 continuou  ser evidenciada ao longo dos tempos. Em outubro de 1307, numa sexta-feira 13, Filipe IV ordenou uma perseguição aos templários e cinco anos mais tarde eles acabaram por desaparecer. Devido a várias lendas associadas a este número e também a este dia da semana, e em que ocorreram situações dramáticas, o azar ficou para sempre associado à sexta-feira 13.

 

Bloody Mary

Esta é umas das lendas mais conhecidas em todo o mundo e existem várias versões da mesma história. Enquanto umas contam que Bloody Mary é o

espírito de uma mulher que perdeu um filho, outras dizem que ela é o espírito de uma rapariga que foi assassinada. A superstição diz que para invocar Bloody Mary é necessário estar em frente a um espelho,à luz de velas, chamando pelo seu nome três vezes. Acredita-se, porém, que este mito é baseado na história da Rainha Mary I de Inglaterra que, pelo facto, de não conseguir engravidar se tornou uma mulher fria e cruel e como fuga para a sua frustração mandava executar pessoas, sem dó nem piedade.

 

 

 

 

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

O karma de cada signo

Ação e transformação são os significados que estão por detrás da palavra karma, vocábulo oriundo de uma antiga língua indiana, que acabou por ter um significado mais espiritualista pela mão da religião budista. Quando pensa: “este é o meu karma, nada posso fazer contra isso!”, não está a interpretar corretamente o seu verdadeiro sentido, pois com o karma que traz de outras vidas passadas deve tentar, na realidade, evoluir. Ou seja, através de qualquer situação que lhe acontece deve aprender e, principalmente, evitar cometer os mesmos erros. Conseguindo descobrir os seus problemas, conseguirá mudar o rumo do seu karma. Saiba agora, segundo o seu signo do zodíaco, as situações, conflitos ou problemas que traz de outras vidas.

 

Carneiro

O facto de estar bastante associado ao egoísmo e  egocentrismo em vidas passado, este nativo carrega um karma relacionado com a incapacidade de ter alguma sensibilidade com os problemas dos outros. Nesta vida, essa situação causa-lhe alguns problemas relacionados com a liderança.
Carneiro tem alguma dificuldade em comandar sem oprimir.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de começar a levar em conta as necessidades dos outros.

 

Touro

O seu karma está relacionado à necessidade de apreciar exageradamente todos os bens materiais que possui. A sua falta de segurança em
si mesmo, é algo que traz de vidas passadas e que provoca muitos problemas na sua vida de agora, principalmente procurar segurança em coisas externas.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de se tornar mais espiritual, de forma a conseguir uma segurança interior, sem ser preciso procurá-la longe de si.

 

Gémeos

De vidas passadas, o nativo de Gémeos traz um carma que envolve demasiados boatos, traição, falsidades, enganos, esquemas negativos ou
burlas. Este nativo tem alguma dificuldade, na sua vida atual, em identificar a mentira.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de descobrir o caminho da verdade e ser-lhe fiel até ao fim.

 

Caranguejo

O karma deste nativo prende-se com o facto de ter muita dificuldade em deixar para trás o passado. Essa situação faz com que se torne, muitas vezes, depende de outras pessoas e que não consiga avançar com a sua vida, nesta vida.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de aprender e saber a proteger-se a si mesmo, sem depender do apoio dos outros.

 

Leão

O seu karma está intimamente ligado ao poder e à necessidade que tem de controlar tudo e todos. Essa situação faz com que se sinta responsável pela vida dos outros e descure, muitas vezes, a sua, provocando-lhe vários conflitos ao longo deste seu presente.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de controlar mais os seus impulsos e menos a vida dos outros.

 

Virgem

O seu karma está ligado à servidão. Este nativo sabe como nenhum outro servir, mas, muitas vezes, não o faz com humildade, pois está
sempre à espera de reconhecimento. Esta situação fá-lo tornar-se demasiado crítico com os outros.

Dasafio kármico: Há uma necessidade urgente de aprender a usar com mais equilíbrio a razão e o discernimento.

 

Balança

De outras vidas carrega consigo a indecisão perante a sua própria vida. O seu karma é ter uma tendência para se adaptar sempre aos outros, esquecendo-se de si mesmo. Isso causa-lhe, nesta vida, alguns problemas de relacionamento.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de se tornar mais aberto e sincero em futuras relações. Dessa forma, não só conseguirá agradar aos outros, como tem ele próprio se poderá sentir mais satisfeito com a sua vida.

 

Escorpião

O seu karma está intrinsecamente ligado ao abuso de poder, o que faz com que este nativo crie alguns conflitos durante a sua vida. Porém, esse

problema estará relacionado com alguns momentos traumatizantes passadas noutras vidas.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de desenvolver algumas capacidades que lhe permitam entender os problemas que o afetam.

 

Sagitário

A busca pela verdade é o karma deste nativo, que está sempre à procura de encontrar um significado lógico para tudo. Isso pode, nesta vida,
provocar-lhe muitas frustrações.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de encontrar a sua verdade e viver a sua crença.

 

Capricórnio

O seu karma é viver cegamente segundo as regras que lhe impõem, não conseguindo, assim, deixar entrar também a espiritualidade e a intuição na sua vida diária.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de ouvir mais a sua voz interior e deixar que ela lhe indique alguns caminhos.

 

Aquário

A rebeldia interior deste nativo é o seu principal karma. Isso faz com que, durante a sua vida, Aquário desenvolva alguns conflitos com
pessoas autoritárias.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de se tornar mais flexível, não se aborrecendo com tudo o que supérfluo.

 

Peixes

O karma de Peixes está ligado à dramatização que faz sobre a sua própria vida. Ora ocupa o lugar de salvador da pátria, ora passa de repente
a vítima de qualquer situação. Isso implica que, ao longo da sua vida, não consiga harmonizar-se consigo mesmo.

Desafio kármico: Há uma necessidade urgente de saber sentir compaixão sem viver intensamente as dores dos outros.

 

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

 

 

 

 

Sonambulismo: um processo misterioso

 

É uma desordem do sono que perturba 1/5 da população, manifesta-se nas pessoas desde cedo e afeta mais homens do que mulheres. No entanto, pouco mais sabemos do que isto. Por que há pessoas que falam quando estão a dormir? É possível que alguém cometa uma tragédia involuntariamente enquanto está a dormir? Os estudos realizados não chegam a grandes conclusões.

 

Passamos mais ou menos 1/3 das nossas vidas a dormir, mas aquilo que vivemos nesse estado nem sempre é palpável. Há uma linha que separa aquilo que faz parte do nosso estado inconsciente durante o tempo em que estamos a dormir, daquilo que é palpável. É difícil distinguir aquilo que não passou, por exemplo, de um sonho, do real. Mas às vezes consegue passar-se essa linha, principalmente quando se sofre de um distúrbio do sono tão misterioso como o sonambulismo.

 

Também chamado de noctambulismo, este transtorno consiste em realizar uma série de atividades motoras automáticas – simples ou complexas – enquanto a pessoa está a dormir. Apesar de não haver grandes conclusões sobre estudos realizados a quem sofre de sonambulismo, há um fator comum: quem sofre desta desordem nunca se lembra daquilo que fez enquanto estava a dormir. Há uma amnésia e a ausência total de intenção consciente. Portanto, o sonâmbulo não pode ser legalmente culpado dos seus atos, caso estes entrem no âmbito da criminalidade.

 

Mesmo que as estatísticas apontem para que 1/5 da população que sofre deste distúrbio, o mais normal é que seja muito mais, pois muitas pessoas também terão passado pelo problema durante a sua infância ou em algum momento da sua vida, mas nunca o terão revelado. As idades entre as quais existe um pico maior do sonambulismo é entre os 3 e os 6 anos e, mais tarde, na fase da puberdade. Quando o distúrbio avança para a idade adulta, as pessoas poderão deparar-se com comportamentos mais complexos e violentos. Alguns especialistas consideram que quando o sonambulismo permanece até mais tarde poderá estar relacionado com alterações psicopatológicas.

 

Há também estatísticas que revelam que neste caso, os homens estão à frente das mulheres, embora alguns especialistas considerem que nem sempre isso se verifique.

 

Não é fácil diagnosticar!

Existem várias fases durante o sono, e é entre a 3ª e a 4ª (sono de ondas lentas) em que normalmente há reações naqueles que sofrem de

 

sonambulismo. O diagnóstico do paciente com este tipo de transtorno realiza-se depois de analisar a história clínica do paciente, pois é difícil tirar conclusões sem nos basearmos em provas que se façam enquanto a pessoa dorme. Há que perceber, durante o estado do sono, as repercussões orgânicas que se manifestam no sonâmbulo. Realizam-se eletroencefalogramas, eletrocardiogramas, e medição da tensão arterial.

 

Há, por norma, sempre uma dissonância entre aquilo que o paciente conta e a verdade da situação, portanto todos estes testes são indispensáveis. Fazer um diagnóstico acertado é o mais importante nestes casos, já que existem alterações parecidas, mas ao mesmo tempo muito diferentes, como por exemplo, os terrores noturnos e alguns tipos de epilepsia.

 

Embora se desconheça a origem do sonambulismo, os estudos apontam que pode ser devido a alterações da conduta motora e nos processos de amadurecimento. Sabe-se atualmente que este distúrbio pode ser transmitido geneticamente, mas não se desenvolverá plenamente a menos que ambos os progenitores sejam portadores. Outra das causas do sonambulismo tem a ver com uma falha no bloqueio dos sistemas de segurança e alerta. O ser humano tem um sistema que impede que façamos necessidades fisiológicas na cama enquanto estamos a sonhar. Este mecanismo encarrega-se de que a imagem sonhada se traduza num movimento físico. No caso dos sonâmbulos esse controlo desaparece.

 

Enquanto dorme, ele poderá viver uma realidade com algum risco para si mesmo e, em muitas ocasiões, para outras pessoas.
Não existe nenhum tratamento específico para o sonambulismo, o mais importante é tentar prevenir com algumas medidas de segurança que evitem perigo para o sonâmbulo. Ele não deve dormir em andares superiores, deve evitar quartos com muitos móveis e fechar portas e janelas enquanto dorme. Tesouras e facas, por exemplo, também não devem estar ao alcance dos sonâmbulos.

 

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png

 

Os seres Elementais

Diz-se que os elementais são seres que vivem na Terra, na barreira entre o espírito e a matéria. Vivem na Natureza, junto dos seus elementos naturais, em reinos com organização própria. São estes seres que estão encarregues de zelar pela Natureza e fazer com que ela viva em harmonia e equilíbrio.
Apesar de estarem hierarquicamente abaixo dos Anjos, desempenham um papel importantíssimo para o bem-estar da Humanidade, porque é através deles que a ordem se mantém.

 

 

São quatro os elementos da Natureza: a terra; o ar; o fogo e a água.

 

O elemento Terra é presidido pelos Gnomos, responsáveis pelos reinos animal, vegetal e mineral. Vivem nos bosques e florestas e cuidam das árvores, plantas e flores, dos animais e das rochas, cristais e pedras.

 

 

O elemento Ar é presidido pelos Silfos que são os elementais mais parecidos com os Anjos, trabalhando muitas vezes em parceria com eles. Governam a força criadora do ar, o vento, as brisas e a temperatura atmosférica. São dos seres mais indispensáveis na Natureza, porque sem a sua intercepção, nenhum ser vivo sobreviveria. Uma das espécies de Silfos mais conhecidas são as Fadas, que embora pertençam a esta categoria, são espiritualmente mais desenvolvidas.

 

 

O elemento Fogo é presidido pelas Salamandras, que são responsáveis pela luz e calor. Através do fogo ajudam a limpar e harmonizar o ambiente e são responsáveis pela regeneração dos tecidos.

 

O elemento Água é presidido pelas Ondinas que vivem em locais onde haja água, quer seja em fontes, nos rios, no mar ou na água da chuva. Protegem o amor e tudo o que estiver ligado ao sector emocional. São estes elementais que promovem o equilíbrio no reino aquático.

 

Para além destes quatro elementos, perceptíveis para todos os seres vivos, existe ainda um quinto elemento, chamado Éter e que corresponde a um meio subtil, que praticamente ninguém conhece. Etimologicamente, a palavra Éter deriva do grego aithér, que designa um espaço etéreo que envolve a atmosfera terrestre. Daqui pode concluir-se que este reino é o responsável por todas as coisas belas, subtis e imperceptíveis que povoam a vida das pessoas e sobre as quais não há explicação.

Os seres elementais são constituídos pelo elemento éter e por isso pode-se dizer que este está presente em todos os elementos da Natureza.

 

 

Veja grátis: Horóscopo diário ! 

 

Clique aqui para marcar uma consulta de Tarot, ou falar comigo! 

maria helena.jpg


Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

logo dra.png