Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Astrologia

“Por ser Leão toda a minha vida é um show”

Passou a ser uma menina querida dos portugueses, a partir do momento em que a sua Becas se apresentou ao mundo em Morangos com Açúcar. Hoje
conquistou um lugar de destaque na produção nacional e é uma actriz reconhecida. Sara tem 27 anos, considera-se uma mulher de espírito positivo e
confessa que se identifica mais com o seu ascendente do que com as características do seu próprio signo. Conheça mais sobre o lado místico de Sara
Prata.

 

Acredita na Astrologia, costuma ler o seu horóscopo?

Não só acredito como a uso como uma ferramenta para perceber pessoas, atitudes, medos e determinação. Leio sempre o horóscopo, o meu signo e
o meu ascendente. Geralmente identifico-me mais com a leitura do meu ascendente. Não determino a minha próxima semana com essa leitura, mas gosto de tirar alguma reflexão para mim.  

 

Acredita que os astros influenciam a sua vida?

Todo o nosso universo tem uma ordem, uma regra minuciosamente a ser cumprida e obviamente ao entrarmos nessa composição também somos influenciados, fazemos parte deles. O dia por si só já tem tantas fases, o ano tem estações, obviamente que eu ao nascer num determinado mês, terei
determinadas características, assim como todo o meu futuro ficará ligeiramente determinado segundo impulsos que esse signo astros me deram. Eu sei
que são as minhas escolhas que vão determinar o meu caminhar e acredito que os astros me influenciam e ajudam a determinar melhor esse caminho.  

 

É nativa do signo Leão, revê-se em algumas características do seu signo?

Muitas vezes por brincadeira digo que por ser Leão toda a minha vida é um show  e que vou precisar sempre de público. Claro que com isto o que eu quero dizer, é que a determinação de luta e de alcançar todos os sonhos, a coragem de acreditar que tudo é possível, é uma característica do meu signo, mas jamais conseguiria fazer sozinha, sem ter perto de mim aqueles que amo e que fazem parte da minha vida. Leão sem o seu reino à volta não seria um Leão, um líder.

 

Já lhe aconteceu ir ler um texto de compatibilidades astrológicas para saber mais sobre um namorado ou para ver se é compatível com ele?

Talvez em criança. Hoje vejo as coisas de forma diferente. Todas as pessoas tem de ter a liberdade de ter as próprias características, de poderem
ser elas próprias e amar é isso mesmo, é encontrar o equilíbrio entre a nossa pessoa e a outra. Não anular características, nem personalidades. Mas
também acredito que há uma influência tão grande em nós, que nos aproxima de seres compatíveis, com algo em comum.

 

Quando constrói uma personagem, já alguma vez pensou em termos de signos, isto é, de que signo é que esta personagem seria? Por exemplo a Susana, da novela Espírito Indomável… de que signo seria?

Penso em todos os tópicos, desde o que como, que desporto pratica, que tipo de livro lê, como anda, como senta e sim que signo tem ou em que mês nasceu. Quanto à Susana, fiquei sempre indecisa entre Gémeos ou Virgem.Talvez pela capacidade de Gémeos viver a sonhar acordado, mesmo que isso depois não os deixe chegar a uma realização, porque já passaram para o sonho seguinte, perdem-se na própria determinação. Por outro lado, Virgem dava-lhe aquela ligeira obsessão pelas próprias coisas, o seu universo pessoal e único, aquela dificuldade nata de perceber que há outro mundo e outra forma de ver as coisas sem ser a dela. 

 

Alguma vez fez uma consulta de Tarot, ou pediu a alguém para lhe ler cartas?

Sim. Acho que pudemos usar algumas informações como indicações, como conselhos, quase um género de recorrer a uma cábula, mas não quer dizer
que depois venha a acontecer tal como sai. Pois nunca pudemos esquecer que somos seres livres e que cabe a nós optar, esquerda ou direita, amar ou
deixar. A vida será sempre nossa.

 

Já ouviu falar sobre o Feng Shui, faz sentido para si usarmos técnicas orientais para criar bem-estar e energia positiva nas nossas casas?

Não só conheço como sigo alguns conselhos do Feng Shui. Já alterei coisas em minha casa e já decorei de origem de acordo com essas técnicas. A Energia é o meu elemento principal. É o que eu mais quero cuidar, alimentar, e evoluir no meu dia-a-dia. Tento que a  minha casa seja uma fonte de boa energia, que me ajude e me inspire, seja o meu porto de abrigo. 

 

 

 

CRENÇAS E MITOS

 

 

Acredita em Fadas, sonhos premonitórios ou anjo da guarda?

Acredito que todo o universo é dividido e partilhado de muitas formas. Eu como ser Terrestre tenho todas as capacidades de nascer, crescer, evoluir, viver e morrer, todo este processo é comum. Mas também acredito que não será só apenas uma única vez. Felizmente acredito que temos hipóteses de
fazer de outra forma, de aprender para ajudar numa outra vida, ser uma nova pessoa. E acho que durante essa viagem entre o ir e o voltar também existem processos, etapas, e talvez aí encaixe os meus anjos da guarda, que de alguma forma o crescimento deles chegou ao fim.

 

Qual é o seu número da sorte?

Se calhar, por ser um bocadinho do contra, é o 13. É um número cheio de significado, que me atraiu e ficou assim o meu número de eleição, hoje
apenas me transmite sorte.

 

Acredita na alma gémea? Acha que todas as pessoas encontram a sua?

Não acredito em uma alma gémea. Acredito em pessoas com características semelhantes, com atracções que não se explicam, acredito em
sentir: este é o tal. Acredito em identificações de almas mas não que exista só uma.

 

É uma pessoa de espírito positivo?

É a minha religião. Tem de se acreditar e fazer da nossa forma de viver um culto. O espírito positivo também se constrói.

 

Qual é o seu dom especial?

Cuidar dos outros e fazer com que tudo isto valha a pena. Tenho o dom de viver.

 

Costuma rezar a Deus ou alguma força superior?

Rezo a mim própria, converso comigo e acredito na minha força para cuidar, amar e viver por mim própria. Sei que temos a capacidade para gerir
e fazer das nossas decisões opções únicas. Não podemos deixar nas mãos de um Ser, como por exemplo Deus, a responsabilidade das nossas próprias
acções. Por isso peço a mim própria, pois sei que também poderei concretizar os meus próprios milagres. Acredito na nossa força.

 

Já alguma vez ouviu falar do pêndulo? Sabe como funciona? Gostava de ter um, que pudesse usar sempre que precisa de ter uma resposta imediata?

Conheço, já usei, mas não o uso como uma ferramenta diária, até porque gosto de acreditar que nem tudo está previamente delineado. Que eu posso
escolher. Mas se precisar e achar que é o melhor, recorro e acredito.  

 

 

INTIMIDADES

 

Sara Isabel Duarte Prata nasceu em Setúbal no dia 9 de Agosto de 1984. É do signo Leão, tem ascendente em Escorpião. Ela é actriz, formada pela Escola Profissional de Teatro de Cascais e apareceu, pela primeira vez, na série juvenil da TVI Morangos com Açúcar, onde desempenhada o papel de Becas. A partir daí tornou-se uma constante nas novelas portuguesas, tendo um papel muito divertido na última história da TVI, Espírito Indomável, onde interpretou a “nova rica” Susana que se apaixonou pelo campónio Tristão (Pedro Lima).