Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Astrologia

Saiba como pode ter bom Feng Shui através das flores

 

A energia das plantas está relacionada com o crescimento e a expansão simbolizados pelo Elemento Madeira. Conheça a flor certa para atrair bom Feng Shui para a sua vida.

A flor de Lótus está associada ao crescimento espiritual e ao desenvolvimento da intuição. Associa-se a Buda, pois ela simboliza o crescimento e a elevação máxima da consciência.

Transmite paz e harmonia, sendo muito benéfica numa casa com uma família numerosa, pois favorece a harmonia e o entendimento entre todos.

O Narciso é considerada uma flor portadora de fortuna e por essa razão é comum os Chineses oferecerem-na como presente no Ano Novo. Qualquer que seja o Elemento sob o qual nasceu, ter um vaso com narcisos em casa aumenta as suas probabilidades de sucesso em qualquer projeto, transmitindo energia de expansão e favorecendo os desenvolvimentos.

O Crisântemo é uma flor fácil de encontrar e que aumenta de forma muito favorável o bom Feng Shui de uma casa, corrigindo desequilíbrios energéticos que possam existir. A cor considerada mais auspiciosa é o amarelo, e as flores devem ser arredondadas e viçosas.

Para atrair o amor, no caso de ser mulher, os Chineses aconselham especialmente ter peónias, flores que possuem muita energia Yang e estão diretamente associadas à energia da primavera.

Deve ser colocada no canto Sudoeste do jardim, atraindo romance, amizade e sorte para a sua vida, quer seja mulher, quer seja homem. Se não conseguir encontrar peónias, pode utilizar gardénias, hibiscos ou begónias, que embora sejam menos duradouras possuem uma energia semelhante. 

O bambu está associado à capacidade de resistência e à durabilidade, sendo uma das plantas mais veneradas pelos Chineses, que também acreditam que o bambu afasta os espíritos malignos. Por essa razão existem sinos mensageiros de vento feitos de canas de bambu.

Março é o mês da renovação! 

 

Março é o mês que traz alegria aos nossos corações, porque os dias começam a ser maiores, o tempo aquece, as primeiras flores despontam e toda a Natureza nos traz a mensagem que, mesmo depois de um longo inverno, há sempre uma renovação da vida. E, ainda que estejamos a atravessar um período de mudanças e desafios difíceis, a vida continua a trazer-nos motivos para manter acesa a chama da esperança.

Aproveite a energia deste mês para melhorar a sua vida através do Feng Shui, a filosofia milenar oriental que procura o equilíbrio entre o visível e o invisível, promovendo o bem-estar através da harmonia no espaço que nos rodeia.

Guia prático de Feng Shui para cada divisão:

Para os Chineses, a energia da primavera é particularmente auspiciosa, pois está associada ao nascimento, transmitindo otimismo e confiança no recomeço. É uma fase favorável para fazer uma mudança e começar uma nova etapa na vida. Este período do ano é ideal para fazer mudanças no seu lar, ativando as energias e ajudando-a a libertar-se de tudo o que não lhe traz felicidade. 

Um dos princípios básicos para ter bom Feng Shui consiste em ter a casa sempre bem iluminada. Abra diariamente as janelas e as cortinas e deixe que a luz do sol encha o espaço. Se for necessário, adquira mais candeeiros ou velas, para que não haja espaços escuros. A luz do sol traz bom Feng Shui a qualquer ambiente, pois a luz e o calor transmitem energias positivas.

Hall de Entrada

O hall de entrada é fundamental, pois é através dele que entram novas energias. A porta de entrada deve abrir completamente, sem móveis ou objetos a dificultar a passagem. Deve abrir para um hall de entrada amplo e arejado, onde pode colocar um vaso ou uma jarra com flores frescas. Se o hall for pequeno, coloque nele um espelho de modo a dar a ideia de um espaço maior. Para atrair o sucesso e a prosperidade, use objetos decorativos de metal junto da entrada. Este Elemento simboliza a riqueza e também atrai o otimismo. A iluminação é essencial: se não tiver nenhuma janela por perto, utilize candeeiros com boa iluminação, de preferência branca, pois criam a ilusão de luz natural.

Sala de Estar

A sala de estar deve ter um ambiente que estimule a vitalidade, ao mesmo tempo acolhedor e intimista. Os sofás e cadeiras devem estar dispostos de forma a que, quando as pessoas estão sentadas, estejam de frente umas para as outras.

É importante ativar a energia Yang na sala de estar, por ser geralmente a divisão da casa onde as pessoas convivem. Evite espaços sombrios e mantenha-a bem iluminada - a luminosidade atrai a sorte e a prosperidade.

A disposição dos móveis influencia o fluxo que a energia segue. Alterar a disposição dos móveis de tempos a tempos é benéfico, pois impede os bloqueios energéticos e obriga a energia a fluir.

Coloque um objeto que simbolize a Água - como um aquário, uma fonte ou uma taça de vidro com água - a Norte na sala, pois dinamizará a sua vida profissional.

Sala de jantar

Segundo o Feng Shui, na disposição de pessoas sentadas à mesa deve intercalar homens e mulheres, de forma a assegurar o equilíbrio das energias Yin e Yang. Evite sentar alguém na esquina de uma mesa retangular ou quadrada, ou diretamente voltado para a casa de banho ou para a porta da sala de jantar.

Nunca use loiça partida ou lascada, pois, para além de dar mau aspeto visual, representa um bloqueio ao bom Feng Shui.

Cozinha

A cozinha é um espaço fulcral, pois da qualidade e equilíbrio da nossa alimentação depende a saúde física e psíquica. A energia deste espaço deve ser fundamentalmente Yin, associada à nutrição, à mãe, e ao Elemento Terra.

O fogão deve estar em destaque e bem visível. Quem cozinha não deve estar de costas para a porta da entrada: se não houver outra solução, é aconselhável colocar-se um espelho, de modo a que seja possível ver tudo o que se passa à volta. Os espelhos dão a noção de abundância e prosperidade, pelo que podem ser colocados a refletir a comida. O espaço em volta do fogão é também muito importante. Assim que deixar de utilizar o fogão, limpe-o e feche a tampa. Lixo acumulado e loiça partida atraem mau Feng Shui, por isso, mantenha sempre o chão e os armários limpos e arrumados. O lava-loiça também deve estar limpo e arrumado.

Casa-de-banho

Uma vez que é nesta divisão que libertamos o corpo das impurezas, é importante que o mau Feng Shui a elas associado não se espalhe pela casa; por essa razão, a porta da casa-de-banho deve estar sempre fechada. A energia Yin deve ser predominante, assim como o Elemento Água, e a sua orientação ideal será a Norte. A cor azul reforça a presença deste Elemento e ajuda à purificação energética que se pretende neste espaço.

Uma forma eficaz de aumentar o bom Feng Shui na casa-de-banho consiste em pendurar pequenos espelhos ovais na parede, principalmente por cima da sanita e do ralo da banheira. Os espelhos impedem a energia de se escoar “pelo cano abaixo” e fazem com que a energia Chi (positiva) permaneça na casa. Pintar as paredes da casa-de-banho de vermelho contribui, segundo o Feng Shui, para aumentar a riqueza de uma casa. Se não quiser pintar as paredes dessa cor, pode optar por colocar uma pedra ou um vaso de cerâmica, que representa o Elemento Terra, em cada canto da divisão, o que tem o mesmo efeito. O tampo da sanita deve estar sempre para baixo, e os ralos da banheira, do lavatório e do bidé devem estar devidamente fechados.

O quarto

Nesta divisão a energia Yin deve estar em perfeito equilíbrio com a energia Yang. Deve estar sempre limpo e arrumado, com armários e gavetas organizados e bem arejados. O perfume também é importante, uma vez que influencia diretamente o estado de espírito. Um aroma suave e tranquilizante como alfazema, lavanda ou rosa, contribui para a harmonia. Os incensos são uma boa forma de perfumar o quarto, pois têm uma fragrância suave e ao mesmo tempo purificam o ambiente.

Evite posicionar a cama com os pés voltados para a porta de entrada do quarto ou da casa de banho. As portas e as janelas que estejam viradas para a rua devem ser calafetadas e protegidas com cortinas. A cabeceira da cama deve estar posicionada de forma diametralmente oposta à porta do quarto, oferecendo uma boa visibilidade a quem está a dormir.

Os espelhos não devem refletir a imagem da pessoa quando está a dormir e, se isso acontece, devem ser tapados com um pano à noite.

Aparelhos elétricos ou eletrónicos transportam ondas eletromagnéticas que podem causar desconforto e irritabilidade. Televisões e outros aparelhos devem estar embutidos em armários adequados com portas, de modo a isolar as suas energias nos momentos de sono e relaxamento. Se tal não acontecer, tape-os com um pano quando for dormir.

O quarto dos seus filhos

O quarto das crianças deve estar voltado para Este, associado ao Elemento Madeira e ao crescimento. Se não estiver nesta direção, pinte uma parede de amarelo vivo ou utilize esta cor nas cortinas ou num objeto que dê vida ao quarto. Use materiais seguros, prefira madeiras maciças com acabamentos naturais e evite tintas sintéticas e vernizes. Se espera um bebé, mantenha o quarto onde ele irá ficar bem arejado e trate da sua decoração com bastante antecedência, para que quando o bebé nascer não haja risco de inalação de produtos tóxicos. Escolha fibras naturais para os tecidos e abra as janelas diariamente.

Feng Shui: o que o seu cabelo revela sobre si

 

Tudo o que existe no Universo está em profunda relação. A energia circula entre aquilo que é considerado a nossa vida exterior - seja a nossa casa, o nosso trabalho, as pessoas que nos rodeiam - e o nosso mundo interior, os nossos pensamentos, emoções, a vida espiritual. Por essa razão, para que uma pessoa se sinta verdadeiramente bem e possa alcançar os seus objetivos, é tão importante criar condições de bom Feng Shui no seu mundo exterior como estar em harmonia com o seu corpo e a sua mente.

O Feng Shui aplicado ao corpo permite pois perceber porque razão certas pessoas nos atraem mais do que outras, e de que modo podemos satisfazer melhor as nossas necessidades pessoais e criar relacionamentos saudáveis, seja na vida privada, seja no domínio profissional. De acordo com os conhecimentos orientais, é possível identificar a personalidade de uma pessoa de acordo com os seus traços fisionómicos, o seu cabelo, as suas mãos. O Feng Shui ensina a relação que existe entre todas as coisas para que cada ser humano possa tirar partido das suas características pessoais e viver da melhor forma possível.

Os monges taoistas estudaram aprofundadamente a fisionomia humana, chegando à conclusão que os traços físicos correspondem a determinados dons com que cada um de nós nasce e que influenciam a forma como construímos o nosso destino. Cada ser humano capta as energias do Universo através das células que o constituem de forma pessoal e única, e por essa razão cada pessoa possui uma linguagem corporal própria.

O Feng Shui interpreta o nosso rosto considerando que a parte que vai da testa às sobrancelhas representa o céu, que das sobrancelhas ao nariz se encontra o que define o Homem em si, e que a parte do nariz até ao queixo está associada à terra. Assim, cada tipo de rosto diferente integra as energias associadas ao céu, ao homem e à terra também de maneiras distintas.

O cabelo funciona como a “moldura do rosto” e tem uma grande influência sobre o nosso aspeto físico e consequentemente sobre a impressão que causamos nas outras pessoas, nomeadamente numa entrevista de emprego ou numa reunião importante de negócios, por exemplo.

O cabelo deve ter um brilho e cor vigorosos, e não deve tapar nem a testa nem as maçãs do rosto. As mulheres que usam o cabelo para cobrir certas partes do rosto têm uma personalidade doce e afável, mas algum medo interior que procuram esconder, ou uma personalidade que prima pela originalidade.

Um cabelo forte auspicia bom Feng Shui e capacidades para lutar contra os obstáculos e obter o sucesso. Se for um homem, terá uma vida amorosa muito intensa e agitada. Um homem que tenha um corpo maciço mas cabelo fino poderá ter de enfrentar mais obstáculos, devendo ser muito perseverante e acreditar mais em si próprio. O risco ao lado num penteado simboliza romantismo, enquanto que o risco ao meio indica que essa pessoa tem uma grande rectidão de princípios e muita honestidade.

No caso das mulheres, cabelos mais suaves trazem melhor Feng Shui. O cabelo curto numa mulher indica independência e frontalidade, mas se for muito curto pode denotar carência afectiva e necessidade de atenção, que possivelmente está associada a uma infância menos feliz. Por outro lado, uma mulher que usa o cabelo comprido e liso é geralmente doce e possui um sentido estético apurado. Se for encaracolado, demonstra uma personalidade romântica e que procura obter conforto material e afectivo, embora seja inconstante. Tem boas possibilidades de concretizar os seus objectivos com facilidade. Uma mulher com cabelo comprido e ondulado aprecia o luxo e dá importância a todos os pormenores. Aquelas que costumam prender o cabelo numa longa trança têm uma maior inclinação para a vida espiritual, mas têm alguns problemas de relacionamento a nível social, sendo mais introvertidas e tímidas.

Uma mulher que use o cabelo até abaixo dos ombros tem uma grande preocupação com o seu aspecto físico, mas pode também ter um carácter difícil. As permanentes em cabelos curtos demonstram insegurança e tendência para ter uma atitude conservadora. Por outro lado, um cabelo mais comprido num penteado armado denota uma certa exuberância e um gosto original, embora também possa degenerar em atitudes de arrogância. Mulheres que não penteiam o cabelo para trás têm dificuldade em revelar aquilo que sentem, mas gostam muito de crianças e são bastante compreensivas para com os outros. 

Saiba como ter bom Feng Shui na casa de banho

 

O Feng Shui ensina-lhe dicas úteis para renovar a energia do seu lar, nomeadamente equilibrando a energia na casa de banho, a divisão associada à limpeza.

A casa de banho assume, para o Feng Shui, uma grande importância pois, sendo o espaço onde libertamos o nosso corpo de impurezas, é fundamental para o equilíbrio energético de uma casa e dos seus habitantes. 

Por outro lado, a água representa para o Feng Shui a prosperidade e, uma vez que é na casa-de-banho que se gasta mais água, ela merece um cuidado especial e maior atenção para evitar o “desperdício” de riqueza e saúde.

É muito importante arranjar torneiras ou autoclismos que deixem verter água, desperdiçando assim bom Feng Shui. Para além disso, um ralo da banheira ou do lavatório entupidos representam um bloqueio energético e geram irritabilidade nos habitantes da casa.

De acordo com o Feng Shui, a casa de banho não deve estar localizada nem nas proximidades da cozinha nem da sala de jantar ou de estar, e também não é aconselhável que esteja em frente da porta de entrada.

Se isto acontecer, redobre o cuidado de manter sempre a porta da casa-de-banho fechada.

O tampo da sanita deve estar sempre para baixo, e a melhor posição para a sanita é atrás da porta ou de forma a que não seja imediatamente visível mal se entra nessa divisão.

Se a sua casa de banho for suficientemente espaçosa, pode colocar um biombo que encubra a vista da sanita.

Uma casa de banho pequena beneficia do uso de azulejos claros e que reflictam a luz, bem como da utilização de espelhos.

Pendurar espelhos em paredes opostas não traz bom Feng Shui porque criam instabilidade ao duplicar a imagem de si próprio, e o mesmo acontece com pequenos espelhos quadrados, que dividam a imagem que reflectem.

Os espelhos portadores de melhor Feng Shui são simples, fixos na parede e com superfície plana e lisa.

Assegure-se de que liberta a sua casa de banho de tudo aquilo que pode gerar bloqueios e impedir o bom Feng Shui de circular.

Como tal, esvazie o caixote de lixo que tem na casa de banho, deite fora frascos e tubos vazios de cremes ou de pasta de dentes. Os espelhos sujos trazem mau Feng Shui, por isso tenha uma particular atenção à sua limpeza.

 

Dica:

Aprender a utilizar a casa-de-banho como espaço de relaxamento e descontracção é uma forma eficaz de ter bom Feng Shui. Cuide da decoração deste espaço de forma a que ele lhe transmita calma e serenidade. Utilize óleos essenciais durante um banho relaxante, acenda velas e deixe o seu corpo descontrair, livre de preocupações.

Faça um jardim zen em sua casa

 

Quer viva numa vivenda ou num apartamento citadino, aprenda a criar no seu lar um jardim com a tranquilidade trazida pela sabedoria oriental milenar.

O “jardim zen” pode ser maior ou menor, mas é geralmente composto por um recipiente de porcelana escura, preenchido com areia fina e diversos seixos ou cristais. Estes pequenos jardins são réplicas dos jardins chineses originais, que foram criados segundo os mesmos princípios de harmonia e união cósmica que regem todo o pensamento oriental e, como tal, também o Feng Shui. O jardim chinês está intimamente ligado à casa e visa transmitir serenidade aos seus moradores. É fundamental, nele, respeitar e seguir o bom Feng Shui da Natureza, mantendo tudo no estado original. Saiba que foi da observação e estudo das leis que governam o Universo natural que nasceram os princípios orientadores do Feng Shui.

Para criar um jardim zen em sua casa, utilize a sua sensibilidade e imaginação para aproveitar o espaço de que dispõe. Se vive num apartamento, pode utilizar um vaso largo e pouco fundo. Seja qual for o tamanho do seu jardim, organize nele os elementos decorativos segundo a disposição clássica dos 4 animais, de que já lhe falei em artigos anteriores. Segundo esta disposição, à retaguarda deve haver uma parede sólida, que pode ser uma pedra ou um conjunto de plantas maiores, que corresponde à posição da Tartaruga e que visa dar estabilidade. À frente encontra-se a Fénix, um espaço de liberdade em que não pode haver bloqueios, devendo colocar uma pequena pedra ou outro objecto a marcar o fim do jardim, mas sem obstruir a vista. À direita é conveniente ter plantas ou seixos mais baixos e planos, na posição onde se encontra a energia do Tigre, e à esquerda, que corresponde ao Dragão, deve haver uma protecção mais alta. Esta estrutura garante segurança (retaguarda), horizontes amplos (frente), acção (esquerda) e força (direita).

Dica de Feng Shui:

Cuide do seu jardim zen com amor e assegure-se de que existe nele “vida”, movimento. Pendure por cima do vaso onde está o seu jardim sinos mensageiros de vento, e disponha pequenos seixos em zigue-zague como se de um caminho se tratasse. Reserve alguns momentos do dia para cuidar do seu jardim com sossego. A calma e a serenidade que ele lhe inspira encherá o seu espírito de bom Feng Shui.

Veja também:

Conquiste o sucesso!

O Feng Shui aponta caminhos para rumar ao sucesso.

Para um bom Feng Shui na vida profissional, ative a direção norte. Quando coincide com o quarto não faça nada nesta divisão, opte por desenvolver a parte norte da sua sala de estar, por exemplo com um aquário com peixes guppy. Uma casa de banho nesta localização não traz bom Feng Shui, mas neste caso coloque lá dentro uma pedra grande que absorva a energia negativa e deixe a porta sempre fechada.


Para que o seu trabalho seja reconhecido e valorizado é conveniente ter no lado esquerdo da sua secretária um cristal que esteja em harmonia com o seu elemento.

O seu próprio percurso para o trabalho deverá ser feito de acordo com as direções que são mais auspiciosas para si, e é mais importante o local de onde parte do que o local para onde vai. Tenha algum cuidado com os arquivos do seu trabalho. Colocar os dossiers debaixo de escadas, debaixo da mesa ou perto da casa-de-banho não traz bom Feng Shui.

As três moedas chinesas atadas com fita vermelha aos seus dossiers e pastas trazem bom Feng Shui para os seus projetos. Estas moedas também atraem a sorte financeira quando são atadas à sua carteira ou mala. O dragão é considerado um símbolo de prosperidade e bom Feng Shui, e deve ser colocado a Este. Uma imagem de cerâmica, cristal ou madeira ajudará a atrair o sucesso. A ave Fénix também transmite energia positiva e deve ser representada a Sul, pois simboliza a chegada de oportunidades.

Tenha atenção à imagem que transmite aos outros. Ao fazer cartões de visita, tenha em conta que pelo menos um dos lados deve ter menos de 5,1 cm e que no geral deve ser inferior a 16,5 cm, pois ao exceder essa medida atrai mau Feng Shui. O logótipo de uma empresa não deve ser pontiagudo nem angular. As formas redondas e curvas trazem harmonia e bom Feng Shui. Nunca deve ter nada apontado para o seu nome. O branco é uma cor mais favorável que o bege, o seu cartão deve ter letras pretas impressas sobre fundo branco.

 

Ao utilizar outras cores, faça-o de forma harmoniosa. Combinações que atraem bom Feng Shui são o preto com vermelho, com laranja ou com amarelo. Evite combinar o preto com o verde, o azul e o tom metálico. Na próxima semana vou ensiná-lo a atrair bom Feng Shui através da decoração.

 

 

 

 

Dicas de Feng-Shui        

Deve evitar ter no seu escritório relógios, pois representam a passagem do tempo e como tal não atraem bom Feng Shui nem devem ser dados como prendas. Se receber um relógio como prenda deve retribuir com uma moeda, anulando desta forma o mau Feng Shui.

10 curas simples para ter bom Feng Shui em casa

Fique a conhecer 10 curas utilizadas pelo Feng Shui para favorecer o fluxo de energia Chi e criar bom Feng Shui no espaço onde vive. Estas curas servem como antídoto para energias negativas, podendo ser usadas para corrigir desequilíbrios.

Em primeiro lugar, use objectos brilhantes, como espelhos e luzes. Os espelhos podem ser posicionados estrategicamente de forma a criar a ilusão de um espaço curvo onde haja demasiadas linhas rectas. Para os chineses, as linhas rectas não são auspiciosas porque é através delas que circulam as “setas envenenadas”. Assim, colocar um espelho em frente à esquina de um móvel ajuda a afastar esse mau Feng Shui, sendo também muito eficaz colocar um espelho num sitio onde haja uma porta em frente a outra, pois amplifica-se assim o espaço.

Em segundo lugar, colocar cristais em qualquer espaço ajuda a activar a energia positiva nesse local. Pelo espectro de luz que reflectem e pela energia poderosa que possuem, os cristais têm a capacidade de criar e manter o bom Feng Shui. Um simples cristal de Quartzo colocado em cima da secretária é suficiente para ter protecção e estimular o desenvolvimento no local de trabalho.

A música e os sons harmoniosos são outra forma eficaz de criar bom Feng Shui, pois elevam a frequência energética e apaziguam o nosso espírito. Tanto pode ouvir uma música que lhe agrade como ter em casa uma fonte interior, em que o som constante da água a correr contribui para assegurar o fluxo da energia Chi, positiva.

Em quarto lugar, use e abuse de objectos em movimento, como os sinos mensageiros de vento, paus de incenso em que se vê o fumo a ascender pela casa, bandeirinhas e outros objectos que transmitam movimento. A chama de uma vela ou uma fonte estão também inseridas nesta categoria. Qualquer um destes objectos é particularmente adequado para locais onde a energia tem tendência para estagnar, como por exemplo um canto menos movimentado da casa.

Em quinto lugar e pelas razões opostas, é também muito favorável ter alguns objectos pesados, que assegurem a estabilidade, devendo estes ser posicionados em locais da casa onde haja muito movimento e possibilidade de dispersão. Temos, neste caso, as esculturas, vasos pesados e outros móveis solidos.

Ter em casa seres vivos, como plantas e animais, é uma das formas mais poderosas de ter bom Feng Shui. Caso não lhe seja possível, ter réplicas de animais ou plantas artificiais é também favorável, embora não seja tão eficaz. Nunca se esqueça que deve remover de imediato plantas murchas, pois estas trazem mau Feng Shui. A nível animal, os Chineses valorizam especialmente os peixes, que pelo seu próprio movimento dentro de um aquário são um gerador constante de bom Feng Shui, estando também associados à harmonia, à riqueza e à felicidade conjugal. Devem ser colocados em pares dentro do aquário.

A cor é uma cura sobejamente conhecida, porém nunca é demais lembrar que usar cores como o vermelho vivo, o branco ou o verde contribui para dinamizar a energia de um espaço sombrio, enquanto que as cores Yin, mais suaves, proporcionam harmonia e relaxamento.

Em oitavo lugar, os Chineses reverenciam a paz que uma imagem poderosa transmite. Uma estátua de Buda, uma taça japonesa, um sapo ou tartaruga de cerâmica, um estojo de caligrafia chinesa ou um poster agradável que ocupe uma boa parte da parede são exemplo deste tipo de imagens que ajudam a estabilizar a mente e as emoções, criando bom Feng Shui no local onde se encontram.

Assim como a música eleva a energia de um espaço, o aroma é outra poderosa cura que não deve ser negligenciada. Queimar incenso ou óleos aromáticos contribui para criar uma atmosfera agradável, assim como os cheiros naturais de um lar, como o cheiro de um bolo ou de comida no forno, de lençóis lavados na cama, de um banho de espuma perfumado. Esta cura é particularmente eficaz no final de um dia cansativo, pois o aroma entranha-se dentro de nós e ajuda a nossa mente a serenar.

Por fim, tudo o que represente linhas curvas é considerado auspicioso para o Feng Shui, porque segue o fluxo em que a energia positiva circula. Neste caso temos o bambu, cujas curvas naturais formam uma espécie de espiral, que representa o fluxo da vida. 

Feng Shui por Maria Helena

A vida amorosa

 

A linguagem simbólica do Feng Shui possui uma mística poderosa. Vou ensinar-lhe quais são os símbolos que ativam os relacionamentos amorosos, para que o romance seja uma constante na sua vida.

 

De acordo com os conhecimentos orientais milenares a peónia é a flor protetora do amor e dos relacionamentos. Assim, ter um quadro com peónias desenhadas é muito favorável para uma jovem solteira que queira encontrar par. Deve ser pendurado no quarto, a Sudoeste. Este símbolo deve ser evitado, contudo, num quarto de casal, pois como possui uma energia amorosa muito dinâmica pode potenciar a tendência para infidelidades.

 

Amor duradouro

Para os chineses, o símbolo máximo do amor entre duas pessoas é um casal de patos mandarins, que representam o amor duradouro e feliz. Pode arranjar dois patos mandarins em miniatura ou um quadro, sempre em número de dois. Para o Feng Shui as borboletas não são favoráveis a nível amoroso, pois estão associados a uma paixão efémera.

Para ter proteção na sua vida amorosa é fundamental que a energia em sua casa seja positiva. Para ter bom Feng Shui em casa são de especial importância as quatro figuras da boa sorte. A mais poderosa de todas é o dragão. Uma estatueta de um ou de dois dragões com uma pérola, ou um quadro com nove dragões, trazem sorte e proteção. A sua melhor localização é a Este, mas podem ser colocados onde quiser, à exceção do quarto, porque podem dificultar o sono tranquilo. A Fénix representa novas oportunidades e protege a vida financeira quando colocada a Sul. A Tartaruga é considerada pelos chineses como a criatura suprema, portadora de toda a boa sorte e proteção a todos os níveis. A sua carapaça está associada à resistência perante as dificuldades, sendo este animal também um símbolo de longevidade. Por fim, o Tigre é o outro animal considerado especialmente protetor.

 

Dicas de Feng-Shui    

Para os chineses a cigarra é um animal que representa a imortalidade. Assim, ter um amuleto feito de jade em forma de cigarra traz boa sorte e protege a saúde de quem a traz consigo.

 

 

 

 

Feng Shui - A criança em harmonia!

O Feng Shui é muito benéfico para melhorar a vida das pessoas, e assim como ajuda os adultos a terem maior bem-estar e equilíbrio na sua casa, também pode ser utilizado para melhorar as condições do espaço onde haja bebés ou crianças, permitindo criar um ambiente harmonioso à sua volta e transmitindo-lhes estabilidade e energia positiva, isto é, bom Feng Shui.

 

  

 

Preparar a chegado do seu filho

Se espera um bebé, mantenha o quarto onde ele irá ficar bem arejado e trate da sua decoração com bastante antecedência, para que quando o bebé nasça já não haja risco de inalação de produtos tóxicos. Escolha fibras naturais para os tecidos e abra bem as janelas diariamente.

 

Localização do quarto

O quarto das crianças deve estar voltado para Este, pois esta direcção corresponde ao Elemento Madeira e está associada ao crescimento. Se não puder colocá-lo nesta direcção, pinte uma parede de amarelo vivo ou utilize esta cor nas cortinas ou num objecto que dê vida ao quarto.

 

Criatividade acima de tudo

Estimular a criatividade e o desenvolvimento de uma criança deve ser uma preocupação básica dos pais. Para esse efeito decore uma parede com uma imagem colorida, mas tenha em atenção que para um bebé as imagens de animais da selva ou desenhos de cores muito vivas podem ser assustadores, embora se adeqúem a uma criança mais crescida.

 

Crescer em equilíbrio

À medida que o bebé cresce é natural que o quarto de dormir comece a ser também o espaço privilegiado de brincadeira. No entanto, deve existir um
contraste de cores ou uma organização do mobiliário que faça uma divisão entre o local onde estão os brinquedos e o local de repouso, onde está a cama. Se houver mais do que uma criança a dormir no mesmo quarto, deve igualmente haver algo que distinga de forma personalizada o espaço de cada uma delas, reforçando desta forma o seu sentido de identidade.  

 

 Dicas de Feng Shui para a criança

-Se o bebé tem um sono agitado, opte por lençóis lisos de cores que transmitam estabilidade, como o castanho, o azul e o lilás.

- O som é muito importante para os bebés, por isso coloque no quarto onde ele dorme um relógio ou qualquer outro objecto que emita um som
suave, cadenciado.

- Os sinos “mensageiros de vento” ou os mobiles adaptados para bebés são portadores de bom Feng Shui e ajudam a equilibrar a energia.

- No quarto de crianças mais crescidas ponha alguns elementos azuis, que reforçam a auto-estima, castanhos para dar uma sensação de
segurança e vermelho que encoraja a expressão da sua criatividade.

 

 

 

Liberte-se da desarrumação!

erros-a-evitar-na-decoracao-de-um-quarto.jpg

 

Agora que os dias estão mais pequenos e apetece ficar em casa, aproveite o tempo livre para renovar o ambiente que o rodeia! Sem nos darmos conta acumulamos em casa objetos dispensáveis, pensando que mais tarde nos virão a fazer falta.

 

Segundo o Feng Shui, o espaço onde vivemos afeta o nosso bem estar físico, mental e emocional. Uma casa desarrumada reflete uma mente desorganizada e bloqueia a capacidade de concentração. Acumular coisas antigas impede-nos de nos libertarmos do passado, de viver o presente e abrir portas ao que o futuro tem para oferecer. Mudar a disposição dos objetos, livrarmo-nos do que não nos faz falta, reciclar ou dar a outras pessoas cria espaço na nossa vida para novas alegrias e permite uma renovação a vários níveis.

 

Ao pormos a casa em ordem assumimos o controlo da nossa própria vida. Por outro lado, ter em casa objetos caros, mas com os quais não nos identificamos, impede-nos de ter uma visão clara de nós mesmos. Tudo aquilo que nos rodeia deve identificar-se connosco e fazer-nos sentir bem.

 

Se pensa que "um dia" vai limpar tudo de uma vez, irá adiando "esse dia" por tempo indeterminado. Não queira mudar tudo de repente, a pressa só o fará esgotar energias! Comece por pequenos passos diários. Deite fora revistas e jornais velhos. Esvazie diariamente o caixote de lixo e os cinzeiros.

 

Ao adquirir um objeto novo, doe outro mais antigo. Não guarde no seu armário coisas que já não usa há mais de um ano. Habitue-se a fazer uma limpeza geral semanalmente. Arrume os objetos de modo a conseguir encontrá-los rapidamente. Procure caixas ou armários que lhe pareçam atrativos, é fundamental gostar do que vê à sua volta. Mantenha algum espaço livre dentro dos locais de arrumação; segundo o Feng Shui espaços completamente cheios bloqueiam o fluxo de energia vital ("Chi").

 

É também importante que portas e gavetas abram sem dificuldade. Ter prateleiras por cima da cama ou das portas transmite sensações de opressão, falta de energia ou angústia. Do mesmo modo, guardar coisas debaixo da cama pode causar problemas de sono. Não pendure casacos pesados detrás da porta principal ou do seu quarto, que a impeçam de abrir completamente. Arrume tudo num local acessível mas que não esteja à vista. Quanto a objetos decorativos e fotografias, escolha alguns de que gosta e renove-os de tempos a tempos, pois irá apreciar melhor o que vê.

 

Analise as divisões de sua casa e seleccione aquilo que está a mais em cada uma delas. Arrumar a cozinha, o local onde preparamos e ingerimos os alimentos vitais para a nossa subsistência, cria espaço para receber conforto e apoio. A sala de estar ou jantar representa o modo como nos relacionamos com os outros, por isso procure perceber como pode melhorá-la. Encare a casa de banho como um espaço dedicado à purificação do seu corpo e aprenda a torná-lo o mais limpo possível. No quarto, se não houver ordem dificilmente haverá descanso.

 

Tendo em mente todas estas ideias, lembre-se que o Feng Shui procura a harmonia e o equilíbrio. De nada serve seguir estes preceitos se os encarar como obrigações. Descubra a sua maneira pessoal de encontrar harmonia. Se tem pouco espaço, aprenda a fazer opções e libertar-se daquilo que não lhe é necessário. Deixe a boa energia circular livremente no seu lar!

Para a semana irei trazer-lhe novas surpresas!

 

Dicas de Feng Shui

Seja criterioso na arrumação dos seus armários. Procure uma forma simples de dar mais valor às peças de que realmente gosta, e livre-se de tudo o resto! Quanto menos coisas existirem ao seu redor, melhor saberá apreciar cada uma delas!