Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Astrologia

Ritual para afastar o azar

 

Realize este ritual durante aqueles períodos em que parece que, faça aquilo que fizer, tudo corre mal. A lua nova é a melhor altura para o fazer, mas pode realizá-lo sempre que sentir necessidade.

Vai precisar de:

– 1 vela branca

– 1 frasquinho com água benta

– 1 amuleto cinco-saimão

– 1 copo com água

– sal

– fósforos

Preparação:

– Molhe a vela com água benta e acenda-a.

– Coloque um punhado de sal dentro do copo. Percorra toda a sua casa com o copo na mão e salpique todos os cantos com água e sal, para afastar as energias negativas. Salpique também a porta de entrada com água e sal, para que as más energias não entrem.

– Segure na sua mão direita o cinco-saimão e faça o sinal da cruz à sua frente, enquanto diz em voz alta esta oração popular portuguesa, muito antiga:

Pela cruz de São Saimão

Eu te benzo com a vela benta
na sexta-feira da paixão.

Treze raios tem o sol,
treze raios tem a lua.
Salta demónio para longe,
que esta casa não é tua.

– Quando a vela terminar de arder, deite fora os restos e traga o cinco-saimão sempre consigo.

13 superstições para espantar o azar

 

As superstições sempre existiram em todos os povos e culturas, ao longo da História da Humanidade. Elas são uma forma de proteção, aumentam a nossa sensação de segurança. Acreditamos nelas, porque sempre ouvimos os nossos pais e avós dizerem-nos que, se fizermos uma determinada coisa, não nos vai acontecer nenhum mal.

As superstições surgiram no desenrolar da História natural dos povos: alguém, em algum momento da História, agiu de determinada maneira e escapou ileso de um azar, e a partir daí espalhou-se a crença de que repetir essa mesma ação iria atrair a mesma proteção.

Por exemplo, uma das superstições mais comuns é a de bater 3 vezes na madeira quando dizemos algo que não desejamos que aconteça, para o "inimigo" não nos ouvir.

Existem outras superstições em que fazemos alguma coisa para atrair algo que desejamos, por exemplo fazemos um pedido quando vemos uma estrela cadente.

Uma superstição tem também a ver com algo que desejamos evitar. Muitas pessoas têm a superstição de não passarem debaixo de uma escada, outras não colocam a mala no chão para não ficarem sem dinheiro, outras só saem da cama com o pé direito, ou entram com o pé direito quando vão a uma entrevista de emprego ou a qualquer lugar importante, etc. As pessoas supersticiosas também têm receio das sextas-feiras 13, por exemplo.

Acima de tudo, lembre-se que ter medo de algo é o maior mal. A melhor forma de não sofrer com as superstições é acreditar que não há nada de mal que o Homem faça que Deus não desfaça!

As 13 superstições mais comuns:

1 - Partir um espelho dá 7 anos de azar. 

A superstição de que os seus próximos sete anos serão de azar se partir um espelho está bastante enraizada na cultura popular. Esta história tem origem na antiguidade e várias versões. A primeira revela que os romanos, que foram os pioneiros na criação de espelhos de vidro, acreditavam que se este se partisse tinha o poder de confiscar a alma da pessoa que ficaria para preso dentro dele, durante sete anos. Na Grécia Antiga, utiliza-se um método divinatório popular que consistia em usar uma tigela de vidro com água para refletir a imagem da pessoa que queria saber mais sobre o seu futuro. Se durante a consulta a tigela se partisse era sinal de que a pessoa morreria ou teria dias difíceis nos próximos tempos. A esta versão, os romanos acrescentaram que os “próximos tempos” gregos se traduziriam exatamente em sete anos. Para juntar ainda mais superstição a este objeto, a história foi alimentada durante a Idade Média. Este objetos eram muito caros, e portanto os patrões avisavam os seus empregados que se partissem o espelho iriam ter muito azar. Um estímulo psicológico para evitar, nada mais nada menos, do que uma perda material. 

Não deite fora os estilhaços. Esmague-os até os reduzir a pó e deite-os ao vento; guarde o pedaço maior e, na primeira noite de Lua Cheia seguinte, use-o para refletir a Lua. Então sim, pode deitá-lo fora, o azar já se foi embora.

2 - Abrir o guarda-chuva dentro de casa dá azar.

A superstição diz que abrir um guarda-chuva dentro de casa dá azar. A explicação para esta crendice vem da época da Grécia Antiga, em que os guarda-chuvas eram usados como proteção contra o Sol. Ao se abrir então um chapéu dentro de uma habitação estava a insultar-se o deus do Sol. Outra versão, explica que esta superstição nasceu porque este objeto protegia das tempestades da vida e que ao abrir-se dentro de quatro paredes, insultava os espíritos guardiões, levando-os a deixar a casa desprotegida.

3 - Quando a orelha esquerda está vermelha, é sinal que estão a dizer mal de nós.

Esta crendice é já muito antiga e diz que quando estão a falar mal de si, as suas orelhas ficam quentes. Segundo a história, a superstição nasceu da ideia, difundida durante o século 1, de que no ar existia uma espécie de “mercúrio universal”, que permitia a transferência de energia entre pessoas. Assim, quando alguém falava mal de outra pessoa, as palavras chegavam sempre aos ouvidos do outro.  Para afastar esta má influência, deve trincar a sua camisa ou camisola três vezes: acredita-se que, dessa forma, quem está a falar mal de nós trinca a língua!

4 - Entornar sal dá azar.

Foi durante o Império Romano que nasceu esta superstição. O sal era uma espécie de ouro – era a única forma de conservarem os alimentos - para este povo, portanto dizia-se que dava azar derrubá-lo de forma a que se tentasse preservá-lo ao máximo. Curiosamente, neste tempo, os soldados eram pagos com sal e daí a origem da palavra salário (salarium em latim). Hoje em dia, quando se derruba sal, de forma a cortar o azar, atira-se um pouco do mesmo por cima do ombro. A lenda diz que o diabo está sempre de pé atrás de nós, e dessa forma, atirando o sal para as nossas costas, conseguimos acertar-lhe nos olhos e cegá-lo. 

5 - Passar por baixo de uma escada dá azar.

Esta superstição surgiu porque uma escada aberta forma, em conjunto com o chão, um triângulo, símbolo da Santíssima Trindade, e por isso passar debaixo de uma escada ou escadote significa "violar" chão sagrado. Evite fazê-lo!

6 - Bater 3 vezes na madeira quando se diz algo que não queremos que aconteça.

Dar algumas pancadinhas na madeira para afastar o azar é uma superstição muito antiga. Acredita-se que a expressão nasceu com os índios americanos que tinham hábito de dar alguns toques nas árvores, quando pensavam estar a aproximar-se algum mal, pois segundo estes povos era nesse local que habitavam os deuses, e dessa forma chamavam a sua atenção para os acudir. 

7 - Varrer os pés de uma pessoa faz com que ela não case.

Ninguém sabe ao certo de onde surgiu essa superstição, mas acredita-se que estivesse relacionada com alguma feitiçaria lançada por uma bruxa. A verdade é que há muitas mulheres casadas que certamente tiveram os pés varridos quando ainda eram solteiras!

8 - Dizer “Deus te abençoe” depois de um espirro

Esta superstição nasceu com o Papa Gregório Magno, que durante a peste bubónica dizia a frase “Deus te abençoe” para alguém que soltasse um espirro, e que possivelmente estaria afetado pela doença. Diz a lenda que esta bênção evitava que a enfermidade se espalhasse e também que a alma escapasse do corpo durante o espirro.

9 - Cruzar os dedos

Embora não haja muitas teorias que provem a origem desta superstição, uma delas explica que na época em que o cristianismo era ilegal, cruzar os dedos era uma forma secreta de os cristãos se reconhecerem uns aos outros. Uma outra, mais antiga, refere que cruzar os dedos era uma forma de afastar as bruxas e os espíritos malignos da nossa vida. 

10 - Levantar-se com o pé direito, entrar com o pé direito

Os Romanos acreditavam que o lado esquerdo era maldito. Por exemplo, se a trajetória dos pássaros fosse para a esquerda, eles achavam que os próximos dias seriam de mau agouro. Com a difusão do cristianismo, o lado esquerdo continuou a ser mal visto, pois segundo a tradição cristão, os eleitos de Deus permaneciam sempre à Sua direita. Ao longo dos tempos, levantar com o pé direito era sinónimo de boa sorte, enquanto que levantar com o esquerdo significava  que o dia podia não correr muito bem. Claro que atualmente este é um caso típico de autossugestão.

11 - No dia do casamento o noivo não deve ver a noiva antes da cerimónia

Acredita-se que esta superstição terá surgido em tempos muito antigos, quando eram os pais quem arranjava os casamentos. Dessa forma evitava-se que o noivo, ao conhecer a sua noiva, se arrependesse e desistisse do casamento!

12 - Cruzar facas dá azar

Esta superstição tem origens judias. Os cristãos-novos tinham repulsa a tudo o que se relacionasse com uma cruz, porque embora se mostrassem cristãos por fora, para não serem massacrados, continuavam judeus por dentro. Por isso as facas cruzadas, que formavam uma cruz, eram consideradas símbolo de azar. 

13 - Pôr a mala no chão faz com que o dinheiro se acabe

Não se sabe de onde vem esta superstição, mas acredita-se que se receie que, estando os demónios "debaixo do chão" chegarão mais facilmente e de forma subreptícia aos nossos pertences, roubando-nos sem ninguém se aperceber.

7 plantas para limpar as energias de sua casa

7 plantas para limpar as energias de sua casa

A Natureza oferece-nos inúmeros recursos para restabelecer o equilíbrio energético dos espaços - e o nosso - e para que possamos recuperar a harmonia com que o Homem vivia em comunhão com o meio ambiente, antes da era da modernização. Conheça 7 plantas que possuem propriedades energéticas especialmente fortes e que pode e deve usar para purificar a energia que o rodeia.

1 - Alecrim

Os gregos queimavam-no como forma de prestar homenagem aos seus deuses, e desde a Antiguidade que o alecrim é considerado a planta da alegria, do amor e da boa memória. Diz-se que cheirar um pouco de essência de alecrim ajuda a aclarar a mente e a melhorar a memória. O alecrim limpa e purifica a energia de uma casa, atraindo as vibrações mais elevadas, que ressoam a alegria e a felicidade.

2 - Eucalipto

É sabido que o eucalipto purifica (já reparou na quantidade de xaropes e medicamentos para as vias respiratórias que o incluem na sua composição?), mas para além de purificar o ar ele também purifica - e muito - as energias, elevando-as. Queimar algumas folhas de eucalipto num espaço onde houve zangas e discussões ajuda a restabelecer a ordem energética.

3 - Salva

Esta é uma das plantas às quais se atribuem poderes mágicos desde tempos mais antigos. Acredita-se que tem a capacidade de purificar o ar, neutralizando bactérias e afastando as energias de baixa vibração. Queime salva para purificar a sau casa e espalhe também o fumo à volta do seu corpo, purificando-se a si mesmo. (Saiba mais sobre a Salva e a Sálvia Branca aqui)

4 - Funcho

Mais conhecido pelo chá que é feito com esta planta, acredita-se que o funcho tem propriedades mágicas que o associam ao sucesso, à força e à coragem, assim como à longevidade. Diz-se que fortalece o nosso campo energético, aumentando o poder pessoal graças à capacidade que tem de purificar a energia envolvente. Estimula a auto-confiança e a vitalidade.

5 - Manjericão

Os italianos atribuem a esta planta a capacidade de atrair o amor e a fertilidade pois acreditam que a sua essência ajuda a estimular e a abrir o chakra cardíaco, facilitando a expressão dos sentimentos e a fluidez das emoções. Está associada à paz na família, ao amor verdadeiro e à união do casal, assim como ao otimismo. Pode tê-la fresca, em vasos, na sua casa, ou queimar incensos ou essências de manjericão, que afastam a negatividade entre o casal e ajudam uma mente depressiva a libertar-se de pensamentos pessimistas.

6 - Oregãos

Assim como o mangericão, também os orégãos têm um lugar de destaque na tradição popular italiana. Diz-se que o chá de oregãos era usado para lavar as parede exteriores de uma casa, como forma de criar uma barreira contra a bruxaria e as más energias. Acredita-se, também, que eles têm o poder de evitar doenças de ordem emocional ou física, promovendo a paz e a tranquilidade, assim ckmo a clarividência.

7 - Alfazema

Esta planta tem um forte poder calmante, e por isso induz a uma atmosfera relaxante e harmoniosa. Queimar alfazema - ou tê-la num saquinho a partir do qual possa emanar o seu perfume - ajuda a dormir melhor, a acalmar temperamentos agressivos ou agitados, a promover o amor, a paz e a união entre o casal.

Como fazer banhos de ervas

Como fazer banhos de ervas

Todos temos ao redor do nosso corpo físico um campo electromagnético, mais conhecido como aura. Quando passamos por situações complicadas que geram energias desequilibradas, elas agregam-se à nossa aura, podendo provocar doenças, mal-estar, etc.. Os banhos de ervas ajudam a limpar a aura fazendo com que ela volte a funcionar normalmente, harmonizando e equilibrando as energias.

 

Os banhos de ervas servem principalmente para limpar as energias negativas, afastar influências negativas, reequilibrar. Cada planta tem características próprias que interagem com as nossas energias provocando as mudanças necessárias para o equilíbrio do corpo. As ervas podem limpar, energizar, melhorar a auto-estima, relaxar, etc.

Os banhos de ervas secas devem ser preparados por infusão, ou seja, essas ervas devem ser colocadas num recipiente com água a ferver que será tapado e permanecerá assim pelo menos por 15 minutos.

As ervas secas não devem ser fervidas pois precisam de ser ativadas antes de serem utilizadas. A ativação de ervas secas faz-se esmagando-as e friccionando-as um pouquinho entre as mãos.

Os banhos de ervas frescas devem ser preparados por maceração, ou seja, as ervas frescas devem ser colocadas num recipiente com água e maceradas durante alguns minutos.

Se utilizar caules, raízes mais grossas e talos duros deve fervê-los durante um período médio de 30 minutos. Os banhos de ervas devem ser tomados depois do banho higiénico, podem ser coados e devem ser preparados sempre com um número ímpar de ervas. Para potencializar o poder energético dos banhos pode utilizar águas naturais como água da chuva, do rio ou do mar.

 

TIPOS DE BANHOS 

Banho de Descarga: Serve para limpar a pessoa de cargas energéticas negativas. Há dois tipos de banho de descarga: o primeiro é o banho de sal grosso - que lava toda a aura, desmagnetizando a pessoa. Não deve ser deitado na cabeça e após este banho deve tomar imediatamente um banho de ervas para equilibrar as energias.

O outro tipo de banho de descarga é o banho de ervas, que tem um efeito mais duradouro, pois algumas ervas são naturalmente descarregadoras e retiram as más energias da aura. Para preparar este tipo de banho deve utilizar ervas quentes como arruda, erva-da-guiné, aroeira, etc. Depois de um banho de descarga deve tomar um banho para energizar, equilibrar, acalmar, restaurar as energias.

Banho de Energização: Reativa os centros energéticos e refaz o teor positivo da aura. Deve utilizar ervas mornas como pétalas de rosas brancas ou amarelas, alecrim, alfazema, levante, entre muitas.

 

ERVAS QUE PODEM SER UTILIZADAS NOS BANHOS

Alecrim

Para prosperidade, abertura de caminhos. Afasta a tristeza.

Aroeira

Usada para descarga e para remover toda a negatividade. Usar do pescoço para baixo.

Arruda

Desagrega fluidos negativos, destrói as larvas astrais, destrói a acumulação energética proveniente da repetição de pensamentos negativos emitidos pela pessoa que toma o banho. Limpa a aura.

Absinto

Usada em banhos de limpeza e descarga, é desagregadora de fluidos negativos. 

Guiné

Facilita a comunicação com os bons espíritos, desagrega formas de pensamento de baixa vibração, transmite boas energias, elimina o cansaço e a indisposição e combate as obsessões de natureza sexual.

Alfazema

Equilibra as nossas energias, traz paz e harmonia e ajuda na limpeza e purificação do ambiente.

Espada de São Jorge

Usada para proteção.

Anis estrelado

Usada para chamar dinheiro, melhorar a auto-estima e abrir os caminhos amorosos. Usada também para potenciar boas amizades, paz e triunfo quando usada na forma defumada em conjunto com outros ingredientes.

Folhas de Eucalipto

Usadas para limpar energias e para fortificar o espírito.

Ervas para ter prosperidade

Canela, cravo, erva-doce, camomila, anis estrelado e louro. 

Sálvia

Usada em muitas culturas como uma maneira de eliminar a energia negativa, pode ser usado em rituais de limpeza para aliviar a eficácia de uma maldição.

Zimbro

O Zimbro é uma erva que tem sido usada durante séculos por xamãs e curandeiros para limpar e purificar.

Como posso proteger-me de quem não gosta de mim?

 

Verdade seja dita: você não gosta de todas as pessoas que conhece. Mesmo que seja uma pessoa simpática e extrovertida, pode haver sempre uma ou outra pessoa que, sem saber bem porquê, não conquista a sua simpatia. Nem todas as pessoas que nos rodeiam são bem-intencionadas. Sabermos escolher as pessoas que convivem connosco é uma condição essencial para termos uma boa energia à nossa volta. 

Se gosta de todas as pessoas e sente que todas as pessoas gostam de si, parabéns! É uma alma mais evoluída, que se encontra já num estado evolutivo de maior harmonia com o Mundo e consigo próprio. Contudo, muitos de nós ainda não alcançaram esse patamar, e por essa razão acontece, ao longo da nossa existência, cruzarmo-nos com pessoas que parecem apostadas em fazer a nossa vida num inferno, muitas vezes sem que consigamos compreender porquê. Nem todas as pessoas são boas, e muitas vezes as atitudes dos outros para connosco (e as nossas para com eles) refletem os traumas e as memórias do passado que evocamos neles. Essas memórias evocam histórias que estão escondidas ao longo da vida, às vezes no início da idade adulta, quando enfrentamos as primeiras desilusões "a sério", às vezes na juventude, quando enfrentamos limites e decepções, às vezes na infância, quando o ambiente que nos rodeia não compreende a nossa essência e não satisfaz as nossas necessidades de amor, e às vezes noutras vidas.

Aqueles casais que, mesmo depois de um divórcio ou separação, continuam a alimentar um ódio mútuo um pelo outro, tão intenso que reflete um apego intrínseco, são um dos exemplos mais flagrantes, que pode apontar para um desamor nascido noutras vidas (veja mais aqui). Da mesma forma, também os pais e filhos que alimentam inimizades inexplicáveis, os irmãos que nunca se aceitaram.

Todas essas histórias que nos acompanham, nas quais existe uma ferida profunda que parece estar eternamente aberta, podem radicar em vidas passadas. Quando não somos capazes de perdoar algo que nos fizeram, o acontecimento que provocou essa mágoa pode ter surgido nesta vida como reflexo de algo que ficou por resolver numa vida passada. Um pai que abandonou o seu filho, por uma razão que este nunca foi capaz de aceitar nem perdoar, pode reencarnar nesta vida num papel diferente, como pai ou mãe do progenitor que o abandonou, e que hoje não consegue confiar nele. Pode ser, também, um parceiro amoroso, que suscita no primeiro sentimentos excessivos de medo da perda, necessidade de um controlo extremo, ciúme e possessividade levados ao exagero. "Se me abandonaste noutra vida, podes voltar a abandonar-me agora" - é a mensagem inconsciente, inscrita na nossa alma, que hoje nos impede de confiar naquela pessoa. Ser vítima de uma injustiça forte, sofrer uma humilhação, ser maltratado - todas essas situações geram um desequilíbrio que carregamos, num lugar escondido da nossa alma, e que continuam a afetar as ligações que estabelecemos no presente, seja com aquela pessoa, seja com outras. Do mesmo modo, existem pessoas com quem temos uma estranha necessidade de brigar, como se tudo o que aquela pessoa faz nos irritasse como se se tratasse de uma ofensa pessoal. A nossa alma sabe porque razão age dessa forma defensiva, mas nós não sabemos, e muito menos a outra pessoa o compreende. Assim, para resolver essas situações é essencial, em primeiro lugar, reconhecer a origem do problema, algo que se consegue através de uma consulta de regressão ou de cura kármica. 

Depois, é muito importante preencher o coração com a energia pura do amor, que traz consigo o perdão: a única forma de nos libertarmos. "Há coisas imperdoáveis", mas ainda assim temos sempre a possibilidade de escolher "deixar ir": afastar a nossa mente e desvincular efetivamente a nossa alma e o nosso coração daquela situação e daquela pessoa, para que ela não possa afetar-nos nunca mais. Os trabalhos de limpeza energética, a cura de karmas passados feitos com a ajuda da Chama Violeta, por exemplo, são ferramentas essenciais de cura. É fundamental voltar mentalmente ao passado, com a ajuda de um terapeuta especializado, para que, face à origem do problema, possamos cortar esse laço que se tornou num nó kármico, desapegando-nos dele, libertando a nossa alma dele. 

Também existem situações contrárias, casos em que fomos nós que maltratámos outros, que cometemos injustiças e atos de crueldade. Nesses casos é frequente que hoje essas pessoas nos evitem, que mantenham connosco uma atitude de desconfiança, que estejam sempre de pé atrás em relação a nós, ou que nós sintamos uma espécie de necessidade absurda de proteger, de perdoar, de aceitar atitudes inaceitáveis, como se "lhes devêssemos isso". 

Nos relacionamentos que vieram de outras vidas existe também muitas vezes um ódio que foi gerado por um amor não correspondido. Alguém que nutria um amor profundo por si, ao qual você não correspondeu, pode surgir na sua vida como alguém que, hoje, rejeita o seu amor. Uma traição ou um relacionamento violento impregnam uma relação entre duas pessoas num desequilíbrio que pode arrastar-se por vidas sucessivas, até que uma das pessoas quebre esse ciclo. Para o fazer é necessário um profundo trabalho interior de reconhecimento do problema, identificando através da regressão aquilo que despoletou essa situação de conflito, para poder perdoá-lo e libertar-se dele. Por outro lado, é essencial também curar o seu próprio coração e atrair o amor e a energia da cura para a sua vida. Quando desatamos um nó que nos traz mágoa e dor estamos a abrir o nosso coração para um futuro mais risonho e feliz, em que só o amor pode governar, atraindo coisas positivas para a nossa vida. 

Ao focarmos a nossa mente em pensamentos positivos atraímos naturalmente a proteção  de que precisamos e elevamos a nossa energia de tal maneira que a cura é puxada para a nossa vida. 

 

Mas nem só os relacionamentos amorosos ou familiares escondem nós kármicos que nos apertam o coração. Existem também estranhas situações em que pessoas com quem não temos uma intimidade assim tão grande parecem estar obcecadas com a nossa vida, como se cada passo que damos lhes fizesse sombra. 

- Tem alguma pessoa que parece estar sempre a par do que acontece na sua vida?

- Existe alguém que denigre a sua imagem perante os seus colegas ou amigos, sem haver um motivo aparente para o fazer?

- Alguma pessoa se apressa a espalhar aos sete ventos o mínimo erro que você comete?

Estas situações, e outras idênticas a elas, escondem muitas vezes também problemas que foram criados em encarnações anteriores. Naturalmente que são ação de pessoas mal intencionadas e que devemos manter-nos afastados delas, mostrando que nenhum poder têm sobre nós. Mas evite enviar ódio como resposta a atos de ódio, pois aí sim, ficará preso a essa pessoa numa cadeia permanente. 

Uma das formas mais eficazes de se proteger, além de afastar-se fisicamente de quem lhe faz mal, para que não tenha como interferir e prejudicar a sua vida, é usar o poder protetor dos banhos de limpeza e das benzeduras. 

Banho poderoso das 7 ervas de proteção - veja aqui como fazer

Benzedura para afastar a inveja e tirar o quebranto - veja aqui como fazer

A oração funciona também como um escudo muito poderoso para defender-se de energias negativas, ajudando-o a manter-se seguro numa frequência energética positiva. Algumas das orações de proteção mais eficazes são:

Oração para nos protegermos de quem nos quer mal

Oração poderosa à Cruz de Caravaca

Outro sinal que muitas vezes aponta para a existência de pessoas que, por algum motivo, têm uma situação mal resolvida connosco tem a ver com os chamados "ataques psíquicos", situações em que nos sentimos estranhamente mal sem compreendermos porquê, em que somos acometidos por súbitas dores de cabeça, tonturas, fraqueza nas pernas e nos braços, um sono inexplicável, quebras de energia.

Quando estiver nessa situação afaste-se e reze uma oração. Se não puder afastar-se, peça a Deus, seja qual for a ideia que Dele tiver, que venha em seu auxílio. Uma oração que pode rezar enquanto se encontra com alguém que pode ter sentimentos negativos em relação a si é a oração de proteção de São Miguel Arcanjo.

É muito importante procurar sempre elevar a nossa energia, pois quanto mais desanimamos mais baixa a nossa energia, que fica assim ao nível da energia da pessoa que nos prejudica. Ter pensamentos positivos cria uma barreira protetora.

Confie no poder transformador da Chama Violeta para transmutar as energias e sarar um desafeto do passado. Entregue as suas preocupações à Chama Violeta e veja-as serem dissipadas pelo fogo, transformando-se em energia de amor.

Quando é você quem se sente desconfiado em relação a alguém que nunca lhe fez mal, quando ao longo do tempo a vida lhe vai provando que nada tem a recear em relação a determinada pessoa e, mesmo assim, você não consegue ter uma atitude relaxada com ela, pode dar-se a situação contrária: ela está mais evoluída espiritualmente do que você, que por qualquer motivo não consegue perdoar uma ação remetida para um passado longínquo. Procure, mesmo assim, contrariar a sua mente e abrir o seu coração, forçando-se a reconhecer que hoje essa pessoa nada faz que seja digno da sua desconfiança. Muitas vezes a vida encarrega-se de retificar os karmas; se aquela pessoa lhe fez algo negativo noutra vida, hoje pode estar presente na sua existência para reparar esse dano e fazer algo positivo por si.

Abra o seu coração ao amor, a mais pura energia universal. Desate os nós que o aprisionam e baseie os seus laços no perdão.

7 cristais que protegem a sua energia

7 cristais que protegem a sua energia

Para proteger a sua energia contra pessoas ou situações negativas, que o deixam desvitalizado, cansado, com dores de cabeça, náuseas ou até a sentir-se doente, basta ter alguns cuidados e fortalecer o seu campo energético.

Conheça os hábitos de higiene espiritual que deve ter - clique aqui

A energia própria de cada cristal atua sobre a nossa energia pessoal, reforçando-a consoante as áreas de ação específicas de cada cristal. É muito simples utilizá-los:

- Limpe-os todos os meses, antes da Lua Cheia;

- Recarregue-os na primeira noite de Lua Cheia, para estarem com a sua energia sempre elevada;

- Disponha-os num lugar de destaque da casa, como por exemplo na sala, ou no lugar onde restabelece a sua própria energia, como é o caso do quarto;

- Nos dias em que se sente mais cansado, ou em que sabe que vai estar com pessoas que geralmente "sugam" a sua energia, leve um, dois, ou três cristais consigo no bolso. Agarre-os com firmeza na mão nos momentos em que sentir necessidade de recuperar energias.

- Pode também ter alguns destes cristais no carro, no porta-luvas ou em qualquer lugar onde não estejam visíveis - dessa forma estará sempre protegido em viagem, e protegerá também o seu próprio carro.

 

Os 7 cristais que melhor protegem a sua energia são:

1 - Turmalina negra

Este é considerado um dos melhores cristais de proteção energética. Ele funciona como um escudo e ainda limpa a sua energia. Repele todo o tipo de energia de baixa vibração, fazendo com que se afaste de si.

 

2 - Ametista

Este cristal tem uma profunda ligação com o plano espiritual e, pela sua cor violeta, transmuta (isto é, transforma) as energias, purificando o seu campo energético e ajudando-o a manter-se sempre em paz e equilíbrio. Ele é também muito benéfico para proteção contra pessoas que tentam manipular-nos ou influenciar-nos negativamente.

 

3 - Labradorite

Este cristal também tem uma forte ligação ao mundo espiritual e por isso é uma preciosa ajuda contra espíritos que tentem interferir connosco de forma negativa. Ajuda, ainda, a própria pessoa a libertar-se de karmas, bloqueios, medos e mágoas que acumulou, de forma consciente ou inconsciente.

 

4 - Quartzo Fumê

Este cristal ajuda a ter uma energia mais forte e a libertar-se de quaisquer hábitos que prejudiquem o seu equilíbrio e bem-estar, sendo favorável para ajudar na libertação de vícios, por exemplo. Por outro lado, ele é muito eficaz para proteger-nos contra inimigos, que deixam de conseguir sentir a presença da nossa energia e, dessa forma, prejudicar-nos.

 

5 - Obsidiana

Este cristal faz uma profunda limpeza energética no campo áurico de quem a utiliza, criando uma espécie de "bolha de proteção" que afasta a energia negativa, repelindo-a.

 

6 - Ónix

É semelhante à obsidiana, sendo ligeiramente mais escuro e menos brilhante, e atua de forma diferente, pois em vez de repelir as energias negativas absorve-as, neutralizando-as. É ideal para utilizar quando não sabemos de onde vem a negatividade que nos afeta.

 

7 - Olho de Tigre

Este cristal ajuda a ter mais força e solidez, o que faz com que seja mais difícil deixarmo-nos afetar por influências negativas, visto que a nossa própria energia se encontra mais forte.

Os Anjos da Guarda

O dia 2 de Outubro é consagrado aos Santos Anjos da Guarda, os fiéis guardiões que nos acompanham em todos os nossos passos. Aprenda a conhecer melhor o seu companheiro especial e ofereça-lhe uma oração de agradecimento.

"No momento em que nascemos, o nosso Anjo da Guarda vem para junto de nós, e fica ao nosso lado até chegar a hora de voltarmos ao Céu. Ele ama-nos, incondicionalmente, em todos os momentos da nossa vida. Não nos recrimina quando não agimos bem, nem espera que façamos as coisas de determinada maneira. Vê em nós, sempre, o potencial para sermos fantásticos, para fazermos grandes realizações. O nosso Anjo da Guarda é o nosso fiel guardião, que assegura que estamos sempre protegidos, embora respeite a nossa privacidade sempre que precisamos dela. (...) Por vezes, os Anjos ajudam-nos através de seres que caminham ao nosso lado ou que cruzam o nosso caminho. Esses são as pessoas ou animais que surgem, aparentemente por acaso, quando a vida nos confronta com uma escolha difícil, com uma prova que não estamos certos de conseguir ultrapassar, ou quando nos sentimos mais sós. Há quem acredite, também, que quando um ente querido deixa esta vida ele passa a guardar-nos no Céu.

Cada pessoa tem um Anjo da Guarda que lhe é destinado, e cujo crescimento espiritual acompanha o seu. Embora os Anjos da Guarda sejam mais evoluídos espiritualmente, eles também estão a fazer a sua aprendizagem, e a sua missão é cumprida através da ajuda que nos prestam. Para encontrar o seu Anjo da Guarda só precisa de ter o coração aberto e uma mente pura que se deixe deslumbrar pela riqueza ímpar da vida. Cada vez que se queixa, que reclama, que lamenta, o seu Anjo da Guarda entristece. Porque, como um pai que zelosamente tudo faz pelo filho e que não recebe reconhecimento, carinho ou gratidão, sente que o labor que diariamente tem consigo é menosprezado. Mas os Anjos não desistem de si, não lhe viram as costas nem o deixam sozinho, porque a sua essência é feita de amor e o amor compreende, aceita e perdoa."

 

Oração para agradecer ao Anjo da Guarda 

Anjo da paz, Anjo da Guarda a quem sou encomendado,
meu defensor!

minha vigilante sentinela, graças te dou,
 pois que me livraste de muitos danos
e perigos do corpo e da alma.

Graças te envio porque, estando dormindo,
tu me velaste, e acordado me encaminhaste,
ao ouvido com santas inspirações me avisaste.
Ajuda‑me e guarda‑me sempre, de noite e de dia,
meu bom Anjo da Guarda, minha Divina companhia.

Rezar um Pai Nosso e uma Avé Maria.

 

do livro de Maria Helena Anjos e Milagres: Orações para o Céu descer à Terra

O cristal amuleto de cada signo

Cristais.jpg


Sabia que de acordo com o elemento a que cada signo pertence é possível encontrar o amuleto certo para o proteger, ativando o seu potencial e pondo em destaque a sua energia mais positiva?

Carneiro: Jaspe Vermelho – beneficia a saúde, a fertilidade e a abundância. Protege contra a inveja e a energia negativa, dá força e dinamismo.

Touro: Quartzo Rosa – ajuda a atrair o amor e a desenvolver o poder de sedução.

Gémeos: Pedra do Sol – amplia a energia positiva e cria a harmonia no lar.

Caranguejo: Quartzo Transparente – promove a cura e tranquilidade para a sua vida.

Leão: Olho de Tigre – aumenta a capacidade de detetar os perigos, vencer os inimigos e aumentar a força.

Virgem: Ametista – cria estabilidade, dá força e vigor físico e promove a paz interior.

Balança: Cornalina - harmoniza o corpo e a mente. Auxilia na entrada de dinheiro e na conclusão de projectos com sucesso.

Escorpião: Onix – ajuda a tomar decisões com sabedoria e serenidade. Aumenta o autocontrole das emoções.

Sagitário: Venturina – auxilia nos bons negócios estimulando a criatividade e concretização dos mesmos.

Capricórnio: Obsidiana – desenvolve a confiança e o poder pessoal. Afasta as energias negativas.

Aquário: Sodalite – elimina o medo, acalma e limpa e estabiliza a mente.

Peixes: Pedra da Estrela – aproxima os apaixonados, aumenta a concentração e a intuição. É a pedra ideal para os estudantes.

Uma forma simples de se livrar das más energias!

Reza a lenda que o Olho Turco passou a ser usado como amuleto na Turquia desde o dia em que um homem que, dizia-se, tinha "olho gordo", ou seja, inveja, conseguiu quebrar uma rocha só de olhar para ela.

Desde então, os turcos passaram a acreditar que o mau olhado era algo com um poder terrível, e que para estarem protegidos precisavam de ter consigo um "olho grande" também, que serviria como escudo.

 

O Olho Turco protege quem o possui e afasta as invejas, energias negativas e mau olhado. É um dos mais fortes amuletos de proteção contra a inveja e o mau olhado.

Pendure o seu Olho Turco junto da porta de entrada de sua casa, para afastar as invejas e o mau olhado que lhe tiram energia e saúde.

olho turco maria helena.gif

Veja grátis: Horóscopo diário !

 

maria helena.jpg

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

Elefante da Sorte

O elefante representa a determinação e o empenho que nos levam a conquistar os nossos objetivos e a concretizar os nossos desejos. É um símbolo da firmeza, da determinação e do empenho!

O elefante é também um poderoso amuleto de proteção, que representa a sabedoria e a força.

Na Índia, os elefantes são venerados pois acredita-se que eles têm a capacidade de atrair a sorte e que são um poderoso símbolo de proteção.

Por essa razão, mesmo no Ocidente temos a tradição de colocar um elefante em casa, de costas viradas para a porta, pois dessa forma atrairá a sorte.

Colocar o elefante virado de frente para uma janela atrai a boa sorte.

Esfregar a tromba de um elefante antes de sair de casa traz sorte e novas oportunidades.

elefante da sorte.jpg

 

Veja grátis: Horóscopo diário !

 

maria helena.jpg

 

Envie-me um e-mail em branco e receba uma surpresa!

Clique aqui!

 

Mais informações para:

Telefone: (00351) 21 092 9000

E-mail: mariahelena@mariahelena.pt

Site: http://www.mariahelena.pt/

Facebook: www.facebook.com/MariaHelenaTV

logo dra.png